PT Login
PT

Sofia Barroso & André Pereira: “Estávamos, de facto, felizes!”

Conheceram-se num bar, tinham amigos em comum, mas foi através das redes sociais que conseguiram ultrapassar a timidez que os sentenciava apenas à troca de olhares e sorrisos cada vez que se cruzavam. Até que chegou o dia em que, finalmente, Sofia e André arriscaram e deixaram o sentimento falar. Um sentimento que cresceu e se tornou num amor maduro, sereno, entre duas pessoas que se completam e que se tornaram os melhores amigos, companheiros e confidentes. O pedido – lindo e mágico – surgiu inesperado, sabendo André que Sofia tinha o sonho de se casar. E num abraço quente e num beijo caloroso, entre lágrimas, Sofia conseguiu dizer SIM. 

O grande dia? Não podia ter corrido melhor! “Tudo o que imaginámos aconteceu”, contou-nos Sofia, sobre um dia salpicado de branco e rosa bebé, repleto de emoções e alguns momentos de descontracção engraçados. “Estávamos, de facto, felizes!”, recorda.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Fiquem a conhecer a bonita história de Sofia e André, nas palavras dela e através da fotografia da Por Magia – Photography.

Como se conheceram?

Bem, nós cruzámo-nos pela primeira vez no final de 2011, na zona da baixa portuense, num bar que ambos frequentávamos. Tínhamos alguns amigos em comum e por isso acabámos por nos encontrar na famosa rede social, o Facebook. Cruzávamo-nos ao fim-de-semana, mas ambos somos reservados e, apesar de algumas trocas de olhares e sorrisos tímidos, nunca falámos um com outro. Os meses passaram e deixámos de nos cruzar com tanta frequência. Em Agosto de 2012 e através do Facebook, tudo mudou. Um like aqui, um comentário ali e começámos a falar. Para duas pessoas reservadas, de facto, as redes sociais têm o poder de desinibir alguns comportamentos. Assim marcámos o nosso primeiro café e muitos surgiram depois deste. Na altura por motivos de trabalho, eu tinha que me deslocar várias vezes a Espanha onde passava sempre 2/3 dias por semana e lembro-me que o André se tornou o meu companheiro de viagem. Falávamos sempre no chat e a preocupação e o carinho que demonstrava comigo fizeram o sentimento crescer. Até que no dia 20 de Outubro percebemos que devíamos arriscar e deixar o sentimento falar.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Quanto tempo depois decidiram casar? Como foi o pedido?

Decidimos casar no fim de Janeiro de 2016, porque percebemos que ambos queríamos muito constituir família. Apesar de já vivermos juntos, o meu sonho de casar esteve sempre presente e o André percebeu o quanto isso era importante para mim. O pedido foi lindo e mágico, como todos os pedidos de casamento, aliás. Eram cerca das 23h e o André insistiu em sair para irmos passear. Lembro-me que estava frio e que estava cansada e por isso resmunguei muito, mas claro fiz-lhe a vontade e lá saímos de casa. Passeámos pelas ruas de Leça da Palmeira e, a dada altura, o André parou o carro em frente à capela onde meses depois viríamos a casar. Na altura não percebi, muito menos quando ele resolveu sair do carro e insistir para que eu o seguisse. Voltei a resmungar, mas acedi ao pedido. Qual não foi o meu espanto quando, à porta da capela, o André se ajoelhou e me pediu em casamento naquela noite tão fria em que o céu mostrava timidamente a luz da lua.  E num abraço quente e num beijo caloroso, entre lágrimas consegui dizer SIM.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Como descrevem a vossa história de amor?

Acreditamos que vivemos um amor maduro, um amor sereno. Somos amigos, companheiros, confidentes e, acima de tudo, completamo-nos. Eu sou mais sonhadora, emotiva, extrovertida. O André é mais terra-a-terra, racional, reservado. Aprendemos desde logo a aceitar a nossa individualidade e as nossas idiossincrasias e, por isso, somos tranquilos na forma como lidamos um com o outro e com os problemas do dia-a-dia. A nossa relação desenrolou-se de forma tranquila, sem pressas. Talvez porque nos conhecemos já com 30 anos e já sabermos muito bem o que queríamos e o que não queríamos numa relação. Deixamos tudo acontecer com naturalidade, nunca houve pressão para nada e as coisas foram acontecendo naturalmente.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

De que forma correu a organização do casamento?

Foi a única fase da nossa relação em que, de facto, nos apressámos. Decidimos casar em Janeiro e sabíamos que tinha que ser este ano, não queríamos mesmo adiar. Então o primeiro mês foi, de facto, um pouco de stress. Marcámos algumas visitas a quintas e o difícil era conseguir uma data livre no Verão. Rapidamente percebemos que os Sábados estavam preenchidos e não queríamos casar a um Domingo. Por fim conseguimos casar precisamente no espaço que mais gostamos, numa Sexta-Feira, em Agosto.  Depois de fechar a data na quinta e de tratar de toda a burocracia na igreja, começou o drama da escolha do vestido de noiva… restou-me a companhia e a paciência da minha mãe e irmã e da minha sogra. Depois fomos tratando de tudo mais serenamente e só voltámos a ficar realmente assoberbados de trabalho a cerca de um mês da data.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Qual a escolha mais difícil que tiveram de fazer? E a mais fácil? Porquê?

A escolha mais difícil foi, de facto, escolher o local da festa. Visitámos alguns locais com os quais não nos identificávamos, outros em que já não havia data livre, e por fim, depois de conhecermos “O Campo” percebemos que era a nossa cara. Era um pouco distante do local da cerimónia religiosa, mas ficámos tão encantados que não quisemos visitar nenhum outro sítio.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

A escolha mais fácil foi  a escolha da equipa de fotógrafos e depois dos videógrafos. A Por Magia Photography foi-nos recomendada por uma das damas de honor, que conhecia o trabalho desta dupla. Resolvemos reunir com eles e a empatia foi tal que decidimos avançar de imediato. Foram os primeiros e os únicos com quem reunimos. O bom gosto, o sentido estético, o entusiasmo que desde logo sentimos da parte deles encantou-nos e não tivemos dúvidas que queríamos que fossem eles a imortalizar o nosso dia. Para nós era importante que os fotógrafos escolhidos pudessem acompanhar-nos ao longo da vida captando os momentos cruciais. Sabemos agora que um dia vão fotografar a nossa gravidez, os nossos filhos, e não temos dúvidas que vamos ter sempre fotos que nos vão fazer suspirar. Foram eles que no recomendaram a XPTO Cinematografia e depois de marcarmos a reunião fechámos logo a data com eles, porque também ficamos maravilhados com o trabalho deles.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Organizaram tudo sozinhos ou tiveram ajuda?

Organizámos tudo sozinhos, tivemos apenas a ajuda fundamental das nossas mães, da minha irmã e futuro cunhado.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Optaram por algum tema no casamento? Qual?

Não optámos por nenhum tema. Queríamos algo clean, pois para nós “o menos é sem dúvida mais”. Queríamos algo romântico e sóbrio. O branco e o rosa bebé foram as cores escolhidas para alguns apontamentos, tanto na decoração como nas flores.

Onde foram buscar a inspiração?

Páginas web, Facebook, Instagram, Pinterest e os blogs que nos fazem perder a cabeça e, às vezes, até hesitar entre um estilo e outro.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Como foi o grande dia?

Foi mágico, um sonho tornado realidade. Tudo o que imaginámos aconteceu. Até São Pedro nos abençoou com um dia de sol esplêndido. A cerimónia foi emotiva e teve alguns momentos de descontracção algo engraçados. A quinta estava decorada tal e qual imaginámos, parecia um cenário idílico. A nossa família estava radiante e nós estávamos inebriados de amor. O stress que se abateu sobre nós nas semanas anteriores desapareceu e gozámos o momento com muita cumplicidade. Estávamos, de facto, felizes.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Se pudessem, mudavam alguma coisa?

Se pudesse aquele dia teria 48 horas, não mudávamos nada.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Onde passaram a lua-de-mel? Recomendam? Que memórias criaram juntos?

Viajámos para a Indonésia, ficámos 12 dias a conhecer Bali e 4 dias nas ilhas Gili Tragawan (o paraíso na terra). Recomendamos vivamente! A cultura deste povo, as paisagens verdejantes, as praias de cortar a respiração, as iguarias gastronómicas, são mais do que motivos para viajar até lá.

Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography
Por Magia - PhotographySolicite informação sobre “Por Magia - Photography”
Por Magia – Photography

Fornecedores

Espaço: Quinta O Campo, em Freamunde Paços de Ferreira | Catering: Duplos Gemini | Fotógrafos: Por Magia Photography | Videógrafos: XPTO Cinematografia | Vestido de Noiva: Modelo da Stella York na Amour Glamour | Sandálias: Amour Glamour | Brincos: Kind of Sweet | Fato do Noivo: Dielmar | Sapatos de Noivo: John Tweed | Alianças: Ourivesaria Venâncio Sousa, em Viana do Castelo | Decoração Exterior: RD Atelier | Flores: Brisa Máxima Florista (bouquet e decoração igreja) | Maquilhagem: Beauty Land by Jenny MakeUp Land | Cabelo: Fátima Cabral Cabeleireiros

Contacte as empresas mencionadas na reportagem:

Gostou deste artigo? Partilhe

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Trabalha no mundo dos casamentos?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional, Zankyou ofrece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em mais de 19 países. Mais informação