Homelovers! Porque quem casa…

Homelovers! Porque quem casa…

Há uma forma de “tropeçar” na casa perfeita da próxima vez que estiver a olhar para o seu feed no facebook. Já ouviu falar na Homelovers? Não? Mas devia…

  • Vida a Dois
  • Entrevista

Diz a sabedoria popular que quem casa, quer casa. E se muita coisa mudou ao longo das últimas décadas na tradição dos casamentos, esta máxima continua a ser uma verdade. Nem sempre é fácil andar de agência em agência à procura do apartamento ideal. E as pesquisas em sites levam-lhe tempo que às vezes não tem. Mas há uma forma de “tropeçar” na casa perfeita para si da próxima vez que estiver a olhar para o seu feed de notícias no facebook. Já ouviu falar na Homelovers? Não? Mas devia…

guardar
Casas de sonho online. Foto Homelovers

Todos os dias são colocadas online na página da Homelovers várias casas de sonho. E só aqui chegam as que cumprem o critério: são casas de encher os olhos… e o coração!

guardar
Home is where the heart is é o slogan da Homelovers. Foto Pedro Taborda

Fomos falar com a sua fundadora, a Magda Tili, para ficar a conhecer um bocadinho melhor esta imobiliária que nasceu no facebook e tem feito (cada vez mais) negócio nas redes sociais. E para lhe pedir umas dicas a respeito das casas Homelovers que tem mesmo, mesmo de ver!

guardar
Magda Tili. Foto Homelovers

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

1. Como surgiu a ideia de criar uma imobiliária no facebook?

Depois de uma péssima experiência com um franchising de uma imobiliário tradicional, eu e o meu marido resolvemos criar uma imobiliária um pouco menos convencional, apostada na proximidade com as pessoas. Optámos por um modelo de negócio apoiado no facebook porque não tínhamos recursos financeiros para investir novamente numa agência. Tínhamos os contactos, bons fotógrafos e um portfólio de casas escolhidas a dedo e testámos o modelo. Não existia nada semelhante mas a Homelovers foi bem recebida. Hoje não há imobiliária que não tenha uma presença mais ou menos intensa no facebook.

2. O que vos distingue das imobiliárias mais tradicionais?

As casas HomeLovers tornaram-se identificáveis. Pela localização, traça antiga, qualidade dos imóveis e cuidado curadoria, os nossos clientes reconhecem o nosso espírito nestas casas. Viemos quebrar a ideia estigmatizada daquela imobiliária formal, burocrática e distante e viemos trazer um conceito muito mais próximo, pessoal e trendy. Hoje, é cool procurar, arrendar e vender casas, pelo menos connosco.

guardar
Casas Homelovers são casas com personalidade. Foto Homelovers

3. Começaram em Lisboa mas já expandiram o negócio para Cascais e Porto, que outras cidades já têm “debaixo de olho”?

Estamos agora a sondar o mercado estrangeiro e a avaliar a possibilidade de levar o conceito HomeLovers um bocadinho mais longe. Quem sabe, não possamos daqui a uns tempos, estarmos a falar com a Zankyou em Espanha e ajudarmos quem casa a encontrar uma casa HomeLovers também aí?!

4. Isso seria óptimo! E quem diz Espanha, diz outros países europeus?
Vamos ver…

guardar
Casas de banho remodeladas são as mais bonitas. Foto Homelovers

5. Há mais clientes a alugar ou a comprar casa?

Neste momento, muito embora, no último ano, tenhamos cada vez mais clientes a querer comprar uma casa HomeLovers, o arrendamento ainda prevalece.

6. Escolher é difícil, nós sabemos, mas que casa não podemos deixar de ver em Lisboa?

Há muitas por onde escolher, mas umas são óptimos investimentos. Por exemplo:

guardar
Para comprar, em Lisboa. Foto Homelovers

guardar
Para alugar, em Lisboa. Foto Homelovers

E há ainda casas que são de sonho, como esta com jardim e vista para a Sé.

guardar
Casa em Lisboa com vista para a Sé. Foto Homelovers

7. E em Cascais?

Já que estamos na linha, porque não aproveitar a proximidade com o mar?

8. E no Porto?

Confesso que tenho uma queda por palacetes como este:

guardar
Palacete no coração do Porto. Foto Homelovers

Mas porque não aproveitar também a paisagem natural de Matosinhos?

guardar
Praia em Matosinhos. Foto Homelovers

9. E os quais melhores negócios da Homelovers para quem tem orçamentos mais humildes?

Que tal 100 000 euros por um T1 com 70m2 no Princípe Real?

guardar
T1 no Princípe Real, em Lisboa. Foto Homelovers

Ou um T1 remodelado mesmo ao pé do El Corte Inglês, por 430 euros?

guardar
Apartamento de charme no centro de Lisboa. Foto Homelovers

10. E a Magda? O que a apaixona numa casa?

Gosto de casas únicas, com personalidade, casas que são a cara de quem as habita! Adoro os pormenores, alguns contrastes e a traça antiga da arquitectura portuguesa, quer seja no Porto, em Cascais ou em Lisboa.

11. O que não dispensa? Banheira ou poliban?

Como objecto, adoro uma banheira com pés, mas, no dia-a-dia, à excepção dos banhos aos meus filhos que são seguramente muito mais fáceis e rápidos numa banheira, acho mais prático um poliban.

guardar
Polibans são mais prácticos. Foto Homelovers

12. Terraço ou varanda?

Terraço, sem duvida, e com bons vizinhos, de preferência.

13. Penthouse ou primeiro andar?

Depende. Existem primeiros andares que dão 10-0 a algumas penthouses, sobretudo se forem casas com curadoria e tiverem jardim.

14. Closet?

Claro!

guardar
Aposte num closet. Foto Homelovers

15. Nova ou remodelada?

Remodelada, ou não pertencesse eu à HomeLovers. Temos um “fraquinho” por casas de traça antiga, reconstruídas com bom gosto. 

16. Príncipe Real ou Alcântara?

Príncipe Real, sobretudo pela arquitectura da maioria das casas, assim como pela proximidade de outras zonas, de que também sou absolutamente fã.

17. Cascais ou Estoril?

Cascais, pela baía, pela vila e por estar paredes meias com uma das minhas praias de eleição, o Guincho.

guardar
Praia do Guincho a poucos metros de casa. Foto Homelovers

18. Foz ou Ribeira?

Esta é, sem duvida, a pergunta mais difícil de responder. Em primeiro lugar, nunca tive a felicidade de viver no Porto, nem que por breves 2 ou 3 meses. A Ribeira deixa-me cada vez mais fascinada, pela reabilitação a que está a ser sujeita e que faz com que, cada vez que lá vou, seja agradavelmente surpreendida. A Foz, tem o mar em frente e isso, sem sombra de dúvida, é para mim um enorme ponto a favor. Teria que, como comecei por dizer, ser do Porto durante uns tempos. É que viver o Porto não é o mesmo que visitar o Porto.

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Pedro Taborda Fotógrafos e vídeo

Dê-nos a sua opinião

Lista de casamentos Zankyou. Receba 100% dos seus presentes em dinheiro!