Pedir um homem em casamento: quando é ela que toma a iniciativa!

Vivemos em pleno século XXI, em que muitos estereótipos já foram quebrados, mas muitos mantêm-se quase inquebráveis. O mundo dos casamentos, por exemplo – e embora tenha sofrido uma enorme evolução – ainda está muito ligado às tradições, segundo as quais é o homem quem pede a mulher em casamento… mas… e quando é ela a fazer o pedido? É exatamente destes casos, que rompem com as normas às quais estamos habituados, que vamos hoje falar!

Imagem do filme “A Proposta”, protagonizado por Sandra Bullock e Ryan Reynolds

Querendo quebrar com estes estereotipo, muitas mulheres já marcam a sua posição e são mesmo elas a “ajoelhar-se ” para pedir a sua cara-metade em casamento. Estas alterações devem-se à perspetiva dos valores e costumes inseridos na sociedade, que tendem a mudar com o avanço das décadas. Mas muitas vezes. essa “espera” pelo pedido de casamento por parte da mulher é quase automática e nem nos passa pela cabeça sermos nós a tomar a iniciativa (precisamente porque sempre vimos e sempre nos disseram que tem de ser o homem). No entanto, estas situações tendem a mudar, devido à emancipação e independência, quer pessoal quer financeira, que a mulher conquistou ao longo dos anos, que nos permite sermos seres mais livres e não termos de depender de nenhuma figura masculina (como acontecia no passado).

Credits: Thrall Photography

Quando falamos de independência, falamos também de independência emocional, poder de escolha e decisão. Hoje em dia, a mulher possui uma nova postura, em que novas ações são efetivadas de acordo com os seus desejos, ações essas que eram impensadas num passado recente. No entanto, toda a independência de que se fala e que existe hoje no mercado de trabalho e na sociedade em geral pode não ser a mesma da que existe, efetivamente, num relacionamento, pois alguns fatores, como a carência, a necessidade de atenção e carinho e proteção, caracterizam ainda muitas mulheres.

Não perca: Pedido de casamento: contemporâneo vs tradicional

O medo do primeiro passo

O medo de fazer o pedido está, efetivamente, muito ligado à tradição, segundo a qual que tem de ser o homem a tomar essa iniciativa. Outro fator é o medo da reação negativa por parte do seu amado. Mas tal não é desculpa, pois apesar de terem a tradição do seu lado, este passo também faz tremer as pernas aos homens e também eles ficam nervosos. Assim, se o seu companheiro tem esse perfil mais inseguro, eis mais uma boa razão para começar a pensar em ajoelhar-se perante ele e fazer a bela pergunta: “queres casar comigo?”.

Credits: Momento Cativo

Se está a pensar dar este passo, existem pontos que devem ser analisados no que diz respeito ao seu próprio relacionamento. Com efeito, e embora um pedido de casamento seja algo romântico, que à partida será bem aceite pela outra parte, se for entendido como uma atitude que reforça a postura dominadora da mulher dentro da relação, poderá ser eventualmente um pouco – para não dizer bastante – assustadora para o rapaz em questão.

A verdade é que já são muitas as mulheres (e ainda bem!) que assumem postos de chefia bastante importantes nos postos de trabalho, mas por vezes levam essa vertente mais autoritária para casa e acabam por decidir que está na hora de casar sem sequer pensar na situação atual do seu companheiro e o seu envolvimento emocional. Assim, é essencial perceber se essa é uma decisão de ambos ou apenas uma imposição da mulher.

Credits: Momento Cativo

No que se refere ao tema dos anéis de noivado, vamos manter-nos no tradicional. Esse passo deve partir do homem e não da mulher, por uma questão de cavalheirismo. No entanto, se é das que não quer saber de normas e gosta de quebrar regras e tradições, pode também ser você a oferecer o anel, tem toda a liberdade para isso.

Credits: Pedro Filipe Fotografia

Quando chega a hora…

Na realidade, esta dica tanto serve para a mulher como para o homem: antes de dar o grande passo, deve perguntar-se a si mesma: é este o momento certo?; estamos num momento bom das nossas vidas? ele quer o mesmo que eu?; conhecemos bem e aceitamos os nossos defeitos?; sabemos lidar com as nossas limitações? Se a resposta for sim a tudo, então… força, está na hora!

Mantenha-se simples, não complique e não pense demasiado em grandes planos difíceis de concretizar. Seja genuína na altura do pedido de casamento e acredite que, se ele a ama, não tem razões para não aceitar.

Foto: Estúdios Santa Cruz

E então? Está farta de esperar que ele dê esse passo? Não espere mais, tenha você a iniciativa e impressione-o com um belo pedido de casamento. Faça um jantar romântico e sirva-lhe uma sobremesa com frutas a dizer: “Queres casar comigo?”. Depois do sim, está na hora de preparar o vosso grande dia!

Veja ainda: 

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

João Almeida
Como pedir a mão da pessoa amada em casamento de acordo com o signo.... dela
Cada signo representa uma personalidade única. Por isso, a forma como cada mulher recebe uma proposta inesperada pode variar bastante. O melhor é certificar-se que corre tudo bem, fazendo o Grande pedido de acordo com o signo dela. Boa sorte!
The Storytellers
Pedido de casamento na Passagem de Ano? Porque não?
Supreenda o seu companheiro ou companheira com um pedido de casamento numa das noites mais mágicas do ano: a noite de passagem de ano!
Filipe Santos - Fotografia
As 6 melhores ideias de lugares para o pedido de casamento e uma que desencorajamos
Se quer pedir o seu namorado ou namorada em casamento, porque não escolhe um destes sítios únicos que lhe sugerimos?

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação