Custos do casamento: o que se paga para tratar do processo de casamento

Custos do casamento: o que se paga para tratar do processo de casamento

Independentemente de se tratar de um casamento civil ou religioso, o início do processo tem sempre lugar numa Conservatória do Registo Civil. Fomos saber quanto custam as burocracias do casamento.

Custos do casamento: o que se paga para tratar do processo de casamento
Foto: Power On Photography
  • Trâmites Casamento
  • Conselhos
  • Msn

Independentemente de se tratar de um casamento civil ou religioso, o início do processo tem sempre lugar numa Conservatória do Registo Civil. Fomos saber quanto custam as burocracias do casamento.

Quem escolhe um casamento religioso terá de se informar acerca da possibilidade de existirem custos próprios da cerimónia. No caso da Igreja Católica, por exemplo, embora não existam custos obrigatórios, é costume, no final, quando os noivos e os padrinhos recolhem à sacristia para assinar os documentos que oficializam a união, entregar-se ao representante da igreja um donativo, cujo valor fica inteiramente ao critério de cada um.

Mas vamos agora debruçar-nos sobre o “tronco comum” a todos os casamentos realizados no nosso país: o casamento civil.

guardar
Foto: Power On Photography

Em termos gerais, no caso dos casamentos que seguem as linhas mais comuns, sem situações de exceção, o valor a pagar na Conservatória do Registo Civil é de 120 euros. Vejamos agora as exceções:

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

  • Quem quiser casar fora da Conservatória ou dentro desta mas fora do horário normal de expediente, já paga 200 euros e deve assegurar o transporte do/a Conservador/a ou fazer um acordo cm os interessados relativamente às despesas de transporte.
  • Os noivos que desejem celebrar uma convenção antenupcial, convencionado um dos regimes tipo previstos no Código Civil, deverão acrescentar ao valor atrás referido 100 euros. Se for convencionado um regime atípico de bens, já serão 160€. 
  • Pelo registo da convenção ou da alteração do regime de bens efetuada perante entidade diversa de conservatória do registo civil terão de pagar 30€

Veja também: Afinal, o casamento é um contrato! Decida em que regime de bens vai contrair matrimónio

guardar
Foto: Power On Photography

E pronto! Contas feitas, temos um valor mínimo de 120 euros e um valor máximo de 390 euros. Bem menos do que o preço de um vestido de noiva…

Aconselhamos os noivos a consultarem o site do Instituto dos Registos e do Notariado ou, melhor ainda, informarem-se na Conservatória do Registo Civil da área de residência de um dos dois com o máximo de antecedência possível, até para garantir a data de casamento que pretendem. Felicidades!

Talvez também lhe interesse:

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Power On Photography Fotógrafos e vídeo

Comentários (5)

Dê-nos a sua opinião

Lista de casamentos Zankyou. Receba 100% dos seus presentes em dinheiro!