PT Login
PT

Como superar o medo de voar: não abdique da sua lua-de-mel de sonho!

Cada vez que vê imagens das Maldivas imagina-se neste paraíso? Sente uma enorme atracção pela aventura de um destino mais exótico como a Índia, Malásia ou o Sri Lanka? E Costa Rica, México, Nova Iorqueparecem-lhe bons destinos para a sua lua-de-mel? Não? Então porquê? Tem medo de voar? Não se preocupe, porque é possível superar esse bloqueio. Não vai querer abdicar de uma viagem de sonho, pois não?

FotoliderSolicite informação sobre “Fotolider”
Fotolider

Diz-se que uma em quatro pessoas tem medo de voar. E este medo tanto vai desde o “não gosto muito” ao pânico total e recusa em entrar o avião. Seja qual for o grau desse handicap, a verdade é que pode ser impeditivo de tornar um sonho realidade.  Por isso, o conselho é não ceder ao medo e enfrentá-lo com as ferramentas certas. Quais são elas?

1. Procure entender o seu medo

O que sente, insegurança ou verdadeiro pânico? Se for pânico, ao ponto de não conseguir entrar num avião ou até conseguir entrar mas chegar ao destino como se tivesse sido atropelada(o) por um camião, dada a carga emocional e física pela qual teve de passar, deverá procurar ajuda médica. Apenas ao conversar com um profissional irá conseguir solucionar o problema de forma eficiente, pois existem estratégias para ajudar a controlar e dominar ansiedade, o medo excessivo, desproporcionado e descontrolado de andar de avião, que muitas vezes é acompanhado por sintomas físicos e psicológicos que tanto podem surgir no dia da viagem ou, em casos mais graves, dias ou semanas (e até meses!) antes, perante a ideia de ter de viajar.

No entanto, se considerar que se trata apenas de uma insegurança, mesmo que seja um medo forte, é só seguir as dicas abaixo e verá que vai conseguir superar.

2. Informe-se sobre o funcionamento do avião

Quando perceber que andar de avião é seguro – aliás, é o mais seguro de todos os transportes – e tiver consciência de que para acontecer uma queda é necessário que ocorram vários erros em simultâneo – o que acontece muito raramente e em casos isolados – vai sentir-se mais confortável durante o voo e até no caminho para o aeroporto. Acredite que durante a sua vida vive uma infinidade de outras experiências bem mais perigosas do que andar de avião, sobre as quais nem pensa duas vezes.

FotoliderSolicite informação sobre “Fotolider”
Fotolider

3. Organize-se com antecedência

Quando for viajar, deixe tudo organizado com antecedência e evite deixar tarefas para a última hora, para deixar bem longe o stress e as dores de cabeça. Na véspera, limite o consumo do café e garanta uma boa noite de sono. Para o dia use roupas confortáveis e, caso sofra de ansiedade, pode tomar medicamentos indicados pelo médico ou fazer exercícios de relaxamento para se acalmar.

4. Evite bebidas ácidas

No dia da viagem, evite beber sumo de laranja e outras bebidas ácidas, já que a ansiedade por si só já provoca a libertação de ácidos gástricos que cheguem.

FotoliderSolicite informação sobre “Fotolider”
Fotolider

5. Procure estar calma no dia da viagem

Saia de casa com antecedência para não entrar em stress, mas vá preparada para lidar com atrasos (que não dependem de si!). Após o check-in, passeie calmamente pelas lojas do aeroporto

6. Esteja preparada para sentir movimentos e outras sensações durante o voo

É natural que os seus ouvidos entupam devido a mudanças de pressão de ar, que sinta a velocidade a descolar, que certas partes da asa se movam durante o voo e que ocorram as tão temidas turbulências, fazendo com que sinta solavancos. Mas acredite: os aviões estão feitos para suportar as turbulências, que não afectam em nada a segurança do voo. A maior preocupação da tripulação é que os passageiros tenham os cintos apertados, para não se magoarem no caso de os movimentos serem demasiado bruscos. Para as superar melhor, sente-se perto da asa, que normalmente é o local mais estável do avião.

FotoliderSolicite informação sobre “Fotolider”
Fotolider

7. Mantenha pensamentos positivos e encontre distracções

Durante o voo, concentre-se no momento da chegada e imagine o quão incrível será o destino. Se começarem a surgir ideias negativas, procure dissipá-las encontrado distracções. Converse com os comissários de bordo, leia um livro, ouça música ou tente dormir. Se encontrar algo para se distrair verá que o voo irá passar mais rápido e acaba por não ter tempo para se preocupar ou alimentar algum medo. Quando der conta, já vai estar no aeroporto do destino à espera da sua bagagem!

8. Sente-se longe das janelas

Este conselho é sobretudo para quem tem medo de alturas. Sente-se nos bancos do corredor ou mantenha as janelas fechadas para não ter de lidar com a visão do mundo minúsculo lá em baixo.

João Marques FotografiaSolicite informação sobre “João Marques Fotografia”
João Marques Fotografia

9. Não beba bebidas alcoólicas

A pressão dentro do avião potencia os efeitos do álcool, fazendo com que a pessoa fique bêbada mais rapidamente. E se pensa que isso vai ajudar, provavelmente será pior, ficará mais desconfortável e exaltada, eventualmente ansiosa pela falta de controlo. Em vez de relaxar – que será o objectivo de quem bebe dentro do avião – poderá stressar mais ou causar algum constrangimento entre os passageiros. Caso já tenha tido a experiência que o álcool acalma os nervos… não abuse, beba apenas uma taça de vinho ou uma cerveja.

10. Escolha um voo sem escalas e com um avião maior

Sempre que possível, procure encontrar voos directos e com um avião de maiores dimensões, pois quanto maior for mais suave será o voo. Opte também por um voo diurno, se ficar mais ansiosa com o escuro. Faça alguma pesquisa antes de marcar viagem, pois pode inclusivamente verificar quais os trajectos com menor turbulência (há um site, o Turbulence Forecast, que pode ajudar).

João Marques FotografiaSolicite informação sobre “João Marques Fotografia”
João Marques Fotografia

Existem também cursos específicos para lidar com este problema. A própria TAP tem um programa psicoterapêutico, desenvolvido por profissionais altamente especializados que visam tratar a fobia do voo. O que não pode deixar que aconteça é deixar-se vencer pelo medo que sente, sobretudo se isso implicar ter de abdicar da viagem de lua-de-mel de sonho!

Contacte as empresas mencionadas na reportagem:

Gostou deste artigo? Partilhe

Mais informação

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Trabalha no mundo dos casamentos?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional, Zankyou ofrece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em mais de 19 países. Mais informação