Harry & Meghan: eles ainda são notícia! E nós contamos-lhe tudo

O casamento mais aguardado do ano já aconteceu há quase uma semana, mas os detalhes sobre os momentos vividos no dia e as notícias sobre os seus protagonistas continuam a correr mundo e a fazer capas de revistas. Nós aqui na Zankyou contamos-lhe tudo o que ainda há para dizer sobre o casal sensação do momento: Meghan Markle e o Príncipe Harry, os novos Duques de Sussex.

O Brasão

Meghan Markle já tem brasão. O anúncio foi feito hoje pelo Palácio de Kensigton, que revela que o mesmo foi criado com a ajuda da ex-atriz, que ao casar-se com o Príncipe Harry passou a fazer parte da realeza britânica, recebendo o título de Duquesa de Sussex.

Foto via site oficial da Família Real

Concebido, então, por Meghan em parceria com o College of Arms, “para que fosse pessoal e representativo”, o brasão tem alguns elementos que estão intimamento ligados às suas origens.  Com efeito, e segundo o Palácio, “o fundo azul no escudo representa o Oceano Pacífico ao largo da costa da Califórnia, enquanto os dois raios dourados que o atravessam simbolizam a luz do sol do Estado onde a duquesa nasceu.”

No brasão estão ainda incluídas as papoilas douradas, que representam a Califórnia, e as flores winterswetque crescem no Palácio de Kensington. Já as três penas “estão ligadas à comunicação e o poder das palavras” .

O brasão foi aprovado pela rainha Isabel II e por Thomas Woodcock, Rei das Armas e Senior Herald (Garter King of Arms) de Inglaterra.

Ainda sobre o casamento: os discursos na festa

Meghan Markle foi tudo menos uma noiva convencional da realeza. Fiel às suas convicções feministas, atravessou metade do percurso até ao altar sozinha, não proclamou obediência ao marido durante os votos de casamento e fez o seu próprio discurso no jantar oferecido pelo agora sogro, Príncipe Carlos, algo que era impensável até aqui.

Foto via IG Stella McCartney

Segundo a especilista da realeza, Katie Nicholl, em declarações ao Entertainment Tonight, quem deveria discursar era o pai da noiva, que não esteve presente por motivos de saúde e devido à polémica em que se viu envolvido, mas Meghan não se fez rogada e proferiu ela própria as palavras que, entretanto, já foram sendo divulgadas.

A especialista destaca que o discurso foi “um pouco ousado”considerando que normalmente as noivas da realeza não o fazem durante a receção do casamento. “Isto foi mesmo uma quebra da tradição, comentou.

Foto via IG Stella McCartney

Nicholl revelou ainda alguns detalhes sobre o discurso, onde Meghan terá começado por agradecer à família real, especialmente ao Príncipe Carlos, a quem dedicou uma mensagem especial por a ter conduzido ao altar.

Em relação ao agora marido, a nova Duquesa terá proporcionado um momento muito doce e romântico, ao dizer que “Finalmente encontrei o meu príncipe!”.  Meghan terá também agradecido à mãe, não apenas por estar ali naquele dia, mas por estar sempre lá na sua vida, não se sabendo se terá ou não falado do pai.

Foto via IG Stella McCartney

O Príncipe Harry, que colheu as  flores do bouquet de casamento da sua agora esposa Meghan Markle e cujos olhos brilharam de emoção assim que viu a sua amada a entrar na igreja, emocionou também os convidados com o discurso que fez na receção do casamento.

Foto via site oficial da Família Real

No mesmo, Harry terá dito que estava ansioso para passar o resto da sua vida com Markle e que os dois formam “uma equipa incrível”. O príncipe terá também arrancado muitas palmas dos convidados, ao chamar Meghan de “esposa” pela primeira vez e homenageou a sua mãe, a Princesa Diana. Por fim, terá também agradecido à mãe da noiva, Doria Ragland, por lhe ter dado permissão para casar com a filha.

Foto via IG oficial do Palácio de Kensington

Entretanto, foi o irmão e também padrinho do noivo que fez o discurso mais divertido da noite. “O meu irmão está apaixonado. Estar apaixonado é tipo uma criança a fazer xixi. Não sabemos o que estamos a fazer, todos os outros sabem e nós sentimos algo quentinho”, brincou. “Com toda esta história de amor, todos estão emocionados, até o bolo está a chorar”, acrescentou.

William pregou também uma partida ao irmão“Ao que parece o Harry caiu recentemente de um escadote quando estava a mudar uma lâmpada para a Meghan e magoou o braço. Então o William atou um escadote à parte de trás do carro, o que quase derrubou algumas pessoas”, contou um dos convidados ao Mirror.

Foto via IG oficial do Palácio de Kensington

Os segredos das fotos de casamento de Harry & Meghan

As fotografias oficiais do casamento de Meghan e Harry foram reveladas segunda-feira e instantaneamente correram  mundo, fazendo enorme sucesso. O trabalho é de Alexi Lubomirski, que também tinha sido o responsável pelas fotografias oficiais do noivado, conseguindo captar na perfeição a intimidade do casal e da família.

Foto via Twitter Oficial do Palácio de Kensington

Lubomirski falou entretanto sobre o seu trabalho, em particular sobre a encantadora imagem a preto e branco dos noivos, em pose muito romântica, a revelar enorme cumplicidade, enquanto sentados nos degraus do East Terrace, no Castelo de Windsor.

O fotógrafo revelou à  BBC como foi para si captar esse momento: “Tivemos cerca de três minutos e meio para tirar algumas fotos rápidas, porque tudo estava cronometrado ao minuto. Este foi apenas um daqueles momentos mágicos quando somos fotógrafos e tudo se encaixa. Disse-lhes apenas: ‘antes de entrarem, sentem-se nas escadas’. E ela apenas caiu entre as pernas dele e houve um momento em que se estavam a rir, porque estavam exaustos e a pensar que finalmente estava tudo acabado. Foi um desses belos momentos.”

Meghan Markle e Príncipe William – Foto via Twittter oficial do Palácio de Kensington

Quanto à imagem onde é possível ver a família real reunida na Sala Verde de Windsor, o fotógrafo partilhou as ideias sobre aquilo que pretendia fazer: “Não queria que fosso uma foto tipo equipa desportiva ou uma foto do exército, arregimentada e linear. Então conversámos sobre o que fazer para quebrar a rigidez e obter algum ritmo e assimetria”, explicou, acrescentando que tudo se resumiu a pequenas coisas, “nada de muito louco”, apenas algumas pessoas sentadas, algumas pessoas em pé e crianças no colo dos pais.

Foto via Twitter Oficial do Palácio de Kensington

Alexi Lubomirski já tinha feito uma declaração oficial sobre a sua experiência no grande evento do ano: “Foi uma incrível honra e privilégio documentar a inspiradora jornada do Duque e da Duquesa de Sussex sobre amor, esperança e família; desde as fotos de noivado até o casamento oficial e os retratos de família no sábado. Este foi um belo capítulo na minha carreira e na minha vida, que felizmente nunca vou esquecer. “

O vestido de noiva: o que ainda não se sabia

Há detalhes que foram entretanto divulgados sobre o vestido que Meghan Markle usou para subir ao altar, nomeadamente sobre a sua confeção.

Na hora da escolha, a agora Duquesa sabia exatamente o que queria: um modelo moderno mas intemporal, simultaneamente elegante e adequado a um membro da família real. E foi através de fotos de inspiração guardadas pela Internet (será que consultou a Zankyou?) e a ajuda da melhor amiga, stylist Jessica Mulroney, que acabou por conseguir um modelo fiel à sua imagem e à da realeza britânica.

Foto retirada de IG oficial do Palácio de Kensington

Foram vários os estilistas que estiveram entre as possibilidades e, embora não tenha vindo a público, Markle nunca descartou a hipótese de recorrer à marca francesa, da qual é fã há muitos anos. Acabou por conseguir o melhor dos dois mundos quando optou por Clare Waight Keller, pois para além de ser britânica, é a primeira diretora artística feminina da Givenchy, o que faz jus aos ideais feministas da ex-atriz.

Acho que ela viu o meu trabalho e soube o que eu fiz”, disse entretanto Keller , acrescentando: “Acho que ela adorou o facto de eu ser uma designer britânica a trabalhar numa casa como a Givenchy, que tem as suas raízes num estilo clássico”.

Clare Waight Keller – Foto site Givenchy

Após troca de emails, Mulnorey marcou uma reunião entre as duas numa sala do Palácio de Kensington, pouco antes do Natal, que demorou cerca meia-hora e onde a estilista mostrou esboços e ideias que agradaram a Markle. Num segundo encontro, já em janeiro, a escolha – que teria de ser guardada no segredo dos deuses – ficou decidida. A diretora criativa da Givenchy diz que foi “um momento extraordinário”, quando soube que iria ser ela a responsável pelo modelo. “Foi uma coisa incrível fazer parte de um momento histórico e ter a oportunidade de trabalhar com ela”.

Foto via BBC

Foi em fevereiro que aconteceu o segundo encontro numa propriedade de Claire, em Londres, que demorou duas horas. Depois, entre mensagens, telefonemas e breves reuniões tudo se compôs e as duas criaram mesmo uma relação de amizade. “No início, tivemos algumas variações no design, mas muito rapidamente mantivemos a mesma criação até ao final”, disse a designer, acrescentando que Meghan estava realmente focada, como eu, em estar absolutamente perfeita para a ocasião”.

Foto via Twitter Oficial do Palácio de Kensington
Foto via Twitter Oficial do Palácio de Kensington

Sob sigilo ao mais alto nível – nem ao marido a estilista contou! – foram montadas duas pequenas equipas em dois locais distintos: um no Atelier de Alta Costura da Givenchy, em Paris, e outro num local secreto, em Londres.

E foi assim que Clare começou a trabalhar naquele que viria a ser o centro de atenções no dia 19 de maio, um vestido pautado pela “elegância minimalista e intemporal”, “fiel à herança da casa” e que referencia “os códigos da icónica Casa de Givenchy”, como afirmou a marca.

Foto via site Givenchy

No site oficial da Givenchy lê-se também que Markle “expressou o desejo de ter os 53 países da Commonwealth consigo no dia, durante a cerimónia”, pedido que foi concretizado através do véu, que demorou mais tempo a fazer do que o próprio vestido: cerca de 500 horas. 

O véu de tule de seda, com cinco metros de comprimento, tinha bordados feitos à mão, em fios de seda e organza, onde estão representadas as flores características de cada país da Commonwealth. “Cada flor foi trabalhada em três dimensões, para criar um design único e delicado. Os trabalhadores passaram centenas de horas a costurar meticulosamente e lavando as mãos a cada trinta minutos, para manter o tule e os fios impecáveis”, pode-se ler.

Para além dessas flores, Meghan escolheu também duas flores preferidas: a Wintersweet  e a California Poppy, símbolo da Califórnia, cidade natal de Meghan. Em torno das flores, a agora Duquesa quis também as culturas de trigo, como símbolos de amor e caridade.

Foto via IG Givenchy

Em março houve nova reunião entre as duas, no Palácio de Kensington, e foi aí que Meghan viu as primeiras imagens detalhadas do seu vestido de sonho. A última prova acontece no fim de abril, tendo sido a noiva acompanhada pela amiga Jessica, antes de tudo estar concluído. Faltava apenas a aprovação da Rainha Isabel II, que não tardou.

Nos dois ensaios antes do casamento – um a dia 17 e outro a 18 – Meghan usou um véu fictício com as mesmas dimensões, estando também as crianças presentes. Tudo tinha de estar perfeito!

Foto via IG oficial do Palácio de Kensington

Na madrugada do dia da cerimónia, o vestido foi levado do Castelo de Windsor para o hotel onde Meghan ficou alojada com a sua mãe, o Cliveden House, na sua última noite de solteira.

O dia do casamento começou às seis da manhã para Meghan Markle, hora a que começou a ser preparada pela estilista, pelo cabeleireiro Serge Normant e o maquilhador Daniel Martin. Três horas e meia depois estava pronta para dizer o “Sim” ao seu príncipe!

Um dia que ficará, sem dúvida, escrito nas páginas da História mundial como o culminar (ou um novo início) de uma das mais bonitas histórias de amor, bem como mais um marco na modernização da Casa Real Britânica.

Veja também:

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

O Dia de São Valentim das celebridades: nós contamos-lhe tudo!
O Dia de São Valentim das celebridades: nós contamos-lhe tudo!
Alguns dos nossos famosos favoritos celebraram o 14 de Fevereiro com diferentes publicações nas redes sociais. Qual será a mais original?
A melhor foto de William & Kate com Harry & Meghan vai pagar estudos da filha da "fotógrafa"
A melhor foto de William & Kate com Harry & Meghan vai pagar estudos da filha da "fotógrafa"
Não é fotógrafa profissional mas tirou a fotografia que já é considerada a melhor de 2017 daqueles que são apelidados os fab four da realeza britânica!
Prince Harry and Meghan Markle in the Sunken Garden at Kensington Palace, London, after the announcement of their engagement.
O Casamento Real de Harry & Meghan: tudo o que se sabe até agora
A menos de duas semanas do Casamento Real entre o Príncipe Harry e Meghan Markle, o Reino Unido - e o mundo! - mal consegue conter o seu entusiasmo. Aqui fica tudo o que precisa de saber sobre o casamento do ano!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação