Como planificar o dia do casamento: 5 truques infalíveis

Planificar o dia do casamento pode não ser a primeira tarefa que vem à ideia quando os noivos começam a preparar o grande evento. Tudo o resto parece mais importante: contratar um espaço idílico para um casamento de sonho, encontrar o vestido de noiva perfeito, fazer a lista dos convidados, etc., etc., etc. Mas acreditem que a planificação do dia do casamento é vital para que possam desfrutar ao máximo desta grande aventura que dará início a uma nova etapa das vossas vidas.

Ludgi FotógrafosSolicite informação sobre “Ludgi Fotógrafos”
Ludgi Fotógrafos

A verdade é que há mesmo muita coisa a considerar para que o dia do casamento flua da melhor forma, desde o momento em que acordam para o primeiro dia do resto das vossas vidas, até à altura em que finalmente descalçam os sapatos, cansados mas felizes na vossa noite de núpcias.

Se ainda não tinham pensado neste assunto, não precisam de se alarmar, pois é evidente que têm aqui a Zankyou para vos dar todas as dicas necessárias para planificar o dia do casamento da melhor forma e assim, poderem aproveitar cada minuto desta grande celebração do vosso amor.

Diana Nobre FotografiaSolicite informação sobre “Diana Nobre Fotografia”
Diana Nobre Fotografia4

1- Planear o dia do casamento é fundamental

Um plano bem feito do dia do casamento deve ser uma das vossas principais preocupações, pois vai ter influência direta em praticamente todas as fases do evento, que irá ser melhor para vocês, para os convidados e até para os próprios fornecedores, que assim poderão fazer o trabalho deles com a máxima eficiência. Se precisarem de ajuda, podem sempre contratar Wedding Planners que sabem perfeitamente do que estamos a falar. Vejam aqui porque devem contratar um Wedding Planner.

It's all about...Solicite informação sobre “It's all about...”
It’s all about…

2- Usem a hora de cerimónia como ponto de referência

Quando começarem a “desenhar” o calendário do vosso dia de casamento fixem-se na hora da cerimónia e depois voltem atrás. Criem uma “linha” simples dos acontecimentos e só depois vão acrescentando detalhes.

Quando tiverem os horários definidos para o início do dia do casamento – nomeadamente a que horas devem acordar para estarem preparados a tempo de receber os convidados na recepção em casa ou já no local do casamento, etc. – voltem à hora da cerimónia e trabalhem com base no resto do dia, até ao final da festa.

Neste caso, comecem também por anotar os principais momentos do dia do casamento – a grande entrada, os brindes, a dança, o corte do bolo, etc. – e depois regressem de novo à vossa “linha temporal” para acrescentar os detalhes.

Momento CativoSolicite informação sobre “Momento Cativo”
Momento Cativo

3- Tenham em conta os diferentes tempos

Certifiquem-se de que têm em consideração os tempos de transporte e o papel dos fornecedores nos diferentes momentos do dia do casamento.

Por exemplo, se combinaram com os fotógrafos tirarem fotografias da sala onde irá decorrer o copo-d’água antes da vossa chegada e dos convidados, é preciso garantir que já estará tudo pronto à hora combinada. Da mesma forma, se contrataram animação infantil, têm de garantir que tudo estará pronto a horas para que os convidados não tenham de assistir à “montagem” do local.

Ao construírem a vossa “linha” do tempo vão ver que começam a ver muitos buracos ou “tempos apertados” que terão de ser corrigidos.

Quinta do Frade

4- Contem sempre com tempo extra

Um grande conselho: contem sempre com tempo extra para a planificação do dia do casamento. E acreditem que vão acabar por usar cada minuto que considerarem a mais.

Assim por exemplo: se estão à espera que a cerimónia demore 20 minutos, contem pelo menos com 30 minutos; se o Google Maps vos diz que a deslocação da Igreja ao local do copo-d’água demora 15 minutos, contem pelo menos com 10 minutos a mais; e assim sucessivamente. Não imaginam, por exemplo, o tempo que demora até que todos os convidados estejam dentro dos carros para sair, assim como o próprio percurso, sobretudo se for longo.

Da mesma forma, marquem tudo com tempo. Por exemplo, se quiserem tirar fotos antes da cerimónia, planeiem para que sejam feitas pelo menos até 30 minutos antes da hora marcada. Isso irá permitir que vocês consigam respirar fundo e vivenciar em plenitude o tempo que têm antes de dizer o “Sim”, para além de poderem prever eventuais atrasos nos horários. Não se esqueçam que já não é moda a cerimónia começar muito mais tarde do que o previsto (e a noiva chegar atrasada), por isso um atraso superior a 15 minutos já começa a não ser aceitável.

Momento CativoSolicite informação sobre “Momento Cativo”
Momento Cativo

5- Não deixem o plano do dia de casamento para o fim

Por último, o nosso conselho é que comecem o mais cedo possível a delinear os horários e não esperem para o fazer no final.

Esbocem um primeiro plano para o dia do casamento e à medida que vão tendo mais informação e contratando os fornecedores vão acrescentando os detalhes. Se começarem a ver o vosso dia do casamento a tomar forma no papel à medida que vão avançando na organização do casamento irão ficar muito mais tranquilos. Até porque desta forma também vão poder prever percalços e terão tempo para fazer ajustes com os fornecedores.

Efeito EspontâneoSolicite informação sobre “Efeito Espontâneo”
Efeito Espontâneo

Concluindo: é extremamente importante contar com tempo extra nos vossos “cálculos” em termos de horários para que tudo flua o mais naturalmente possível no grande dia. E não se esqueçam de deixar muito tempo para os fotógrafos!

O dia do casamento passa rápido – é mesmo verdade! – e um planeamento cuidado irá permitir que aproveitem ao máximo cada um dos momentos deste dia feliz.

Contacte as empresas mencionadas na reportagem:

Gostou deste artigo? Partilhe

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Trabalha no mundo dos casamentos?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional, Zankyou ofrece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em mais de 19 países. Mais informação