62 músicas de reggaeton para não parar de dançar no seu casamento!

O reggaeton é um género musical de origem latina e caribenha, que conheceu um boom em meados dos anos 2000, mas cuja génese já vem da década de 70A sua base é o reggae nascido nas Jamaica, mas as influências do Panamá – de onde surgiu a denominação reggae em espanhol – de Porto Rico e do hip hop norte-americano foram moldando a sua essência. Hoje, devido a todas as alterações produzidas desde os anos 80 e 90, aquilo que era conhecido por reggae em espanhol evoluiu para se tornar no produto que conhecemos hoje em dia.

reggaeton é caracterizado por letras simples e que ficam no ouvido, sendo geralmente interpretado em “spanglish”, uma mistura de inglês e espanhol. As letras recitam-se em lugar de serem cantadas e são arranjadas com o famoso Auto-Tune (processador que distorce a voz). Os seus ritmos básicos produzem-se electronicamente e misturam-se com sons do hip hop (que assumem a estética underground do género) e de muitos outros sons de origem caribenha. O resultado é uma música concebida para dançar e “aquecer o ambiente”.

Pressmaster
Foto via Shutterstock: Pressmaster

Década de 2000

O reggaeton, tal como hoje o conhecemos, começou a ter sucesso a nível mundial em meados de 2000. Sem se saber exactamente o que era, este som latino propagou-se e provocou uma onda de festas e movimentos, bem como quase uma atracção animal face a este “novo” género musical, que está quase sempre associado a conteúdos sensuais.

Mas antes de começarmos a falar do reggateon puro e duro, é importante falar de Romeo Santos ainda como elemento do grupo Aventura, com o seu tema Obsesión. Apesar do género ser a bachata, abriu caminho a este boom latino, sendo que o artista veio posteriormente a colaborar com alguns dos primeiros nomes do reggaetonNoche de Sexo, com Wisil & Yandel, e Ella y Yo, de Aventura com Don Omar, são dois bons exemplos.

Imagem retirada do vídeo Obsesión – Aventura

Entretanto, Big Boy enveredou pelo reggaeton com Mis Ojos Lloran Por Ti, apesar de ainda estar fortemente influenciado pelo reggae e pelo hip hop latino que sempre o caracterizaram (estávamos em 1996). Logo a seguir seguiu-se Papi Chulo… Te Traigo el Mmmmde Lorna, originária do Panamá.

E eis que chegamos a um dos principais precursores do reggaeton: Daddy Yankee, que com o tema Gasolina causou um boom que invadiu todas as discotecas em 2004 e perdurou pelos anos seguintes. Seguiram-se outros temas do cantor porto-riquenho também com imenso sucesso, tais como Rompe, Ella me LevantóLo que Pasó, Pasó, Si te Vas/Qué Tengo que Hacer (com Omega), No Me Dejes Solo (com Wisil & Yandel), Dónde Están las Gatas (com Nicky Jam) e Tu Príncipe, com Zion & Lennox.

Univision
Foto vía Univisión: Daddy Yankee

Don Omar foi outro dos que arrasou nos primeiros anos de sucesso do reggaeton, com temas que perduram ainda na memória e que ainda hoje soam nas discotecas a altas horas da madrugada: Pobre Diabla, Dale Don Dale, Dile, Ayer la Vi, Salió el Sol, Conteo ou Hasta Abajo. Também de destacar Baila Morena de Héctor & Tito; e a duppla Wisin e Yandel que, como já vimos, colaboraram com grandes estrelas do género, dando-nos também a conhecer outras obras como RakataSexy Movimiento, Pam Pam, Pegao, Yo te Quiero, Nadie Como Tú e Aventura; ou ainda Jimmy Bad Boy, mais dentro do reggae panamenho original, com o seu Bailando. Noche de Entierro juntou vários músicas e também teve bastante sucesso.

Mas há mais músicas a destacar: Calle 13 fez sucesso com Atrévete-Te -Te e Suave; Baby Ranks e Ángel López com Hasta Cuando; Plan B com Si No Le Contesto; Luny Tunes e outros com Mayor Que Yo; Tito el Bambino com Caile e Siente el Boom (com Jowell & Randy;) Zion com Zun Da Da ou Alexis & Fido com El Tiburón.

Entretanto, Pitbull, produtor norte-americano a quem é atribuída grande parte do bolo do reggaeton, para além de ter conseguido colaborações com os artistas latinos mais importantes do panorama musical, lançou nesta década êxitos como Culo ou I Know You Want Me (Calle Ocho).

La Prensa
Foto vía La Prensa: Pitbull

De 2010 até hoje

No final da década de 2000, o reggaeton parecia estar debilitado e começou a ocupar um espaço residual na música das discotecas. No entanto, o género começou a revitalizar-se, juntando ritmos mais dançáveis sobre a mesma base de sempre. Assim, cantores mais antigos e outros novos continuaram pelo caminho que já tinham começado anos atrás, optando pela inclusão de subgéneros, tais como o electro latino. Esta fusão foi encabeçada por Juan Magán, que acrescentou a salsa ao conjunto já existente. Bailando por el Mundo (com Pitbull), Si no te Siquiera ou Te Voy a Esperar (ambas com Belinda) são os seus temas mais conhecidos.

Primavera
Foto via Primavera: Juan Magán

Daddy Yankee seguiu também o seu caminho com LimboShaky, Shaky (também numa versão com vários artistas) ou La Rompecorazones. Por seu turno, Plan B teve muito sucesso com Fanática Sensual, e Wisin, já a solo, triunfou com Vacaciones, Adrenalina (com Jennifer López) e Nota de Amor.

Alguns dos representantes desta época  são Henry Méndez com Mi reina e Noche de Estrellas; Chino & Nacho com Andas en Mi Cabeza e Me voy Enamorando. Entre os mais actuais, Nicky Jam com temas como El Perdón, Hasta el Amanecer, Travesuras e Voy a Beber; J Balvin com Safari, Sigo Extrañándote e Tranquila; Sebastián Yartra e a sua Traicionera; Maluma com Borro Cassette, El Perdedor ou Sin Contrato; CNCO com Reggaeton Lento ou Tan Fácil e Kevin Roldán com Ruleta Rusa.

Billboard
Foto via Billborad: Nicky Jam

reggaeton misturou-se, assim, com géneros como a salsa, a bachata e outros sons latinos para criar canções que alcançaram o sucesso sobretudo na época do Verão. Assim surgiu também Danza Kuduro, interpretada por Don Omar e Lucenzo, um tema que mistura o kuduro. Também um êxito foi La Gozadora de Gente de Zona e Marc Anthony.

Outros sucessos a destacar: Bailar de Deorro e Elvis Crespo; Ya me Enteré de Reik e Nicky Jam; Princesa de Mi Cuento de Sergio Contreras; Como Tu No Hay Dos de Buxxi; Mi Corazón de Xrix y Buxxi; Cosita Bonita de Mr. Chris ou Entre la Playa Ella y Yo de Big Yamo.

O trono final é dado a Despacito, de Luis Fonsi e Daddy Yankee, que é o grande êxito de 2017 até hoje. De qualquer forma, este ano está também a ter muito sucesso Escápate Conmigo de Wisin e Ozuna, Me Rehúso de Danny Ocean, Sola de Anuel AA com Daddy Yankee & outros e El Amante de Nicky Jam.

Telemundo
Foto vía Telemundo: Daddy Yankee y Luis Fonsi

Se quer que os seus convidados se divirtam e não parem de dançar na festa do seu casamento, misture alguns destes temas entre êxitos mais antigos e os temas actuais que estão a fazer sucesso em todas as pistas de dança.

Aqui fica a nossa selecção!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

Detail - Life Style Photography
A dança do noivo com a sua mãe: as melhores canções para um momento mágico
Se passou horas a pensar na canção perfeita para dançar com o seu pai, para ele também será importante a dança com a sua mãe!
Fotografia: Daniela Rodrigues by João Almeida
«Ele não quer dançar»: 7 dicas para o convencer!
Não compreender essa vergonha (que aqui surge um pouco como medo do ridículo) é minimizar o que a sua cara-metade sente. Ouça o que ele tem a dizer e só depois contraponha com a solução. Eis as sete que lhe propomos
Ludgi Fotógrafos
Os vídeos mais vistos no Youtube para dançar no seu casamento
Se já está a pensar na grande festa do seu casamento, não se esqueça de incluir todos estes êxitos. Vai, garantidamente, ter o seu salão on fire!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação