Como organizar um casamento sem glúten: não deixe de aproveitar um dos dias mais importantes da sua vida!

É celíaca? O seu noivo é celíaco? São os dois? Seja como for, qualquer um de vocês tem direito a usufruir 100% do vosso grande dia, participando sem restrições na refeição que decidirem servir, bem como de todos os outros doces e iguarias do cocktail e do buffet, sem prejudicar a vossa saúde. A solução? Um casamento sem glúten. É possível? Claro que sim!

A verdade é que existem inúmeras opções deliciosas glúten free para comer numa festa de casamento. O problema é que, geralmente, as alternativas sem glúten são mais caras e é difícil encontrar um serviço de catering que trabalhe exclusivamente com estes pratos e – principalmente – sem o perigo da contaminação cruzada, pelo que geralmente a solução mais utilizada é fazer pratos personalizados para quem precisa – sejam noivos ou convidados.

Mas como aqui na Zankyou queremos a felicidade completa dos nossos noivos, o desafio é mesmo fazer um casamento sem esta proteína presente no trigo, aveia, centeio e cevada, para que se possa sentir “normal” e aproveitar ao máximo o seu dia com a maior tranquilidade e sem estar preocupada com o glúten e contaminações cruzadas.

O que é a doença celíaca

Antes de continuarmos, contudo, vamos só aqui explicar rapidamente o que é isto de ser celíaca(o). É verdade que hoje em dia as dietas sem glúten estão na moda, sendo inclusivamente seguidas e defendidas por inúmeras celebridades nacionais e internacionais. No entanto, a necessidade de supressão do glúten da alimentação é muito mais do que uma moda: é um problema de saúde para as pessoas celíacas, para quem a mais pequena exposição a esta proteína pode desencadear uma reacção imunológica suficientemente forte para causar danos graves na superfície do intestino, causando a sua atrofia e, consequentemente, dificuldade na absorção de nutrientes. Por isso, o glúten é o maior inimigo dos celíacos, de forma permanente e definitiva, tendo os mesmos que viver num contínuo estado de alerta no que diz respeito à alimentação, sempre à descoberta dos perigos escondidos em produtos comuns e aprendendo a lidar com as idas a restaurantes e a festas, etc. Porque o glúten está presente por todo o lado, mesmo onde não se está à espera!

Com o efeito, o maior pesadelo é o ter de passar cada alimento à lupa, pois há sempre o perigo da contaminação cruzada, isto é, a transferência de traços ou partículas de glúten de um alimento para o outro, directa ou indirectamente. Isto quer dizer que a colher que serve a massa com trigo não pode ser a mesma que serve o arroz, os talheres não podem estar em cima de uma mesa onde já esteve o pão de trigo, etc. E no dia do vosso casamento com certeza terão mais que fazer do que passar todos os alimentos a pente fino. Por isso, para evitar arruinar o mais belo dia da sua vida, o melhor é não arriscar.

Para mais informações sobre a doença celíaca, consulte o site da Associação Portuguesa de Celíacos.

Um casamento sem glúten: um desafio

Como é que, então, podemos fazer um casamento sem glúten? O maior desafio para a elaboração de um menu sem glúten é, sem dúvida, evitar qualquer tipo de contaminação cruzada. É possível oferecer muitos pratos deliciosos glúten free e mesmo no que diz respeito a receitas que utilizam ingredientes com glúten é possível substitui-los facilmente. A confecção dos pratos é que requer o maior cuidado. É preciso fazer tudo seguindo regras rigorosas: tripla lavagem, leitura dos rótulos dos ingredientes utilizados, não cozinhar nenhum alimento com glúten na cozinha durante esse período, pesquisar receitas… E estarão os serviços de Catering preparados para este desafio?

Encontrar o serviço de Catering adequado

Só poderá saber se será possível contratar uma empresa de Catering que lhe possa servir um casamento inteiramente sem glúten contactando diversos serviços. Já sabe, aqui na Zankyou encontra as melhores empresas de Catering em Portugal.

Antes de contratar, não esqueça de:

1. Conversar e expor a sua situação

Para que tudo corra bem, é preciso discutir as restrições alimentares desde o primeiro momento. Até porque nem todas as empresas de Catering estão sensibilizadas para estes casos e muitas vezes até consideram as “exigências” absolutamente necessárias… “picuinhas”!

2. Conhecer as pessoas que estão por detrás da confecção do menu

Este passo também é muito importante. Converse com toda a equipa, e não só com os responsáveis, para que todos eles possam saber que cuidados que devem ter.

3. Fazer o mesmo com os fornecedores dos bolos e doces de casamento

Se o serviço de Catering não incluir bolos e doces – ou especificamente o bolo de casamento – tenha os mesmos cuidados com os fornecedores de bolos e doces. Em Portugal já existem alguns fornecedores (poucos…) com este tipo de oferta, embora geralmente sejam mais caros. Pode também optar por fazer você mesma ou pedir a alguém próximo que os faça.

Menus deliciosos sem glúten: como?

O que gostaríamos de ressalvar é que é possível criar menus deliciosos e variados, sem que as pessoas sequer imaginem que são sem glúten. É complicado? Não necessariamente.

  1. Peça para substituírem a farinha de trigo na confecção dos pratos por farinhas sem glúten: de mandioca, de leguminosas (grão-de-bico, feijão, fava, ervilha), de arroz, de milho, de sementes de linhaça, de frutos oleaginosos (avelã, amêndoa, noz), de fécula/amido de batata, e quinoa, de soja e tapioca. Isso será suficiente em inúmeras receitas de molhos, bolos, salgados, etc., que assim se tornam seguras para celíacos.
  2. Há inúmeros produtos alimentares naturalmente isentos de glúten que permitem a confecção de pratos deliciosos, desde carnes, peixes, ovos, vegetais, arroz (desde que previamente lavado), cogumelos, queijo fresco e requeijão, azeite, óleos vegetais, batatas, quinoa, milho, açúcar, mel, compotas e marmeladas caseiras, leite simples, iogurtes (naturais e aromas), etc. Atenção que nos produtos industrializados deve-se sempre ler os rótulos, pois mesmo nos alimentos naturalmente isentos de glúten pode haver o perigo de contaminação cruzada na sua produção, que – por lei – deve vir indicada.
  3. Há alimentos que necessitam de uma leitura do rótulo atenta, para confirmar a lista de ingredientes, pois podem conter glúten na sua composição: queijos industriais e iogurtes de pedaços e cremosos; leite achocolatado, maltado e aromatizado; carnes processadas (picada, salchichas, hambúrgueres, almôndegas); produtos pré-cozinhados; caldos de cozinha; natas, manteigas, margarinas e banhas industriais; frutas em calda ou cristalizadas; compotas de frutas comerciais e figos secos; açúcar em pó e fermento químico, etc.

Cozinhar sem glúten: as nossas sugestões

Aqui ficam 3 exemplos de pratos sem glúten que pode servir no seu casamento: um tabbouleh – um prato libanês de salada, frequentemente degustado como um aperitivo – folhados de espinafres e feta e muffins  de framboesa. Só para ter uma ideia de como comer sem glúten pode ser igualmente delicioso!

1. Tabbouleh de quinoa com legumes

Ideal para servir em taças ou como entrada, esta receita é muito fácil de confeccionar em grandes quantidades e adequada a casamentos de Verão. A quinoa é um fruto de uma planta, por isso não é um cereal propriamente dito, não contendo glúten. De qualquer forma, nunca é demais verificar se o produto que comprar está realmente isento, garantindo que não tem traços de outros cereais adquiridos na sua manipulação ou transporte (contaminação).

Nesta receita em particular, foi escolhida a quinoa negra, mas pode utilizar qualquer outra quinoa ou mesmo pastas com farinha de milho. O grão da quinoa tem um gosto único, que casa perfeitamente com os outros sabores. Tomate, pepino, pimentão, limão… A vantagem deste prato é que permite a criatividade, pelo que pode acrescentar todos os legumes que lhe vierem à cabeça. Não receie também em acrescentar cascas de limão, que fornecem um gosto ácido deliciosamente discreto.

Photo : Ricardo Balbàs
Photo : Ricardo Balbàs

2.  Folhados de espinafres e feta

Estes deliciosos folhados encontrarão perfeitamente o seu lugar à mesa, como acompanhamento ou entrada. Para a massa folhada, é suficiente substituir a farinha de trigo por uma mistura de outras farinhas isentas (já mencionadas). Aqui utilizou-se a farinha de milho. Existem também no mercado massas já prontas, mas se a fizer “em casa” poderá economizar, sobretudo quando é para ser confeccionada em grandes quantidades. Não esqueça que os espinafres reduzem significativamente ao serem cozinhados, pelo que deve prever uma quantidade suficiente.

Veja a receita completa no blog de Clémentine Miserolle (em francês).

Photo : Ricardo Balbàs
Photo : Ricardo Balbàs

3. Muffins de framboesa

Como sobremesa para acompanhar o café, para o buffet de doces ou mesmo para o brunch do dia seguinte ao vosso casamento, estes muffins de framboesa são, seguramente, um must have. O segredo para uma preparação perfeita é a utilização da mágica gomme xanthane, que não tem glúten e que proporciona um resultado garantidamente ultra-suave. As framboesas são incorporadas na massa crua e derretem deliciosamente durante a cozedura.

Photo : Ricardo Balbàs
Photo : Ricardo Balbàs

Um menú de casamento sem glúten está longe de ser uma batalha perdida. A verdade é que há cada vez uma maior sensibilização em relação à necessidade da dieta sem glúten (embora ainda haja um longo caminho a percorrer…), havendo por isso mais opções no mercado gluten free. Mesmo no mercado dos casamentos! Por isso, não recue com perspectiva de opções limitadas, vá em frente com esta decisão, procure as melhores soluções e não se preocupe com os seus convidados, porque cozinhar sem glúten não é – definitivamente – sinónimo de menos sabor e menor criatividade!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

AhHA!Photos
Os presentes que os noivos não querem receber. Saiba quais são!
Está prestes a casar e ainda não fez a sua Lista de Casamento online com a Zankyou? Então corre o risco de receber um destes 9 presentes, o pesadelo de todos os recém-casados. Saiba quais são!
Foto: AWE Pictures
Mensagens para felicitar os noivos e notas de agradecimento para os convidados
Sempre que se oferece um presente de casamento, é de bom tom escrever uma mensagem dedicada aos noivos para personalizar a oferta. Quer seja a irmã da noiva, a amiga íntima, uma colega ou conhecida, não deixe de expressar os seus votos de felicidades através das nossas sugestões.
Foto: It's all about...
Como sobreviver à época dos casamentos: 6 conselhos para não engordar
Descubra o que deve fazer para manter a linha na época dos casamentos!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação