Erros no seu menu de casamento? Descubra 5 formas de os evitar

Erros no seu menu de casamento? Descubra 5 formas de os evitar

O importante é que o menu que escolher a represente e que combine com o estilo de casamento que escolheu.

Erros no seu menu de casamento? Descubra 5 formas de os evitar
Foto: João Almeida
  • Copo d'água
  • Recomendações
  • Msn
  • Ementa

Sabe que quer um menu de degustação de quatro pratos, mas não sabe quais as especialidades que deve escolher? Quer optar por um serviço descomplicado de buffet, mas está na dúvida que pratos frios servir e se deve incluir pratos quentes também? Não há respostas certas nem respostas erradas. O importante é que o menu que escolher a represente e que combine com o estilo de casamento que escolheu. Para minimizar a margem de erro, descubra as cinco variantes que deve ter em consideração na hora de escolher os pratos a incluir no seu menu de casamento.

1. O tipo de casamento

O estilo de casamento que quiser ter deve influenciar a escolha do menu. Se optou por uma festa de casamento formal, com um serviço de catering clássico, vai precisar de um menu de degustação com sabores tradicionais. Iguarias como sapateira, camarão, foie gras, caviar ou ovas têm lugares cativos neste estilo de menus. Se, pelo contrário, quer um estilo mais descontraído, a aposta poderá estar mais próxima do que nos propõem as tendências da finger food ou da food truck: hambúrgueres, pizzas, cachorros quentes ou, num casamento mais moderno, delícias como sushi ou ceviche.

Veja também: Estilos de casamento: as opções mais populares!

guardar
Foto: João Almeida
guardar
Foto: João Almeida

2. O orçamento

Se o seu orçamento não lhe permite servir caviar ou foie gras, não insista em servir este estilo de sabores. Estabeleça um valor máximo a pagar por convidado, mantenha-se firme nesse valor e lembre-se que a essa quantia ainda terá de somar 10 ou 20 euros para garantir bar aberto. Um catering mais barato não significará uma qualidade de confeção inferior, pode apenas significar que os sabores que constituem o menu são menos exclusivos.

Veja também: Como calcular o orçamento do meu casamento: 5 passos imprescindíveis

guardar
Foto: João Almeida
guardar
Foto: João Almeida

3. Os temperos

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

Os menus que as empresas de catering lhe propõem são na sua maioria menus sazonais. Os chefes que comandam estas cozinhas optam por usar os produtos frescos que são mais populares em cada estação e criar menus personalizados com base nestes sabores. E isso vai funcionar sempre a seu favor. Mas certifique-se que haverá nas mesas vários temperos para que cada convidado possa ajustar cada prato ao seu paladar. Não se fique pelo azeite e sal. Seja mais ambiciosa: vinagre balsâmico, pimenta, sumo de lima, paprika, etc.

Veja também: Como podemos adoçar sem ter de recorrer ao açúcar refinado?

guardar
Photo by Calum Lewis on Unsplash

4. O número de pessoas

Cozinhar para 100 pessoas não é o mesmo que cozinhar para 30. Ter um buffet preparado para 400 pessoas não é o mesmo que ter um buffet preparado para 50. Não opte por pratos que precisam de várias técnicas de finalização se vai estar a servir um almoço ou jantar para 200 pessoas. Seguindo a mesma lógica, invista nas saladas frias e na finger food se quer servir várias pessoas ao mesmo tempo.

Veja também: Como prever a quantidade de ausências no casamento? 6 dicas de ouro!

guardarFerro's Catering Decorações Eventos
Foto Ferro’s Catering Decorações Eventos
guardar
Photo by Jez Timms on Unsplash

5. Pense nas exceções 

As restrições alimentares são cada vez maiores. Alergias à lactose, intolerâncias ao glúten, vegetarianos, vegans ou celíacos, as opções que precisa considerar são cada vez mais. Mas tire um tempo para planear o menu destas pessoas também. Crie alternativas. E crie alternativas para as crianças também: veja como escolher o menu infantil para o seu casamento em 5 passos

View this post on Instagram

Baked Potatoes with Herby Mushrooms!🌿 in collaboration with @puhtaastikotimainen ~ Baked potatoes are not only a winter food as they make a great easy summer meal too, especially served with this creamy mushroom filling with champignons and fresh herbs 🍃 The filling is really simple and quick to prepare, so you have plenty of time to sip summer cocktails while waiting for the potatoes to bake 🌞 So if you’re looking for plant-based food ideas to enjoy on these summer days, this one’s an easy option! Get the recipe below and for more inspiration, see my other mushroom recipes (+ plenty of other delicious recipes!) on @puhtaastikotimainen site, link in profile 🌻 Baked Potatoes with a Creamy Mushroom Filling 🌿 #vegan #glutenfree serves 4 4 russet potatoes 200 g champignon mushrooms olive oil salt & black pepper 3 tbsp dairy-free crème fraiche 2 tbsp finely chopped fresh oregano 2 tbsp finely chopped fresh thyme METHOD: 1. Preheat oven to 200C / 400F degrees and cover a baking sheet with baking paper. Prick potatoes with a fork and wrap in foil if desired. Bake for about 60 minutes until very soft. 2. Meanwhile, make the mushroom filling. Rinse the mushrooms lightly and chop them into small pieces. Heat a frying pan and add olive oil to the pan. Fry the mushrooms for a few minutes until they are slightly browned and softened. Season with salt and black pepper. Let the mushrooms cool for a few minutes. 3. Mix the crème fraiche with the mushrooms and fresh herbs. Taste and add salt or pepper if needed. Place in the fridge until the potatoes are ready. Serve and enjoy! #puhtaastikotimainen #summerfood #plantbased #kaupallinenyhteistyö #tuuliablog

A post shared by TUULIA TALVIO (@tuuliatalvio) on

guardar
Créditos: Wedding Creating Moments

Estas cinco orientações vão ajudar a criar um menu de casamento inteligente, capaz de fazer as delícias de todos paladares.

Saiba também como escolher o serviço de catering para o seu casamento. A opção certeira será determinante para o sucesso do seu casamento, que assim será inesquecível!

E talvez também lhe interesse: