Mais do que o "Orgulho", neste dia celebramos o amor sem rótulos. Hoje e nos restantes 364 dias do ano!

Hoje, como em cada 28 de junho e desde 1969comemora-se o dia em que o amor deixou – ou está a deixar… – de ser rotulado, sendo celebrado com orgulho por uns e alastrando-se a uma celebração global, em que a premissa é que esse sentimento não tenha nome, idade, sexo, religião, nem hashtags para ser vivido e desfrutado. E na Zankyou, como precursores do amor que somos, apostamos nisso: num amor sem rótulos!

Foto: Nelson Marques + Andreia Torres Photograph
Foto: SLcasamentos

Todos conhecemos a história – de há décadas atrás – que precede o movimento LGBTI, protagonizada por homens e mulheres corajosos, que levantaram a voz para demonstrar que amar não é um crime ou uma heresia. Não, amar é a demonstração mais autêntica do ser humano, que eleva a sua vida até à plenitude e felicidade, independentemente de quem é o destinatário desse sentimento.

Foto: Nelson Marques + Andreia Torres Photograph
Foto: Nelson Marques + Andreia Torres Photograph

Gays, lésbicas, bissexuais, transgéneros, intersexuais … tudo definições de um grupo de pessoas que prega e luta pelos seus direitos, imersos numa sociedade que os cataloga e classifica, pela forma como nos foi educando e inserindo num ambiente cultural onde o que possa parecer “atípico” é estigmatizado e onde ainda há muito trabalho a ser feito, embora tenhamos de reconhecer o progresso que  já é, hoje em dia, visível em alguns círculos da sociedade.

Foto: João Terra Fotografia

E são esses avanços, pequenos, que somados ao longo do tempo proporcionaram mudanças importantes e transcendentais. Atualmente, já 28 países aprovaram o casamento entre pessoas do mesmo sexo, tendo sido criadas leis e demais decretos para proteger e salvaguardar os seus direitos.

Em Portugal, foi em 2010 que o Governo aprovou a lei que permite o casamento civil entre duas pessoas do mesmo sexo, por isso talvez lhe interesse ler Casamentos gay: o que é que muda?

Foto: SLcasamentos
Foto: SLcasamentos

Assim, a mensagem da Zankyou não é exaltar o amor de um coletivo dentro de um coletivo (passe a redundância) apenas num dia por ano. Não! Nós também celebramos o amor nos restantes 364 dias do ano, independentemente da crença, do género ou ideologia de cada um, uma vez que a força deste sentimento é capaz de ultrapassar todos estes obstáculos e atingir, sem qualquer condicionamento, o coração de duas pessoas.

Delas dependerá fortalecer e alimentar esse amor, para viverem uma vida juntos, não sem antes passar pelo altar para que, também nós, aqui na Zankyou, sejamos as testemunhas e os divulgadores destas belas uniões!

E o que é amor livre? Clique no play e nós dizemos-lhe! ❤

Talvez também lhe interesse:

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Nunca é tarde para nos apaixonarmos: a história que se tornou viral!
Nunca é tarde para nos apaixonarmos: a história que se tornou viral!
Murphy e Lucinda apaixonaram-se com 70 e 67 anos, respectivamente. O seu casamento será este Verão!
André Lima Photography
Rita & Nuno by André Lima Photography: dias que nos marcam, dias felizes!
O dia da Rita e do Nuno foi assim. Feliz, apaixonado, repleto de emoção e alegria. Apaixone-se, como nós, por este lindo casamento!
É assim um casamento multimilionário... de três dias!
É assim um casamento multimilionário... de três dias!
Capri foi o destino escolhido, a ilha italiana onde Fiping CHamg sempre sonhou casar e onde a influencer brilhou com um dos vestidos mais deslumbrantes dos últimos tempos.

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação