Casamento gay: tudo sobre o casamento homossexual para um dia perfeito!

Casamento gay: tudo sobre o casamento homossexual para um dia perfeito!

Tem dúvidas sobre o seu casamento, o protocolo do mesmo, os detalhe ou o look do casal? Hoje esclarecemos estas e outras dúvidas que possa ter. Tome nota!

Casamento gay: tudo sobre o casamento homossexual para um dia perfeito!
Foto: Fotolux | Local: Quinta Fonte da Aranha
  • Trâmites Casamento
  • Conselhos
  • Msn
  • Homossexual
  • Noivos

O mais importante num casamento é que exista Amor: o casamento é a celebração do amor entre dois seres humanos. Cumprido este requisito, só resta adaptar a celebração aos gostos pessoais e às tradições mais queridas do casal. Seja heterossexual ou homossexual, o casamento em termos de rituais pode ser igual em quase tudo – a única diferença é que num casamento gay os noivos não poderão casar-se pela igreja. No entanto, têm a vantagem de ter liberdade absoluta para personalizar ao máximo o seu grande dia, definindo as suas próprias normas.

O casamento gay em Portugal e no mundo

Foi em 2010 que o Governo português aprovou a lei que permite o casamento civil entre duas pessoas do mesmo sexo. Em Espanha, foi mais cedo, nomeadamente em 2005, tendo sido o terceiro País do mundo a aprovar a lei, atrás dos Países Baixos e da Bélgica. Já França só aprovou a lei em 2013, Inglaterra no ano seguinte e, mais recentemente, em 2015, os Estados Unidos. Em maio passado, Taiwan legalizou casamento entre pessoas do mesmo sexo: uma estreia na Ásia!

Em Portugal, 2019 foi o ano que registou mais uniões, com mais de 700 registos no Ministério da Justiça. Desde que a lei foi aprovada e até o início de 2020 foram celebrados 4296 casamentos entre pessoas do mesmo sexo. Os números mostram também que, apesar de o primeiro casamento homossexual ter sido celebrado entre duas mulheres, foram os homem que mais casaram (2602 versus 1694). Em termos de distritos, Lisboa foi onde se registaram mais uniões, seguindo-se o Porto, Setúbal e Faro.

Leia também: Quanto custa um casamento em Portugal: calcule o orçamento

guardar
Foto: AhHA! Photos
guardar
Foto: AhHA! Photos

Protocolo do casamento gay

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

Os casamentos gay são livres de protocolo, assim como os casamentos civis, em termos gerais. Por isso, não existe nenhum protocolo específico para os mesmos, sendo comum, no entanto, adaptar as tradições e costumes dos casamentos de casais heterossexuais, sendo possível torná-las mais personalizadas ou adaptá-las a inovações, com os quais os noivos se sintam mais identificados e conforme a criatividade dos mesmos ou, em muitos casos, dos wedding planners contratados.

Entretanto, uma das dúvidas que se habitualmente que se coloca é: devo ou não alterar o nome? Mais uma vez, mudar de nome é totalmente opcional e irá depender da vontade do casal, tal como nos casais hétero. Sabia que ambos podem acrescentar um apelido da cara-metade aos vossos nomes?

Leia também: Recém-casados: abrir uma conta bancária conjunta, sim ou não?

guardar
Foto: Bruno Garcez Photography
guardar
Foto: Bruno Garcez Photography

Entrada do casal

Como já mencionamos, um casamento gay, sempre civil, supõe que o casal é livre para organizar o seu dia como quiser. Tal como nos casamentos entre heterossexuais, há muitos casais gays que preferem fazer um encontro prévio para se verem vestidos de noivos –  o chamado first look tirando algumas fotos que eternizam esse momento e fazendo depois a entrada para a cerimónia juntos. Caminhar em direção ao altar em lado a lado, embora não seja o mais comum, é uma maneira especial de fazê-lo, sobretudo quando é personalizado ao som da música favorita dos dois.

De qualquer forma, há muitos outros casais que seguem a tradição de entrar com a mãe ou o pai ou inclusivamente com ambos. É o casal que decide com quem quer entrar, o mais importante é que seja com uma pessoa especial. Em relação à ordem de entrada, também é livre, mas alguns casais decidem que entre primeiro o cônjuge mais velho.  

Leia também: 10 casais homossexuais famosos que são um verdadeiro orgulho

guardar
Foto: Fotolux em Quinta Fonte da Aranha
guardar
Foto: Fotolux em Quinta Fonte da Aranha

Como organizar um casamento gay?

Finalmente deram o grande passo! Mas, tal como em qualquer outro casamento, no momento de começar a organizar tudo surgem sempre dúvidas. A dúvida principal… por onde começar?

Ora, o primeiro passo para haver casamento é anunciarem que se vão casar. As primeiras pessoas a quem deverão dirigir-se deverão ser os pais, mas se estes não têm apoiado a relação, prefiram antes dizer aos amigos mais próximos, para, com o tempo, irem ganhando confiança para dar a notícia aos vossos pais.

guardar
Foto: Marcia Raposo Photography
guardar
Foto: Marcia Raposo Photography

Para alguns casais gay a cerimónia passa por algo mais simples, apenas com os amigos mais íntimos e um almoço ou jantar num restaurante, mas é claro que poderá optar pelo mesmo caminho dos casais hétero, com tudo a que tem direito: os looks tradicionais, a reserva num hotel, o bolo dos noivos… enfim, ter tudo aquilo com que sempre sonhou. E, claro, como em qualquer casamento, irá ser necessário tempo para o planear!

Comecem em primeiro lugar por elaborar uma lista de convidados, assim saberão quantas pessoas irão fazer parte da festa. Se acharem que alguns dos vossos amigos ou familiares não aceitam o vosso relacionamento ou poderão sentir-se desconfortáveis, de qualquer forma enviem o convite e deixem-nos tomar a decisão final. Algumas pessoas poderão surpreender-vos!

De seguida terão de entrar em contacto com fornecedores para reservar datas e discutir pormenores. Podem pedir conselhos a amigos de cujos casamentos tenham gostado, pesquisar nos sites e blogues mais inspiradores e até indagar se não existirão Wedding Planners vocacionados para casamentos gay.

Para terem tudo controlado, arranjem uma pasta e guardem contratos, recibos, tudo o que acharem que não poderão perder, para minimizar surpresas desagradáveis.

Leia também: 12 imprevistos de casamento: saiba como lidar com eles!

guardar
Foto: Marcia Raposo Photography
guardar
Foto: Marcia Raposo Photography

O look de um casal gay

Um dos pormenores mais importantes num casamento são os trajes dos noivos. Tal como nos demais detalhes que devem ser considerados num casamento gay, aqui a liberdade é a única premissa. O importante é se sentirem perfeitos com o que escolherem, tendo sempre em conta fatores como o local, a estação e, claro, o estilo do casamento em si. Tudo tem de formar um conjunto coerente e significativo, pelo qual deverão escolher um fato de noivo ou vestido de noiva com o qual se sintam bonitos, mas também fiel aos vossos gostos e que permitam que aproveitem o dia ao máximo, do início ao fim. Divirtam-se a escolher o look com que se sentirem mais bonitos e especiais, seja uma escolha mais tradicional ou um outfit mais casual ou arrojado!

Leia também: Como combinar a indumentária dos noivos homossexuais e arrasar no Grande Dia!

guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues
guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues
guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues
guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues

No que diz respeito ao dress code dos convidados, é importante que se quiserem algum em concreto o especifique no convite de casamento. Se, por exemplo, vão casar na praia, eles deverão sabê-lo desde logo, para que possam optar por uma indumentário que os permita sentirem-se confortáveis na areia. Mas seja como for, deverá sempre indicar que tipo de casamento vai ter para que todos possam ir de acordo com o mesmo.

Detalhes de um casamento gay

Não nos cansamos de dizer que se algo faz diferença num casamento são os detalhes. Estes podem variar desde os centros de mesa escolhidos, até à decoração floral, ao altar ou às lembranças para os convidados. Tudo tem de marcar um conjunto que harmonize com todos os outros elementos do casamento, que, no caso dos casamentos gay, é geralmente cheio de estilo, muito elegante e muito visual, assim como com uma carga emocional muito grande, já que a sociedade ainda não aceita estas celebrações a 100%…

Por tudo isto, é melhor que pensem desde o início como vão querer que o vosso casamento seja, onde o celebrarão, que detalhes desejam destacar, que cores marcam a decoração etc.

Leia também: Como organizar um casamento: 12 meses de preparativos. O calendário definitivo!

guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues. Conceito e Wedding Planner: Apoema Events. Espaço: Quinta do Casalinho
guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues. Conceito e Wedding Planner: Apoema Events. Espaço: Quinta do Casalinho
guardar
Fotografia: Gabriell Vieira. Fashion Stylist e Design: Gio Rodrigues. Conceito e Wedding Planner: Apoema Events. Espaço: Quinta do Casalinho

Caminhem em direção à felicidade de uma vida em comum com a pessoa que escolheram e não se esqueçam: o vosso casamento é o vosso dia, por isso garantam que espelha as vossas personalidades… e que se vão divertir!

Para ajudar na organização do casamento,

descarregue gratuitamente nosso ebook com preciosas dicas e orientações!

Talvez também lhe interesse:

 

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

AhHA! Photos Fotógrafos e vídeo
Fotolux Wedding Photography Fotógrafos e vídeo
Bruno Garcez Photography Fotógrafos e vídeo
Gabriell Vieira Photography Fotógrafos e vídeo
Marcia Raposo Photography Fotógrafos e vídeo