X

Qual a altura certa para anunciar o casamento? Como?

Agora que já decidiram que vão dar o grande passo nas vossas vidas, chegou o momento de partilhar a notícia com os vossos entes queridos. O que fazer? Como o fazer? Quando anunciar? Há alguma altura certa?

Agende uma reunião com Diana Nobre Fotografia
Diana Nobre Fotografia

Na realidade, não há. Cada casal decide como e quando anunciar o seu casamento. É algo muito pessoal, que deve ser partilhado da forma como cada um sente este momento das suas vidas.

Mas de qualquer forma, a Zankyou tem sempre conselhos para dar com conhecimento de causa. E quem sabe com a nossa ajuda possam decidir com mais ponderação quando anunciar o casamento, mesmo no meio do turbilhão de emoções e da vontade que sentem de gritar para o mundo inteiro que estão noivos.

Solicite informação sobre “João Almeida”
João Almeida

1 – Apreciem este momento da vossa vida

Uma boa notícia motiva-nos facilmente a partilhar. Mas também se esperam 3 meses para anunciar uma gravidez, não é verdade? Por motivos obviamente diferentes, aconselhamos um tempo de espera para anunciar o casamento após a decisão ou o pedido: apreciem primeiro esta novidade a dois. Até podem ser apenas umas horas, não precisam de ser dias, semanas ou um mês. Cada casal tem o seu tempo. Mas organizem um jantar romântico, um fim-de-semana, um passeio de barco, etc., etc., etc. E só depois partilhem a vossa felicidade.

Solicite informação sobre “Rui Teixeira Wedding Photography”
Rui Teixeira Wedding Photography

2 – Redes sociais? Não!

Mil vezes não. Por favor, não caiam no erro de anunciar o vosso casamento nas redes sociais. Nós sabemos que estes veículos de interacção social estão já tão enraizados no quotidiano das pessoas que, através deles, acabam por revelar todo o tipo de acontecimentos vitais. Por isso, aqui fica o aviso!

Claro que, durante a organização do casamento, podem fazer comentários esporádicos – até é normal que assim o seja – mas a notícia do casamento deve chegar às redes sociais apenas quando for do conhecimento geral ou, pelo menos, depois da vossa família e amigos mais próximos já o saberem. Senão vão estar a igualar a importância dos vossos entes queridos a alguém que conheceram nas aulas de ballet quando tinham 5 anos! Aproveite para ver as 5 Coisas que não deve partilhar nas redes sociais antes do seu casamento

Agende uma reunião com Fábio Azanha Photography
Fábio Azanha Photography

3 – Juntos!

Independentemente da pessoa, do lugar ou da forma como a notícia é dada, vocês devem estar juntos quando revelarem a grande novidade. Pelo menos, às pessoas mais importantes. Claro que se tiverem um amigo especial, confidente até, podem dar-lhe a novidade individualmente, assim como ao contrário: se se tratar de um conhecido, com o qual não fazem grande questão de o fazer a dois. Mas a família e os grandes amigos merecem a presença do casal. Eles vão sentir-se importantes e agradecerão o gesto. E vocês vão sentir-se mais felizes!

Agende uma reunião com Diana Nobre Fotografia
Diana Nobre Fotografia

4 – Os Pais, primeiro!

Não vão querer que os vossos pais saibam que vão casar através da vizinha, pois não? Claro que cada família tem a sua dinâmica e cada casal a sua visão particular de vida, que irá diferenciar a quem anunciar o casamento em primeira mão. Há pessoas, inclusivamente, que não têm uma relação próxima com os pais e apenas mantêm o contacto e preferem contar ao melhor amigo ou irmã mais chegada. Neste caso, o importante é contar primeiro às pessoas mais chegadas – como, aliás, muito provavelmente será o vosso impulso natural. Mas tratam-se de casos demasiados pontuais. Por isso, regra geral, os progenitores devem ter o privilégio de serem os primeiros a saber da notícia.

Agende uma reunião com Luis Efigénio Photography
Luis Efigénio Photography

Mas… a que pais contar primeiro? Esta é a grande questão… Sugestão? Deitem à sorte ou usem como argumento os que estão a viver mais próximos de vocês. Ou então, melhor ainda: juntem-se todos no mesmo local, organizem um almoço ou jantar em família, e façam-lhes uma grande surpresa. Seria perfeito! Façam-no com carinho, pois este será um acontecimento que mais tarde vão gostar de recordar. Podem até contratar um fotógrafo para registar as reacções e os momentos mais emotivos.

5 – Irmãos

São os seguintes da lista. Se ele(s) ainda vivem com os vossos pais, melhor ainda, pois assim matam dois coelhos de uma cajadada só. Aliás, até seria um momento bem mais emocionante. Sim – parece-nos boa ideia! – nas famílias mais próximas os pais e irmãos devem receber a notícia todos de uma vez. Afinal, a família nuclear é o mais importante (de qualquer forma, se tal não for possível, contem-lhe(s) imediatamente a seguir).

Veja também We are family: 6 papéis que os seus irmãos podem desempenhar no seu casamento!

Agende uma reunião com João Almeida
João Almeida

6 – Restante família próxima

Chegados a este ponto, provavelmente não fará falta encontrarem-se com cada um dos elementos da família, nem fazer um jantar ou almoço especial para anunciar o casamento. No entanto, e devido à importância que têm certos primos ou tios especiais, uma chamada pessoal resolveria perfeitamente o assunto. Os avós, sim, merecem a presença dos noivos, mas dependendo da relação, um telefonema emocionante também não faria mal. A restante família mais afastada poderá saber através dos vossos pais, que vão espalhar a notícia como um bomba assim que souberem que os filhos vão casar!

Solicite informação sobre “It's all about...”
It’s all about…

7 – E quando anunciar o casamento aos amigos?

Reúnam os amigos mais próximos num jantar informal para anunciar o casamento. Como principais representantes da vossa amizade, devem saber da notícia antes de todos os outros amigos/conhecidos e logo após os vossos pais e irmãos. Provavelmente até será fácil de o fazer sem levantar grandes suspeitas. E depois podem sempre sair para celebrar em grande este passo gigante que decidiram dar nas vossas vidas!

Solicite informação sobre “The Storytellers”
The Storytellers

8 – Quando contar aos colegas e conhecidos?

Vocês não têm nenhum tipo de obrigação social de o fazer. Falamos daquelas pessoas que são amigos circunstanciais ou conhecidos. Vão saber do vosso casamento por outras pessoas ou vão dizer-lhes vocês quando os encontrarem na rua. Se quiserem, claro. Sim, porque não vão ser convidados. Assim como as pessoas que não têm nenhuma incidência na vossa vida actual mas que fizeram parte dela no passado. A eles conta-se como uma “piada”, nada mais.

5 – Vale a pena fazer festa de noivado?

O protocolo de casamento fala, de facto, numa festa de noivado para anunciar o casamento e assim oficializar o pedido. Geralmente, organiza-se um jantar, embora também seja aceitável um almoço ou outro tipo de celebração. A ideia, neste caso, é juntar famílias e amigos de ambos os lados, aproveitando inclusivamente esta reunião para discutir a data de casamento e todas as possibilidades para a organização da cerimónia e respectiva festa. O protocolo assim o diz, mas os noivos é que decidem.

Entretanto, leia quais as 5 grandes razões para celebrar o noivado!

Agende uma reunião com 1Love4ever Photography
1Love4ever Photography

Depois de anunciar o casamento, há algo que devem fazer o mais rapidamente possível: marcar uma data. E para poderem prevenir com a maior antecedência os vossos convidados, enviem um “Save The Date” lhes facilitar a vida.

Contacte as empresas mencionadas na reportagem:

Gostou deste artigo? Partilhe

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Trabalha no mundo dos casamentos?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional, Zankyou ofrece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em mais de 19 países. Mais informação