PT Login
PT

Será que é amor? Existem 8 efeitos físicos que o denunciam! Venham conhecê-los!

eAmar é tão natural quanto respirar! E todos temos essa capacidade: a capacidade de amar, de nos apaixonarmos todos os dias, cada vez mais, pela mesma pessoa e, no final, de nos emocionarmos em pleno altar!.. E o amor, além de ser um dos sentimentos mais nobres e belos que podemos nutrir por outra pessoa, é também dos mais misteriosos da natureza humana. Amar é dos fenómenos humanos que mais curiosidade gera, desde o início dos tempos!

Diana Nobre FotografiaSolicite informação sobre “Diana Nobre Fotografia”
Diana Nobre Fotografia

A paixão, o amor, misturam aspectos mentais e emocionais… Há quem diga que nem a metafísica fica fora disto! Quem é que nunca se sentiu flutuar, no auge da paixão? Quem é que nunca se sentiu no limbo, quase a sucumbir à loucura, a tentar descortinar se seria amor ou não?

Efeito EspontâneoSolicite informação sobre “Efeito Espontâneo”
Efeito Espontâneo

Pois bem, se o amor é um mistério… O que mais intriga ainda o Universo inteiro são os seus efeitos físicos, além dos mentais e emocionais. Afinal como é que algo pode ser assim tão forte a ponto de conseguir mexer com o nosso organismo? O amor escolhe-nos e a nós, não nos é deixada escolha! Querem saber quais os 8 efeitos físicos que denunciam o amor? Então, vamos lá:

1. Vamos concentrar-nos?

Achavam que “estar no mundo da lua” é que era coisa dos amantes? Pois bem, não é! E pelo contrário, o amor liberta dopamina no nosso corpo, uma substância que nos incita a concentrar-nos e também, a sermos mais criativos. (Provavelmente, para termos oportunidade de pensar no pedido de casamento perfeito!)

2. Os olhos são como o algodão: não enganam!

Olhá-lo ou olhá-la faz com que as nossas pupilas se dilatem de forma imediata. E disso, não há escapatória possível! Os olhos, que dizem ser o espelho da alma, são como o algodão: não enganam! Ou melhor, não enganam de forma alguma!

Spatium FotografiaSolicite informação sobre “Spatium Fotografia”
Spatium Fotografia

3. Mas que calor que está, não acham?

Não, provavelmente, não achamos!.. Quando alguém estranhar o vosso súbito calor, é amor sim! O amor faz subir a temperatura corporal e em casos extremos, os apaixonados poderão sentir-se febris, com temperaturas que não atingiram nem com a pior das gripes de que se lembram!

1001 ideias Solicite informação sobre “1001 ideias ”
1001 ideias

4. O amor… Cura tudo!

Para qualquer dor, física ou emocional, o amor é o maior remédio: funciona como um analgésico natural e assim, qualquer apaixonado, esquece o que lhe dói e eventualmente, o que alguma vez lhe doeu! (Basicamente, tratem de amar, e amar muito! Afinal, vão poupar nas Aspirinas!)

Filipe Santos - FotografiaSolicite informação sobre “Filipe Santos - Fotografia”
Filipe Santos – Fotografia

5. Vermelhos até mais não!

Quem nunca se sentiu corar até à raiz dos cabelos, não sabe o que é amor! No primeiro olhar, no primeiro beijo… No primeiro “amo-te”! As bochechas denunciam o amor e se coram… É sim… É amor! De bochechas rosadas e mãos dadas… Lá vão os apaixonados!

6. O coração agradece…

O amor e a paixão fazem verdadeiros milagres! Milagres que milhares de médicos tentam fazer, tais como, reduzir a pressão sanguínea, o que por sua vez, diminui drasticamente, a possibilidade/probabilidade de terem uma paragem cardíaca ou um qualquer outro problema que afecte o coração. Surpreendente não acham?

Ilustre FotografiaSolicite informação sobre “Ilustre Fotografia”
Ilustre Fotografia

7. Frio na barriga? Borboletas no estômago? Sim!

Ter a pessoa que amamos e por quem estamos verdadeiramente apaixonados ao lado, baralha-nos, além do coração, a barriga. Quem é que nunca se sentiu arrepiado por dentro? E aquela sensação de estômago apertado e embrulhado? É tudo real! É coisa de quem está perdido de amor!..

8. Paz e sossego, por favor!

Se o amor é capaz de acalmar um qualquer coração acelerado, é lógico também, que diminua o stress que nos afecta, a todos, diariamente. E que bom que isso é! Querem um bom antídoto para aquela pressão que vos massacra todos os dias no local de trabalho? Estão fartos do trânsito, da correria até do Mundo? Então, amem-se! E tudo muda!

Hélder Couto PhotoSolicite informação sobre “Hélder Couto Photo”
Hélder Couto Photo

E agora: será que é amor? Deixem-se de remédios ou mezinhas caseiras… Apaixonem-se, casem-se e depois… Depois, nós, aqui, na Zankyou Magazine, teremos o maior gosto em contar a vossa história, como contamos a do João Paulo e do Gabriel ou da Rita e do Miguel. Atrevam-se!

Contacte as empresas mencionadas na reportagem:

Gostou deste artigo? Partilhe

Mais informação

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Trabalha no mundo dos casamentos?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional, Zankyou ofrece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em mais de 19 países. Mais informação