Como escolher o padre para o seu casamento católico: dicas para o fazer

Como escolher o padre para o seu casamento católico: dicas para o fazer

Sabemos que tem perguntas a esse respeito... Por isso, compilamos aqui, neste artigo, os aspetos principais a ter em conta para a escolha do padre do seu casamento pelo ritual católico

Como escolher o padre para o seu casamento católico: dicas para o fazer
Foto: Aguiam Wedding Photography
  • Casamentos Religiosos
  • Conselhos
  • Msn
  • Católico
  • Cerimónia
  • Igreja

A cerimónia do seu casamento é também o momento mais importante, aquele que vai querer recordar por ter sido tão especial e fantástico, pelas fortes emoções e, sobretudo, pelos ensinamentos e conselhos que recebeu da sua família e sacerdote do seu casamento. Hoje vamos falar-lhe de algo que muitos noivos, sempre ocupados com tantos detalhes antes do casamento, frequentemente se esquecem. Algo que parece óbvio e simples de gerir, mas que tem muito que se lhe diga: a escolha da pessoa que irá  oficializar a cerimónia católica. 

Com efeito, há que ter em conta alguns aspetos para que a cerimónia, o ato mais importante do casamento, seja exatamente o que esperava… significativo e muito especial. Por isso, e através da experiência de quem já presenciou muitos casamentos, compilamos para si os aspetos principais a ter em conta, para que possa ter o padre que sempre quis para o seu casamento.

A primeira coisa que deve saber é que, na verdade, não lhe cabe a si escolher o padre do seu casamento, a não ser que o escolha a ele primeiro e ele lhe diga qual é a sua igreja designada. Isto, porque, a igreja ou capela que escolha para o seu casamento terá um padre encarregado que será quem oficializa o seu casamento, quer seja no campo ou na cidade.

De qualquer forma, se tiver gosto por casar com um padre em específico – o que a batizou, por exemplo, – não deixe de falar com ele e com a paróquia onde quer celebrar o casamento, pois poderá ter a sorte de conseguir realizar o seu desejo. Nada como apurar todas as possibilidades!

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

Caso contrário, o mais provável é que apenas possa perguntar ao padre da igreja que escolheu os detalhes de como gostaria que fosse a sua cerimónia católica, tendo em conta os conselhos a seguir.

guardar
Credits: It’s all about…

1. Que não tenha compromissos depois da cerimónia

É inevitável que possa haver imprevistos no seu casamento, pelo qual é indispensável que, se houverem atrasos, o padre não se sinta comprometido por algum outro compromisso ou porque a cerimónia se realizou um pouco mais tardo do planeado.

Por outro lado, também é fundamental que não tenha muitos casamentos no mesmo dia, já que o seu pode ser o último da agenda e talvez possa chegar cansado à sua cerimónia; por isso, é melhor evitar que isso aconteça, caso queira que o ritual seja como sempre sonhou.

Leia também: As mais belas leituras religiosas para ouvir no seu casamento

guardarcomo escolher padre casamento católico
Foto: José D’Oliveira – Happiness Happens

2. Que tenha tolerância com os fotógrafos

Se bem que é necessário que a equipa de fotógrafos e vídeo que contratou sejam profissionais e não distraiam os convidados, por vezes pode acontecer que alguns padres não queiram que os fotógrafos estejam presentes durante a cerimónia, ou se oponham ao facto de estarem muito perto dos noivos, movimentando-se para conseguir um registo digno e completo.

Por esta razão, assegure-se com o seu wedding planner de que o padre é tolerante com o fotógrafo e videógrafo, para assim evitar incómodos e que esses momentos da cerimónia religiosa fiquem registados nas suas fotos de casamento.

guardarcomo escolher o padre para o casamento católico
Foto: Efeito Espontâneo

3. Que faça um discurso acolhedor, de acordo com a sua visão de futuros esposos

Dependendo da personalidade, e em certos casos, da idade, o ideal seria que pudesse falar com o padre para que realize um discurso ameno, que não cause bocejos à sua família e convidados, e que dê conselhos práticos para a sua nova vida matrimonial. 

Não obstante, em certos casos, o padre da capela/igreja que escolheu pode ter um foco um pouco mais “ortodoxo”, o que por vezes se torna incómodo para o casal. Por exemplo, se você e a sua cara-metade não têm intenção de ter filhos a médio ou longo prazo, será ideal que o seu padre o saiba, de tal forma que não foque o seu discurso num matrimónio que planeie procriar.

Para isso, é ideal que receba recomendações de outros casais que tiveram uma boa experiência com o seu padre ou, simplesmente, dialogando com ele antes do casamento.

Leia também: Como fazer a entrada e saída da Igreja em 5 passos

guardarcomo escolher o padre casamento católico
Foto: Luis da Cruz Photography

4. Que vos dê um espaço para que digam os vossos votos pessoais

Os noivos mais românticos podem querer um espaço para dizerem os votos que escreveram com as suas próprias palavras, e não apenas os tradicionais do ritual católico. Não sendo habitual, é essencial que fale desta intenção com o seu padre, explicando que gostaria que a sua cerimónia fosse mais autêntica e especial de recordar. Sem expectativas!

Leia também: O que escrever nos votos de casamento? Dicas e exemplos reais emocionantes!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Luis da Cruz Photography Fotógrafos e vídeo
Efeito Espontâneo Fotógrafos e vídeo
It's all about... Fotógrafos e vídeo
Aguiam Wedding Photography Fotógrafos e vídeo