12 dicas para economizar na lua de mel e escolher o destino dos seus sonhos

A organização de um casamento consome tanto tempo e tanta energia que muitos casais relevam para segundo plano os assuntos relacionados com a lua-de-mel. O resultado? Acabam por comprar as viagens tarde demais e optar por pacotes de viagem mais caros, sendo até obrigados a sacrificar os seus destinos de eleição por destinos mais em conta!

Mas não precisa de ser assim. Há alguns truques de que pode valer-se para garantir que tem uma lua-de-mel económica e maravilhosa. A Zankyou esteve à conversa com alguns dos casais dos nossos Real Weddings e descobriu 12 dicas importantes para a ajudar a economizar na lua-de-mel, sem ter de abrir mão da viagem e destino dos seus sonhos. A sua lua-de-mel pode e deve ser inesquecível. Bon voyage!

Fotos: Slcasamentos

1. Calcule as despesas, faça um orçamento

Sente-se com a sua cara-metade e cruze os destinos de preferência dos dois. Escreva todos os lugares que gostava de conhecer, desde os nossos Açores ao Bali, passando pela América do Sul e outros destinos mais longínquos e exóticos. Depois compilem os destinos que ambos querem e peça orçamentos a várias agências de viagens. Investigue também online e faça uma lista de todos os custos inerentes à viagem. Defina o máximo que está disposta a gastar. Ao fazer isto, está a afunilar a lista de destinos e a limitar o número de ofertas que podem aparecer. Não irá dispersar. Mantenha-se firme com o orçamento definido.

Foto: Slcasamentos

2. Aposte na compra antecipada

Não é segredo para ninguém: quanto mais tarde comprar o pacote de lua de mel, mais caro ele irá ser. Lembre-se também que os valores praticados em época alta são muito diferentes dos valores em época baixa. Beneficie dessa particularidade do mercado e compre a sua viagem em época baixa, mesmo que a viagem seja marcada para época alta. Aproveite as promoções das agências quando as vendas estão em baixo. E evite o stress de deixar tudo para a última hora.

Não improvise com a sua lua-de-mel. Esta viagem representa uma grande recompensa para quem passou um ano ou mais a preparar um casamento. Depois de tanto stress, acredite, você vai querer relaxar numa praia de areais dourados e água tépida e transparente. Você merece!

Foto: Estúdios Santa Cruz

3. Se for viajar de avião…

Se tiver flexibilidade de datas e horários, vai adorar esta tip. Nalguns sites de compra de voos existe uma opção que diz “não decidi as minhas  datas” ou algo similar, o que lhe dará muitas possibilidades de data e duração de estadia, bem como preços aproximadamente 50% mais baratos do que quando reserva um avião com data exata.

Se precisar de viajar num dia específico, não se preocupe pois também temos um conselho para si: as 4 da manhã das quintas-feiras é a altura com menor procura de voos, o que significa que as ofertas das linhas aéreas são de menor custo. Pode ser chato, mas se quiser realmente poupar, recomendamos que procure voos nesse dia e a essa hora, pois assim conseguirá o mais barato do mercado.

Photo by Tim Gouw on Unsplash

4. Pesquise todas as opções da concorrência

Assim que escolher o seu destino, pesquise os preços em várias agências de turismo. Vai notar algumas discrepâncias nos preços e vai perceber ainda que umas agências oferecem vantagens que outras não colocam à sua disposição. Tenha em conta o voo, o hotel, o transfer, os regimes de meia-pensão e os regimes de tudo incluído. Faça bem as contas. Um hotel 5 estrelas com tudo incluído e ainda com oferta de transfer pode parecer mais caro, mas se calhar compensa!

Foto: Estúdios Santa Cruz

5. Escolha com cuidado o hotel

Use o Booking, o Tripadvisor e todas as ferramentas colocadas online, onde é possível os hóspedes fazerem comentários a respeito do hotel. No catálogo tudo parece sempre fantástico. As fotos são sempre as melhores, os quartos são sempre espaçosos, os pequenos-almoços são sempre divinais. Mas será a realidade assim tão perfeita? Às vezes sim. Outras vezes nem por isso. Veja o que os hóspedes que já lá estiverem têm a dizer…

Pode ainda optar por utilizar o Airbnbatravés do qual é possível alugar quarto ou casa completa a custos mais baixos e sem muita burocracia. Gostava de passar a lua-de-mel em Nova Iorque, por exemplo? Estatisticamente se passasse a sua estadia num apartamento alugado por uns dias pouparia até 119 dólares (cerca de 100 euros) por dia. Em Londres, cerca de 32 euros, em Tóquio cerca de 107 euros, e por aí adiante. Assim, se o seu objetivo é reduzir custos, não retire da sua lista verificar os apartamentos disponíveis.

Foto: Feel Creations – Wedding Photo & Film

6. Opte pelo pagamento à vista

Dinheiro atraí dinheiro. Prefira pagar tudo a pronto em vez de parcelar o pagamento. Porquê? Porque quase todas as grandes agências estão dispostas a oferecer um desconto ou outras regalias a casais que optem por esta forma de pagamento. Poupe durante uns tempos antes de marcar o casamento e a lua-de-mel e fique com o assunto logo arrumado. Vai mesmo querer estar a pagar todos os meses um determinado valor por uma viagem da qual já usufruiu? Pagar a crédito é uma das formas mais fáceis para perder a noção do dinheiro que gastou. Se quer economizar, pague à vista.

Foto: Feel Creations – Wedding Photo & Film

7. Se o avião não é “a sua praia”, uma roadtrip é sempre uma opção

O que acha de fazerem uma viagem romântica pela estrada fora, rodeados por belas paisagens? Muitas vezes esquecemo-nos de como uma viagem de carro pode ser emocionante. Esta opção permitirá viajar sem destino, sem ter absolutamente planeado, nem um itinerário fixo. Plena aventura!

Photo by Toa Heftiba on Unsplash

8. Uma bebida a um preço preferencial

Em qualquer país para onde vamos, o álcool sempre será caro. Os mini-bares dos hotéis com whisky ou vodka, podem deixá-los, literalmente, na falência. Por isso, não se deixe enganar por estes preços elevados e planeie melhor as suas noites de lua de mel, com uma garrafa de vinho trazida de casa. A maioria das companhias aéreas permitem viajar com 2 garrafas de álcool por mala. Por isso, entre si e o seu marido, pode levar até 4  garrafas de vinho para as longas noites no quarto do hotel…

Photo by rawpixel on Unsplash

9. Evite despesas inesperadas

Muitas vezes, em viagens ao estrangeiro pode ter a infelicidade de sofrer de algumas maleitas menores: irritabilidade nos olhos, ardor causado por queimaduras solares ou dores de estômago… por isso, recomendamos-lhe que leve um kit SOS com os medicamentos essenciais e, assim, evitar gastar dinheiro em produtos caros, como alguns dos medicamentos necessários para este tipo de desconfortos.

Photo by Hans Gustafsson on Unsplash

10. Alugue um carro por alguns dias

Se for para fora do país, os táxis e os Ubers tendem a ser mais caros. Por isso, se quiser visitar lugares turísticos na periferia da cidade ou tem muitos locais para visitar, recomendamos que alugue um carro e evite pagar muitos táxis, porque a longo prazo é muito mais caro.

Photo by Jake weirick on Unsplash

11. Passeie em dias de promoções

Muitos museus e resorts têm dias com promoções, que são anunciados nas suas páginas e redes sociais. Por isso, quando chegar ao seu destino, verifique os sites de todos os lugares que quer ir visitar e organize os seus dias, dependendo dos descontos que oferecem em cada um deles. Não vá visitar os sítios precisamente no dia em que não há promoção!

Photo by Ibrahim Rifath on Unsplash

12. Use sempre sapatos confortáveis

Pode parecer ridículo, mas quanto mais confortáveis ​​forem os seus sapatos, mais poderá andar e menos táxis terá de utilizar. O objetivo é que aproveite cada momento da sua viagem e economize o máximo possível (embora nem oito nem oitenta: também não sofra a andar só porque não quer gastar uns euros num táxi!). Então, já sabe, um bom par de ténis pode ser a solução para não esvaziar a carteira!

Photo by Haley Phelps on Unsplash

Espreite as melhores agências para sua lua de mel no guia de fornecedores do Zankyou e comece já a sonhar com as suas férias de sonho, com a sua cara-metade.

Talvez também lhe interesse:

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

Lua-de-Mel na África do Sul: um país mágico num continente único
Lua-de-Mel na África do Sul: um país mágico num continente único
Natureza, cultura e cidades incríveis... Tudo isto é a África do Sul... Além disso, foi aqui que nasceu Nelson Mandela, uma das figuras mais proeminentes do século XX. Há lá sítio mais interessante para passar a lua-de-mel?!
Foto: SeaDream Yacht Club
Conheça as vantagens de viver a sua lua-de-mel num cruzeiro
Os cruzeiros são uma boa opção para quem queira desfrutar de uma lua-de-mel com todos os caprichos desejados. Saiba porquê!
Lua-de-mel na Nova Zelândia: a magia da nossa realidade
Lua-de-mel na Nova Zelândia: a magia da nossa realidade
Se o Universo tivesse de escolher a sua obra de arte mais preciosa talvez escolhesse este belo país da Oceânia. Porque não visitá-lo na sua lua-de-mel?

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação