Alguma vez se apaixonou através da Internet? Olhe que tem muitas vantagens!

Os preconceitos são sintomas que acabam por prejudicar o correcto funcionamento da sociedade actual. As pessoas deviam poder fazer o que quisessem sem ter medo “do que os outros vão dizer”. Desta forma o mundo seria mais feliz! Procurar um(a) parceiro(a) pela Internet é um exemplo do tipo de acções que são geralmente alvo de rejeição e preconceito por parte da sociedade em geral. No entanto, a verdade é que não há problema nenhum em fazê-lo, até pelo contrário, pois quantas e quantas vezes se estabelecem relações estáveis através da rede, por vezes mais fortes do que as tradicionais. Descubra aqui porque procurar o amor pela Internet esconde mais vantagens do que alguma vez imaginou!

oneinchpunch
Foto: oneinchpunch

Pesquisas mais minuciosas

A Internet é uma montra da vida. Graças às inúmeras opções que proporciona, podemos fazer selecções à nossa vontade, tendo em conta as nossas reais necessidades e desejos mais profundos, pois o grau de privacidade que implica o seu uso motiva ainda mais as escolhas verdadeiras. Nada nem ninguém pode julgar-nos, pois não sabem o que nós fazemos.

No que diz respeito aos casais, a liberdade de escolha é ainda mais acentuada, o que pode implicar a selecção do(a) parceiro(a) ideal com quem partilhar a vida. Com efeito, é possível fazer uma procura mais completa e conscienciosa, pois consegue-se medir à distância todas as idiossincrasias pessoais de cada um (hobbies, comportamento, aspirações…) e acaba por ser mais fácil encontrar pessoas com maiores afinidades. Paula Hall, especialista da Universidade de Chicago, assegura que “em qualquer relação de casal estabelecida será sempre mais provável que seja baseada num sistema de valores partilhados, com os mesmos interesses e paixões”.

Segurança

O primeiro encontro cara-a-cara de um casal que nasça na Internet pode ser muito embaraçoso. No entanto, tem também vantagens que podem eventualmente reduzir o incómodo muito mais rápidamente do que julga. Com efeito, antes de um primeiro encontro, os dois já partilharam a sua vida e muita informação que podem utilizar para desenvolver temas de conversa interessantes e evitar deslizes. E apesar do relacionamento através de um computador ou smarthphone ser mais impessoal, torna-se mais fácil “mergulhar” de cabeça tendo um ecrã pelo meio, que implica uma certa liberdade de actuação. Para além disso, essa suposta barreira pode converter-se numa protecção, que elimina desastres presenciais no futuro.

Uma opção real para o amor

Hoje em dia já existem muitos casais que nasceram a partir do universo virtual. Se é verdade que algumas pessoas procuram apenas relações físicas na net, muitas outras têm a pretensão de encontrar o sentido para a sua vida sentimental. E o amor através da Internet é possível! Com efeito, e segundo o mesmo estudo da Universidade de Chicago, um em cada cinco romances que se iniciam na Europa surgem através das redes (um em cada dois, no caso dos casais homossexuais), o que demonstra que esta opção tem força e, para além disso, produz relações duradouras.

Evolução

Durante séculos, os matrimonios arranjados e forçados eram habituais nos estratos mais altos da sociedade. Neste sentido, as famílias e respectivos círculos influenciavam fortemente este tipo de decisões. Mais tarde, a instauração de novas formas de vida motivou uma mudança de papéis e passaram a ser os círculos de amigos a propiciar que as pessoas se conhecessem. No entanto, este tipo de interacção social começa já a ser hoje em dia substituida pela Internet, onde é possível escolher sem a pressão de terceiros.

Diversidade e tolerância

As pessoas movem-se em determinados círculos, quer sejam familiares como ligados a uma cultura ou a uma forma de pensar. Este tipo de vida social exclui outras formas de vida, necessárias para concretizar muitas relações sentimentais. Segundo Reuben Thomas, professor assistente de Sociologia do City College de Nova Iorque, os grupos sociais mais próximos impedem o desenvolvimento da diversidade (raças, religiões, sexos…) no seu próprio círculo. No entanto, no caso da Internet, o espectro virtual é tão amplo que cabem nele todo o tipo de pessoas. Estas relações não só motivam a tolerância necessária numa sociedade avançada, como também fomentam a aprendizagem, a abertura das mentes e as relações mais autênticas. A boa notícia é que, pouco a pouco, o mundo em geral vai colocando em prática este tipo de comportamentos sem a necessidade de limitar-se ao uso da Internet.

Aplicações para todos os gostos

Apesar das páginas de encontros estarem sempre no centro das atenções de quem pretende encontrar um relacionamento através da Internet, as aplicações são as que hoje em dia levam todas as medalhas. Neste “espaço”, qualquer pessoa pode encontrar “o seu sítio”. Para os mais marotos existem aplicações com “menos obstáculos” e mais “pimenta”. E quem sabe, algum tempo depois, até surge o amor! Mas também existem outras aplicações para quem procura as duas pedras que finalmente consigam criar a chama do amor entre duas pessoas. Seja qual for a sua intenção, o seu amor pode estar escondido por detrás da rede de bites que inunda o mundo virtual. E se lhe é difícil encontrar um(a) parceiro(a), seguramente que acabará por cruzar-se com a aplicação perfeita para si. Se já encontrou, vá em frente e demonstre que o amor através da Internet é muito mais do que uma circunstância virtual!

Duvidava dos relacionamentos gerados através da Internet? Quem sabe se estas notas lhe ajudem a abrir os olhos e a reduzir essa carga de preconceito que lhe foi “embutida” pela opinião pública. Be free, my friend!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

Quer um casamento feliz? Aqui fica uma lista de conselhos definitiva, realista e directa
Quer um casamento feliz? Aqui fica uma lista de conselhos definitiva, realista e directa
Mark Manson, um reconhecido jornalista e escritor, perguntou às pessoas com mais experiência sobre os segredos para um casamento feliz.
Faraway
Tome nota destes 12 conselhos de um divorciado para evitar erros no seu matrimónio
Porque a experiência dos outros pode ajudar a manter viva a sua relação, fique atento aos conselhos de alguém que se divorciou e se arrependeu de não ter feito de outra forma...
São um casal feliz? A ciência tem a resposta!
São um casal feliz? A ciência tem a resposta!
Espreite estes interessantes estudos sobre as relações perfeitas e tire as suas próprias conclusões!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação