Escapadinhas Invernais: vilas e cidades pitorescas ideais para visitar no momento

Com o passar do tempo, as pessoas começaram a perceber o verdadeiro encanto que o Inverno traz consigo todos os anos, quando decide chegar. Colocando de parte todas as queixas que estamos tão habituados a fazer e a ouvir graças a esta estação, o fim da época Natalícia, a chuva e a neve, o Inverno apresenta-se, sem dúvida, como uma das melhores estações para apreciar e desfrutar das peculiaridades da vida. 

Depois das marcas deixadas pelo Outono na Natureza, onde cores coloridas fazem também parte do cenário, o Inverno pode ser visto como um novo amanhecer para a beleza das paisagens, especialmente, quando se enchem de neve. Para além disto, o céu adquire também uma nova cor, o calor e o conforto invadem as casas das pessoas. Assim, para aproveitar o que esta estação tem de melhor, apresentamos algumas vilas e cidades pequenas que estão à espera da sua visita. 

Schwangau, Alemanha

Schawangau é uma pequena vila da Alemanha, mas o que mais se destaca são os seus arredores. Um local digno de um verdadeiro conto de fadas pintado por neve, onde se pode sentir a magia do passado. Esta zona apresenta as mais belas paisagens enriquecidas pelas típicas características de vilas alemãs: telhados de madeira e decoração tradicional, tal como o próprio Schwangay, Füssen ou Hohenschawangau.

Contudo, a sua principal atracção é o castelo de Neuschwanstein, um extraordinário monumento que Luis II de Baviera, o “rei louco”, mandou construir em 1866. Esta pérola monumental eleva-se aos céus, graças às suas torres estreitas e telhados pontiagudos que nos remetem para a época medieval e para as mais fantásticas literaturas. A sua aparência de contos de fadas e a pureza do branco que exibe serviu de inspiração para o famoso castelo da Disney. 

Frank Fischbach
Foto vía Shutterstock: Frank Fischbach

Delft, Holanda

Muito perto de Amesterdão, esta pequena jóia holandesa, escondida entre os grandes tesouros europeus, proporciona-nos grandes momentos no Inverno: brincadeiras na neve e uma beleza inexplicável sob a forma de canais e arquitectura com características góticas, especialmente nas fachadas que remontam ao século XVII e XVIII. Uma pequena versão de Amesterdão, sem o barulho e ritmo da grande cidade.

Quando o Inverno aperta e os canais congelam, os habitantes e os visitantes, que vêem de todo o mundo, desta cidade passam horas e horas a patinar. Também, combinam esta actividade com concertos e festas universitárias, pois Delft é um destino perfeito para estudantes nacionais e estrangeiros.

Kanuman
Foto vía Shutterstock: Kanuman

Sintra, Portugal

Uma vila caracterizada pelas suas magníficas paisagens onde os palácios se destacam no topo das suas montanhas. Declarada Património da Humanidade, apresenta os mais misteriosos bosques, uma topografia sem igual que mantém o secretismo dos castelos e dos longos passeios de Inverno que aqui se podem dar. Sem muitos turistas, é bastante mais fácil desfrutar da riqueza natural e arquitectónica desta vila. 

O Palácio da Pena destaca-se como sendo o mais importante de Sintra, mas, também, é de realçar a Quinta da Regaleira, o Palácio Nacional de Sintra, o Palácio de Monserrate e o Castelo dos Mouros. Desde a reconstrução da cidade devido ao grande terramoto de 1755, o romantismo e a arte foram implantados em Sintra devido aos seus palácios e à magia que ainda hoje se vive.

Tatiana Popova
Foto vía Shutterstock: Tatiana Popova

Verona, Itália

A cidade do grande amor de Romeu e Julieta com a aparência de uma vila encantadora que regala as mais belas paisagens com a chegada do Inverno. Mesmo que não se verifique muito frequentemente, os telhados e ruas desta cidade amorosa recebem a neve com os braços abertos, aumentando a beleza de uma das cidades mais bonitas de Itália. Situa-se perto do Monte Lessini e no Inverno, as temperaturas descem consideravelmente devido à sua posição do Norte.

O Castelo Scaligero do século XIV, a casa da Julieta, o anfiteatro da Arena e um teatro romano do século I ganham grande destaque e fazem parte do Património da Humanidade, com peças com mais de 2000 anos.

Renata Sedmakova
Foto vía Shutterstock: Renata Sedmakova

Chamonix, França

Uma vila que parece que foi especialmente retirada daquelas bolas de cristal de neve, com pequenas casas, superfície pálida da neve e uma magia inegável que paira em qualquer dos seus cantos. Junto ao famoso Mont Blanc, muitas das actividades que aqui triunfam estão relacionadas com o alpinismo e esqui. 

Um ambiente típico da montanha prima entre os seus habitantes e turistas que se encontram rodeados pela grande cordilheira. Perder-se ao longo das suas ruas no sonho natalício inspira-nos e surge como uma óptima ideia. Agora imagine este sentimento que se extende ao longo de todo o Inverno.

Nataliya Nazarova
Foto vía Shutterstock: Nataliya Nazarova

Innsbruck, Suiça

A sua localização privilegiada no vale de Inn, literalmente no meio dos Alpes Suíços, converte-se em centro turístico para os verdadeiros amantes de esqui com (com as suas estâncias de neve) e tantos outros desportos invernais. A montanha Patscherkofel destaca-se como sendo o cenário para rotas e para apreciar as vistas de cortar a respiração da cidade e dos seus arredores. Por sua vez, os aldeões da cidade têm à sua disposição uma bela vegetação e lagos escondidos que merecem ser descobertos. Aqui, a sensação de paz é uma constante. A Natureza manifesta-se no seu máximo esplendor, construindo uma atmosfera que a/o fará sentir-se a única pessoa no mundo.

A maravilhosa localização complementa-se com o romantismo que se vive nesta cidade, incluindo os passeios de um digno conto de fada. Uma tradição, gastronomia, cultura e arquitectura fortes podem, também, ser aqui vividas. Para chegar à cidade, recomendamos que apanhe um comboio e assista a uma maravilhoso festival de colinas, lagos e cascatas.

Tatiana Popova
Foto vía Shutterstock: Tatiana Popova

Segovia, Espanha

Uma das capitais da província mais pequena e encantadora de Espanha. Apesar de muitas outras cidades espanholas guardem relíquias romandas, o aqueduto de Segovia é o monumento desta cultura mais importante de todo o país, especialmente, devido ao cenário que todos os turistas procuram para as suas fotografias. Para além disto, Segovia esconde, também, tesouros de igual importância, pois toda a cidade velha, juntamente com o aqueduto, obteve o reconhecimento de Património da Humanidade. De facto, espaços como a Catedral e a Mesquita são provas irrefutáveis da riqueza cultural e histórica que perdura nesta cidade.

Para além de toda a excelência arquitectónica, o bosque de Valsaìn e o Parque Natural de Peñalara, cobertos de neve no Inverno, conferem uma beleza a todo este complexo natural que rodeia Segovia. O “Lechazo“, o seu prato típico, culmina a gastronomia da zona com um toque de sabor a “terra”, perfeito para entrar no calor!

Juan Enrique del Barrio
Foto vía Shutterstock: Juan Enrique del Barrio

Salzburgo, Áustria

A cidade de Mozart também apresenta muita alegria e elegância nesta época invernal. Foi, igualmente, declarado Património da Humanidade, com toda a graciosidade e magia que o Inverno aporta consigo. Todo o panorama urbano e natural se conjuga e forma um dos grandes tesouros desta estação fria.

A casa de Mozart pode ser visitada, assim como outros edifícios da Idade Média, o Românico ou o Renascimento que convertem a cidade em um livro metafórico com histórias de diferentes épocas.

canadastock
Foto vía Shutterstock: canadastock

Durham, Reino Unido

Outra fortaleza medieval que se deixa encher de magia e fantasia nos brancos dias de Inverno. Esta cidade, preparada para as festas Natalícias, permanece bela e plácida durante todo o Inverno. Enquanto a neve cai e as luzes das ruas se acendem, as lojas decoram as suas montras com os célebres contos de Charles Dickens.

Patinagem no gelo é uma das actividades mais frequentes nesta vila inglesa durante os meses mais frios do ano, assim como o vinho quente e outras bebidas reconfortantes nas tabernas mais autênticas, facilmente identificáveis graças à rica literatura britânica. A cidade é histórica pelo seu suculento património, com o Castelo de Durhan, como a principal atracção, com a recriação da rota do comboio do filme Polar Express na época natalícia.

sbason
Foto vía Shutterstock: sbason

Existem muitas outras vilas e pequenas cidades perfeias para desfrutar no Inverno, contudo, estas são as que decidimos eleger para a ocasião. Qual é a mais atraente para si? 

Dê-nos a sua opinião

Sexting: ajuda ou não a fortalecer as relações do casal?
Sexting: ajuda ou não a fortalecer as relações do casal?
O sexting é uma modalidade que os casais usam para estimular os desejos sexuais, através de uma gratificação imediata que a tecnologia facilita. No entanto, um estudo indica que está a gerar fraturas na base das relações.
Foto: AhHA! Photos
Apaixone-se pelos 10 bairros mais bonitos do mundo na sua lua-de-mel ou numas férias de inverno
Celebre a sua lua-de-mel visitando alguns dos espaços que melhor representam a essência de cada cidade
Foto: Estúdios Santa Cruz
As 11 cidades mais românticas do mundo
Escolha uma destas mágicas cidades para umas férias irrepetíveis e muito românticas. O mundo é grande e está cheio de possibilidades. Aproveite!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação