A evolução do amor com a idade: 8 pormenores especiais do dia-a-dia

Na adolescência e nos tempos da universidade o amor significa para os jovens andar de mãos dadas e entrelaçadas e, claro, descobrir todo um novo mundo – o do sexo! Perder a virgindade é o grande passo e acontecia, na maioria da vezes, às escondidas, na casa de amigos ou em casa dos pais – rezáva-se para estes não chegassem mais cedo.

Ludgi Fotógrafos Solicite informação sobre “Ludgi Fotógrafos ”
Ludgi Fotógrafos

As paixões assolapadas pelo(s) rapaz(es) dos nossos sonhos (sim, chorava-se muito, mas mudava-se rapidamente de “paixoneta”) eram comuns e levavam as adolescentes a passar noites acordadas a pensar no “cujo” e a imaginar encontros muito românticos. Um jantar à luz das velas, a ida ao cinema e  as noitadas sem fim… tudo é perfeito, o outro é ideal.

Ludgi Fotógrafos Solicite informação sobre “Ludgi Fotógrafos ”
Ludgi Fotógrafos

Na entrada da idade adulta a paixão dá lugar ao amor, o verdadeiro. Deseja-se uma maior intimidade e partilha com a nossa cara-metade; começa-se a fazer projetos em conjunto e os papéis mundam. A mulher, já não jovem sonhadora, é agora a companheira, a amiga e a amante.

O amor é assim, prioritário e a escolha do companheiro muito mais exigente. Quer-se um homem para partilhar todos os momentos – quando se chega a casa cansada depois do trabalho, as conquistas do dia-a-dia, mas igualmente os grandes planos do futuro, construir um lar e uma família.Vemos o quanto estávamos enganadas no significado do amor.

Awe Solicite informação sobre “Awe ”
Awe

A noção do tempo também difere e torna-se precioso. As responsabilidades acrescidas levam-nos a desejar que o dia tivesse 48 horas!! Mas o amor é muito mais, está nos pequenos momentos e pormenores do dia-a-dia:

1. É preparar um jantar especial para o nosso amado e surpreendê-lo. É dizer palavras bonitas e incentivá-lo num dia mais complicado pelo qual passou.

2. Numa relação o silêncio também é importante.. por vezes basta sentir e partilhar um momento calmo no sofá, um gesto, um carinho.. não são necessárias palavras!

3. É partilhar as tarefas domésticas, aquelas que nenhum dos dois quer fazer…. lavar a loiça, mesmo quando já não temos muita paciência.

4. É partilhar a pasta de dentes, aceitar as indisposições do parceiro e a intimidade, como ir à casa de banho sem vergonha do outro.

5. Amo-te! Dizê-lo muitas vezes, todos os dias pela manhã o quanto amas o teu companheiro. É elogiar o nosso parceiro…dizendo o quanto “és bonito, querido e charmoso”! Todas as palavras são poucas para demonstrar o seu carinho e admiração que sente por ele.

AWESolicite informação sobre “AWE”
AWE

6. Não existem máscaras, aceita-se o outro com todas as qualidades e com os seus defeitos.. ultrapassa-se os momentos complicados de uma relação e os pequenos arrufos, por vezes sem importância…acredite que irão acontecer!

7. Não deixe que a rotina do dia-a-dia se imponha e façam coisas diferentes…como uma escapadela, uma viagem de fim de semana romântico, uma noite quente num hotel ou experimentem algo juntos e de que gostem os dois.

8. Dar, dar….carícias, fazer aquela massagem especial que ele tanto gosta; abraçá-lo e beijá-lo quando ele não está à espera….o romance no seu máximo!!

João Almeida Fotografia
João Almeida Fotografia

O amor não se procura, ele acontece e é alimentado com muito carinho todos os dias, em todos os momentos. O segredo de um grande amor está na partilha, no companheirismo…e sem dúvida nos momentos picantes a dois.

O amor pleno existe e acontece na concretização do grande projeto a dois – os filhos, o casamento, a partilha do ninho, do vosso espaço…o chamado  lar!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Foto: Adriana Morais
6 atitudes que revelam maior intimidade num casal que o sexo: venham conhecê-las!
A vida a par tem tantos momentos que merecem ser lembrados... Por sabermos isso, não resistimos: revelamos-lhe, hoje, 6 atitudes que revelam maior intimidade num casal que o sexo!.. Vamos a elas?
Sexting: ajuda ou não a fortalecer as relações do casal?
Sexting: ajuda ou não a fortalecer as relações do casal?
O sexting é uma modalidade que os casais usam para estimular os desejos sexuais, através de uma gratificação imediata que a tecnologia facilita. No entanto, um estudo indica que está a gerar fraturas na base das relações.
São um casal feliz? A ciência tem a resposta!
São um casal feliz? A ciência tem a resposta!
Espreite estes interessantes estudos sobre as relações perfeitas e tire as suas próprias conclusões!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação