Como usar 10 das cores Pantone no seu casamento? Começamos pela Dried herb!

Mas a final, o que é a Pantone? – É talvez uma das questões que poderá estar a colocar- se neste momento e que a Zankyou Magazine tem todo o prazer em responder. A Pantone é uma entidade de renome mundial que desenvolveu um sistema standard de cores muito conhecido e utilizado por diversos sectores da indústria, entre estas, as artes gráficas, a moda e a decoração.

Todos os anos, a Pantone selecciona uma cor representativa e, sazonalmente, publica relatórios com as novas tendências. Por isso, se procura uma inspiração, é sempre uma boa ideia dar uma vista de olhos nos relatórios da Pantone, independentemente do que estiver a planear: uma nova decoração para a casa, uma mudança no guarda-roupa, ou a planificação de um evento, como é o caso de um casamento.

Em fevereiro do presente ano, a Pantone publicou um relatório com as tendências das cores para o Outono-Inverno 2015/2016, e é o propósito Zankyou Magazine oferecer-lhe algumas sugestões e inspirações para o seu casamento com base nessas mesmas tendências. No total, a Pantone fez uma escolha de dez cores pelo que, com o intuito de oferecer-lhe um leque variado de ideias, a Zankyou Magazine compromete-se a explorar as mesmas, através de um artigo semanal.

Pantone
Pantone

Hoje então começaremos por apresentar-lhe a primeira cor: o Dried Herb.

O Dried Herb é uma cor definida pela Pantone como sendo um verde oliva que, apesar de já ter sido considerada estritamente safari ou militar, actualmente é percebida como sendo uma cor sofisticada e chique. Em termos de moda, a consultora de imagem e make up artist Soraia Farinha, da Love your Style, faz a seguinte referência para esta cor:

Dried herb pode parecer uma designação de cor muito estranha mas se falamos em “khaki” talvez já nos seja mais familiar. Não é de todo uma cor em que se pense quando falamos de casamentos, pois é muitas vezes associada a ambientes e looks mais descontraídos e casuais, mas em ambiente outonal, e combinada com os acessórios, pode resultar em coordenados muito elegantes e totalmente inesperados. Trata-se de uma cor quente que irá favorecer pessoas de pele dourada ou oliva com cabelo castanho, acobreado ou ruivo, pelo que pessoas de tez mais clara/rosada deverão ter cuidado a usar esta cor e “cortar o seu efeito negativo” junto do rosto com outra cor. A combinação mais clássica e elegante passa por conciliá-la com dourado em acessórios ou peças complementares, mas sempre sem exageros”.

Vamos então ver dois exemplos de estilos adequados a convidados e a damas de honor sugeridos pela Love your Style.

No que se refere à decoração, a Quinta do Terreiro da Luta sugere uma decoração onde incorpora a cor Dried Herb através de suculentas e combina a mesma com outras plantas e flores com tonalidades verdes, laranja e lilás.

Quinta do Terreiro da Luta
Quinta do Terreiro da Luta

No âmbito do cake design, a AnaCris Cake Design apresenta-nos a seguinte sugestão:

E ainda no âmbito do cake design, a cake designer Carla Silva, de O Lado C Cake Shop, preparou, em exclusivo para a Zankyou Magazine, uma maravilhosa mesa temática onde apresenta novas tendências na área do cake design, inspirada na cor Dried Herb. A mesa estava constituída por uma encantadora decoração de hera, um bolo de casamento, cupcakes, cake pops, macaroons, frascos de sobremesa, e uma nova especialidade da loja: o cake on a stick.

A Carla Silva explicou à Zankyou Magazine as diversas escolhas que incluiu nesta apresentação:

“Começando pelo bolo, optei por realizar um Naked Cake. Trata-se de uma nova tendência em bolos para festas e casamentos que não leva a tradicional cobertura de pasta de açúcar. Por não ter cobertura e conter frutos, é um bolo mais saudável e menos pesado. Ainda, como é possível constatar, nesta técnica as camadas ficam totalmente expostas, sendo possível apreciar as diversas layers de bolo, creme, e mirtilos. E para tornar a apresentação ainda mais apelativa, acrescentei uma delicada aplicação de pasta de açúcar com um efeito de renda”.

“De seguida, temos os cupcakes com creme e com a aplicação de uma flor feita com pasta de açúcar”.

“Do lado direito da mesa, temos os cake pops constituídos por bolo, chocolate, mirtilos e pequenas aplicações em pasta de açúcar”.

“Também, no mesmo lado, temos os frascos de sobremesa, constituídos por camadas de bolo, creme e fruta. Para eventos menos informais, estes frascos podem também funcionar como sobremesa”.

O Lado C Cake Shop
O Lado C Cake Shop

“Finalmente, do lado esquerdo da mesa, temos os macaroons e a nossa nova especialidade: o cake on a stick, que consiste numa mini-espetada com camadas de bolo, creme, e mirtilo”.

Finalmente, no âmbito do Wedding Stationery, temos uma sugestão proposta pela designer Ana de Sousa, da Ana de Sousa-Design&Illustration, desenvolvida em exclusivo para a Zankyou Magazine.

“Sendo o Dried Herb uma cor terrenal, torna-se ideal sobretudo em eventos outdoors e com um estilo rústico e campestre. O design do wedding stationery desenvolvido está inspirado nas folhas da oliveira, e a cor Dried Herb foi combinada com o beige e o branco com o intuito de atribuir um toque subtil ao conjunto realizado. Para dar um aspeto rústico mas ao mesmo tempo elegante, inclui uma textura muito delicada nas folhas e no background do convite.

No que se refere ao Save the Date, embora não seja uma prática a sua utilização em Portugal, recentemente começa a observar-se a sua adoção. Assim, para aqueles que pretendam utilizá-lo, relembro que a entrega do mesmo aos convidados deve ser realizada com uma antecedência de seis a oito meses antes do casamento, à diferença do convite, que deve ser entregue entre seis a oito semanas antes do casamento”. Nas seguintes imagens, é possível apreciar quer o save the date, quer o convite:

Ainda, para a receção, Ana de Sousa propõe a utilização de scorts cards, menus, e marcadores de mesa baseados no mesmo design. E, após o evento, propõe a entrega de cartões de agradecimento.

“Para aqueles que desconhecem os scorts cards, estes são uma alternativa à utilização do tradicional placard. Consistem em pequenos cartões com o nome do convidado, indicando o número da mesa onde este ficará. Regra geral, estes cartões são colocados quer numa mesa à entrada da receção, quer no lugar exato do convidado. Ainda, no que se refere aos cartões de agradecimento, estes são apenas um maneira muito pessoal de ajudar aos noivos a expressar a sua gratidão por aquelas pessoas que assistiram ao seu casamento. Os mesmos devem conter uma mensagem manuscrita pelos noivos e devem ser entregues, no máximo, até três meses após o evento”.

E assim finalizamos as nossas sugestões para o Dried Herb. Esperamos que o artigo tenha sido do seu agrado, e esteja atento pois na próxima semana apresentaremos a seguinte cor: o Desert sage!

 Guest Blogger:  Ana Sousa 
Ana Sousa

 É entendido no mundo dos casamentos e quer escrever para a Zankyou? Entre em contacto

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Dê-nos a sua opinião

Créditos: Pella Hedeby e Pinterest.
Decorar com a flor de algodão: o pormenor decorativo mais trendy!
Saiba como acompanhar as mais recentes tendências decorativas, recorrendo à flor de algodão: um toque elegante e diferente para a sua casa!
Vanessa & Ivo - Something Blue
Algumas das tendências de 2018 que as noivas quererão adoptar
Os aspectos mais in para 2018 em vestidos de noiva, bolo de casamento, espaço & decoração e recordações fotográficas
Foto: João Santos Photographer
Transporte de Noivos na Madeira: boleia para uma chegada ao casamento em grande!
Chegue ao seu casamento exibindo todo o requinte com estes fornecedores de transportes de noivos na Madeira e solicite informação gratuita!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação