Como escrever os convites para o meu casamento

Ao longo dos anos, os convites de casamento têm ganho cada vez maior importância. Além de comunicarem o grande e emocionante acontecimento aos convidados, os convites reúnem todas as informações possíveis sobre o dia do casamento, sendo a utilidade a sua principal função.

No entanto, nos tempos que correm, com a criatividade à flor da pele em todos os âmbitos da vida, os convites tornaram-se veículos perfeitos para transmitir a personalidade dos noivos, através do design, do tipo de letra, das palavras usadas, repletas de significado e ricas nos sentimentos que despertam. Quer saber como enfrentar esta tarefa? Esta atenta a estes cinco passos.

Passo 1. Informação básica

Antes de dar asas à sua imaginação, não se esqueça que o convite do casamento possui uma função informativa que deve ser convenientemente cumprida. Para isso, lembre-se de incluir a data do enlace, a hora e o lugar da celebração. Estes dados são essenciais e devem figurar claramente no convite, acompanhados, preferencialmente, de indicações, mapas e qualquer outro tipo de informação relevante para os convidados, sobretudo se têm entes queridos noutros países ou cidades, que necessitem de informação mais específica.

a pajarita

Passo 2. O protocolo

Embora os noivos tenham plena liberdade para escolher como querem o  seu convite, o protocolo indica certas formas de agir, seguindo geralmente, uma linguagem formal. Vocês, como noivos e donos deste evento, podem respeitar esta tradição ou não, mas por via das dúvidas, nós aqui na Zankyou contamos-lhe quais são as normas que, apesar de não estarem “escritas”, muitos noivos ainda as seguem.

a pajarita

Normalmente, são os pais dos noivos que convidam ou apresentam o casal e a sua futura união. Por isso, mesmo que sejam vocês os responsáveis pela escolha e confecção do convite, é de bom tom escrevê-lo como se fossem os seus pais a convidar, através de uma linguagem formal e amável. No texto, que geralmente é colocado no centro do convite, devem estar vossos nomes e uma mensagem acompanhada pelos principais dados citados no parágrafo anterior.

Na apresentação do convite, os nomes das famílias devem aparecer nos dois cantos superiores, à direita e à esquerda. Além disso, é importante pedir a confirmação da presença com o R.S.V.P.

Love Stories Weddings | Convites

Passo 3. A vossa marca pessoal

Se for ver os convites de há 20, 30 ou 40 anos atrás, tinham um design com padrões muito rígidos e clássicos, embora muitos casais saíssem um pouco da norma com um estilo mais pessoal. Hoje em dia, embora os noivos tradicionais e o estilo clássico ainda persistam, muitos casais preferem personalizar o design dos seus convites que, mais tarde, determinará o estilo do texto escolhido.

Assim, há quem acabe por optar por temáticas que, de alguma forma, têm a ver com a sua vida: equações e números, caso o trabalho de algum dos elementos do casal (ou dos dois) esteja relacionado com a ciência; detalhes relacionados com o cinema se os noivos são cinéfilos; o estilo vintage para quem procura a sensibilidade da nostalgia com cores e desenhos; um estilo mais personalizado com fotografias e uma linguagem específica do casal; etc. Existem milhares de ideias para impregnar uma marca pessoal e, hoje em dia, essa talvez seja a melhor maneira de se destacar, tocar no coração e conseguir um sorriso dos seus convidados.

Vânia Sacramento

Passo 4. Informalidade

A informalidade não deve ser algo negativo. A verdade é que as fronteiras que há anos limitavam os casamentos – e que não davam espaço à criatividade – estão a abrir-se. E apesar da solenidade que continua a acompanhar habitualmente estas celebrações, os casamentos que temos visto nos últimos anos transbordam de uma extraordinária imaginação, grande espaço para a diversão, risos e originalidade. Esta filosofia acaba por se reflectir nos convites do casamento, tal como já deve ter visto em enlaces de amigos e familiares (e, claro, também aqui na Zankyou!)

Diana Nobre – Convites

Assim, contacte um fornecedor do Guia de Fornecedores da Zankyou que lhe ofereça essa liberdade, para que possam escrever aquilo que realmente vos interessa. É, claro, o protocolo da apresentação dos pais pode ficar em segundo plano, se tiverem a ideia de personalizar o texto ao máximo. Lembre-se, apenas, que os dados do casamento são importantes, embora até possam brincar com eles, através de “adivinhas”, utilizando uma linguagem mais informal, introduzindo um toque de ironia ou adequando o conteúdo ao modelo do convite (um passaporte ou bilhete de avião, por exemplo, aliado ao tema viagens).

Através dos vossos convites personalizados, reflectidos no design e no texto, os convidados vão poder imaginar que estilo de evento os espera. Procure que sejam memoráveis!

Casa Stop Eventos

Passo 5. Regras importantes

Nós estamos aqui a incentivar que tornem o conteúdo do vosso convite original, mas também é importante – já para não dizer uma obrigação! – que ele exiba uma linguagem adequada. Claro que o conteúdo depende unicamente de si e do seu parceiro, mas será sempre válido apenas quando não fira a sensibilidade de ninguém com linguagem ofensiva ou tenha referências inapropriadas e expressões inadequadas.

Dona Maria

Por seu turno, não esqueça que a informalidade do texto não tem nada a ver com erros de ortografia ou de gramática. Um convite, independentemente do conteúdo ou da linguagem utilizada, não pode conter erros. Erros de ortografia ou pontuação, assim como frases mal estruturadas e sem sentido, confundem e podem passar uma imagem negativa. Fiquem atentos!

Molde Design Weddings

Entretanto, se ainda não sabe muito bem o que escrever nos seus convites, peça ajuda a familiares, amigos, conhecidos e também aos profissionais especializados, que saberão expressar graciosamente o que querem dizer. Estes, além de um texto mais assertivo e elaborado, escreverão sem os erros que possam tirar o valor às vossas palavras. É claro que será sempre melhor serem vocês a escrever o texto, mas peçam a alguém que o reveja sobretudo se não estiverem seguros em relação às normas da linguagem.

Descubra que tipo de convite tem mais a ver consigo!

E para ajudá-la na organização

Descarregue o ebook Como organizar o seu casamento“!

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Como calcular o orçamento do meu casamento: 5 passos imprescindíveis
Como calcular o orçamento do meu casamento: 5 passos imprescindíveis
O que deve constar no orçamento do seu casamento? Quanto dinheiro deve reservar? Qual o valor real das coisas? Perguntas muito válidas que lhe vamos responder.
Design com Texto
Convites de casamento baratos: como poupar neste "pormenor" do seu casamento!
Quer saber como poupar num dos pormenores do seu casamento? Escolhendo convites de casamento baratos!
Como escolher o serviço de Catering para o meu casamento
Como escolher o serviço de Catering para o meu casamento
Se há “pormenor” do qual toda a gente se lembra num casamento é… a comida! Por isso é essencial contratar boas empresas para fazer deste um dia inesquecível

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação