E quando a noiva é mais alta que o noivo?

Na nossa sociedade, há uma ideia generalizada de que, num casal, a mulher “deve” ser mais baixa do que o homem. No entanto, que sentido é que isso fará? Deveremos limitar as nossas escolhas com base na altura?

fonte: Green Wedding Shoes; fotografia de Carly Bish

Na minha perspectiva, claro que não! E há vários casais em que o homem é mais baixo ou da mesma altura que a mulher.

As formas de lidar com a situação podem ser bem variadas. Normalmente, mesmo que no início achem um pouco estranho, com o passar do tempo acabam por aceitar e nem pensar muito no assunto.

Nicole Kidman e Keith Urban, por exemplo, não demonstram absolutamente nenhum complexo com a diferença de alturas.

da esquerda para a direita: Nine West, Miss KG, Miss KG (todos à venda nas lojas Kurt Geiger)

De qualquer forma, muitas mulheres passam a preferir usar sapatos rasos ou sapatos de salto médio no dia-a-dia, de modo a minimizar os centímetros de diferença.

No dia do casamento, podem perfeitamente optar por algo semelhante, uma vez que há uma grande variedade de sapatos baixos festivos e lindíssimos.

da esquerda para a direita: Vivienne Westwood for Melissa, Melissa, Benjamin Adams
da esquerda para a direita: BHLDN, Etsy, Etsy

Há sabrinas e sandálias brancas, prateadas, douradas, coloridas, com aplicações românticas e femininas, com modelos convencionais ou arrojados, discretas ou bem chamativas.

Em muitos casos, podem até ser personalizadas, colocando uma aplicação com que as noivas se identifiquem ou até alterando a cor.

Kate Spade - à venda nas lojas Nordstrom e no respectivo website

Este tipo de calçado pode adequar-se a qualquer estilo de casamento, a qualquer vestido e a qualquer local. E tem uma grande vantagem: é extremamente confortável!

As noivas podem ainda optar por uns sapatos Oxford ou por um calçado raso de estilo mais desportivo, se for algo com que se identifiquem e se estiver em sintonia com o nível de formalidade do casamento.

da esquerda para a direita: Betsey Johnson, Etsy, Betsey Johnson

Há também quem prefira usar sapatos ou sandálias de altura média, que podem ser bastante confortáveis.

Marcas como Kate Spade, Badgley Mischka, Dune, BHLDN, Valentino e J. Reneé têm opções muito interessantes e perfeitamente adequadas a um casamento.

Kate Spade - à venda nas lojas Nordstrom e no respectivo website
da esquerda para a direita: BHLDN, Valentino, J. Reneé, BHLDN

Para além do calçado, há outros pormenores que podem ser tidos em conta, como é o caso do volume do vestido e do penteado. Se estes forem muito vistosos, podem acentuar as diferenças.

esquerda: Caroline Joy Photography; direita: Shewanders Photography (Style Me Pretty)

Depois há certas questões que podem ser discutidas com o fotógrafo, se pretenderem ter, na reportagem do casamento, fotos em que a diferença de alturas fique minimizada.

fonte: Green Wedding Shoes; fotografia: iDropPHOTO

Como disse anteriormente, há muitos casais que lidam naturalmente com a situação, pelo que o ideal será descontraírem e tirarem fotos naturais, pelo menos na maior parte do tempo.

Se, mesmo assim, quiserem ter algumas fotos mais “pensadas”, podem, por exemplo:

– estar ambos sentados, ou estar a noiva sentada e o noivo de pé (tal como podemos ver em algumas destas fotos);

– a noiva estar deitada no colo do noivo;

– tirar fotos de meio corpo ou com grande destaque para os rostos (por exemplo, focar um abraço, um beijo, um gesto de carinho…);

– estar num terreno com algum desnível, por exemplo, passeando de forma descontraída.

esquerda: Emma Case Photography; direita: Benfield Photography

De qualquer forma, é muito importante que nenhuma das poses pareça forçada, o que, para além de todos os aspectos negativos associados, ainda despertaria mais atenção para a diferença de alturas.

Deborah Zoe Photography

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Baby shower: o que é, quem faz, onde e quando é feito e porque você também tem de fazer um!
Baby shower: o que é, quem faz, onde e quando é feito e porque você também tem de fazer um!
Muito popular no Brasil, Estados Unidos e uma mãe cheia de países europeus, o baby shower só agora começa a tornar-se um fenómeno em Portugal. A ideia é celebrar o bebé e encher a mãe de mimos e prendas. E há lá melhor coisa para se celebrar?
Quando a tradição é ainda, o que sempre foi!
Quando a tradição é ainda, o que sempre foi!
"Something old, something new. Something borrowed, something blue.". Dentro deste "dito", apesar de tudo, acho que o preferido da generalidade das noivas (o meu também) ou pelo menos que tem maior relevância e destaque é o "something blue". Algo azul. O azul significa harmonia, serenidade e tranquilidade. Traduz a água, o céu e o infinito e é também a cor da realeza. No contexto casamentício, o azul representa fidelidade e pureza. Hoje, espero que, para vosso deleite, (deixei e) deixo-vos com algumas ideias.
Mais vale tarde do que nunca: casamento com mais de 40 anos
Mais vale tarde do que nunca: casamento com mais de 40 anos
E depois dos 40? Ainda vamos a tempo para casar?

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

A sua empresa também pode estar na Zankyou!
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação