Escapadelas a dois perfeitas e livres de turistas, para desfrutar ainda este Verão!

Hoje em dia é difícil encontrar um lugar para férias que não esteja cheio de turistas. Por isso, e se se considera um autêntico viajante que sonha descobrir o mundo e encher a mochila com umas quantas boas histórias, poderá ter de fugir da lista de destinos mais comuns. Sim, você merece muito mais e, por isso, vamos ajudá-lo.

Bosnia-Herzegovina

Este país inteiro merece uma oportunidade, apesar de ter o peso da guerra dos Balcãs, ainda recente e ressonante nos seus muros e praças. Aliás, quem sabe seja por isso mesmo que o encanto da Bósnia permanece no anonimato. Mas a verdade é que o país tem 50% de superfície verde e uma maravilhosa localização mediterrânica no sul, com uma vegetação abundante, paisagens incríveis e uma cultura que casa na perfeição com a sua vertente natural. Um local específico para visitar? As impressionantes Cascatas de Kravice.

nomadFra
Foto: nomadFra

Roatán (Honduras)

Faz parte das Ilhas da Baía e alberga uma das melhores praias das Caraíbas, para além de possuir uma beleza natural quase sem precedentes e um carácter quase inédito. Alguns cruzeiros param nas suas águas, mas geralmente só lá vão as pessoas mais aventureiras. Entre os seus segredos encontram-se recifes que pintam o fundo marinho com um pincel fino e imaginação ilimitada.

Tony Moran
Foto vía Shutterstock: Tony Moran

Selva de Irati (Navarra)

Navarra é uma das comunidades autónomas espanholas que menos aparece nos mapas e, talvez por isso, uma das menos exploradas. Para além da célebre Pamplona, com o seu São Firmino e toda a sua sua história, Navarra tem muitos mais para dar, verdadeiros tesouros que vão além de boa comida e bebida. A Selva de Irati, por exemplo, reúne abetos e faias em 17 000 hectares para o rejubilo de todos os amantes da Natureza. É um dos grandes bosques da Europa, onde é possível desfrutar da Barragem do Pântano de Irabia, perfeita para dar uns mergulhos e apreciar as suas margens, refrescando-se nas suas impressionantes e misteriosas águas cristalinas.

NdS fotografia digital
Foto via Shutterstock: NdS fotografia digital

São Tomé e Príncipe (Golfo da Guiné)

Situa-se praticamente na “metade do mundo”. Sim, literalmente, porque actua como intersecção entre o Equador e o Meridiano de Greenwich. Mas ali, em pleno paraíso, a tranquilidade é absoluta. Possui uma localização de luxo, mas poucos sabem disso. Este arquipélago africano mantém o seu encanto nas maravilhosas e densas florestas, assim como na riqueza das suas praias virgens, de areia branca e fantasias de mil cores debaixo de água. O coral é o tapete que cobre o seu fundo marinho, enquanto do outro lado se erguem coqueiros, baobás e outros presentes da Natureza.

Santo Tomé y Príncipe
Foto vía Luso Viajes: Santo Tomé y Príncipe

Butão

A moda do sudeste asiático, Índia e China, deixou de lado outras recônditas e belas pedras preciosas da Ásia. O Butão é uma delas, um país desconhecido e milenário, com 70% de área florestal e uma cultura que se ouve a partir de um passado remoto. Além disso, é acolhido pelos Himalaias que o embeleza e constroem uma vegetação circundante que lhe confere uma paisagem imperial da Natureza, salpicada por construções de contos de fadas. Para além disso, o Butão é o responsável pela criação da Felicidade Interna Bruta (FIB)um índice que mede a felicidade de um lugar, já que a sua população é uma das mais felizes do planeta. Será devido à ausência do turismo de massas?

khomson srisawasdi
Foto vía Shutterstock: khomson srisawasdi

Ilha de Bornholm (Dinamarca)

Situa-se ao sul da Suécia, mas a sua Natureza e localização permitem a existência de um microclima quente que a tornou a Pérola do Báltico. Para além disso, é exclusiva, íntima, reservada para os grandes sonhadores. E, claro, tem praias que nos tiram o fôlego, que hipnotizam, quer pelas suas altas falésias ou pelas águas cristalinas, dunas e paisagens impressionantes. Além disso, nesta ilha de origem vulcânica o impacto do Homem limitou-se a uma construção estratégica de igrejas e casas de defumação de peixe, para complementar os seus espaços naturais. Deslumbrante ao longo dos seus 600 km2!

Cinematographer
Foto vía Shutterstock: Cinematographer

Takayama (Japão)

O Japão é misterioso e tem sempre numerosas cidades, templos e vida para descobrir. Takayama, situada nos Alpes Japoneses, é autêntica e muito especial. Os seus negócios (artesanato, saqué) vêm do passado e centram-se nas práticas que caracterizam a cultura japonesa. Destaca-se também a Natureza verdejante, que veste de gala as imediações da cidade milenária e os seus templos sagrados.

Yupgi
Foto vía Shutterstock: Yupgi

Ilha de Skye nas Ilhas Hébridas (Escócia)

Convidamo-lo a ir até à costa das chamadas Terras Altas (Highlands), isto é, a zona norte e montanhosa da maravilhosa e verdejante Escócia. Aqui formam-se as ilhas Hébridas, que têm a Ilha de Skye como referência, com o seu incrível cenário, perfeito para os olhos mais selectos. Ali, o mar e o céu confundem-se, as suas falésias desenham formas impossíveis e as colinas, lagos e cascatas formam parte do mesmo Ser. E, para fazer a conexão com a civilização, as casinhas coloridas, os restaurantes-barco com o seu salmão e o maravilhoso castelo de Eilean Donan, localizado à borda de um mar que parece de cristal.

Zoltan Gabor
Foto vía Shutterstock: Zoltan Gabor

Riga (Letónia)

Nomeada Capital Europeia da Cultura 2014, começou a ter relevância num mapa que a tinha praticamente esquecido. Porquê? Porque a sua essência medieval é evidente, a sua história é interessante e as suas paisagens urbanas um deleite, com os telhados vermelhos como principal imagem. Para além disso, é muito económica e reserva experiências únicas, como uma noite na Ópera Nacional Letona. O centro histórico e a torre de São Pedro são jóias que guardará nas suas recordações mais requintadas.

kavalenkava
Foto vía Shutterstock: kavalenkava

Deixe-se levar pelos tesouros mais belos e desconhecidos do planeta. Se está a postos para conhecer o mundo, porque não descobrir os lugares que muitos poucos irão visitar?

E se gostou deste post veja também:

Dê-nos a sua opinião

Os melhores planos de Inverno para desfrutar a dois!
Os melhores planos de Inverno para desfrutar a dois!
Aproveitar a fantasia do Inverno e fortalecer a sua relação com todo o tipo de actividades em pleno frio soa como uma óptimo plano, com certeza! Vista o casaco, coloque as luvas e um cachecol e... Sorria!
Miguel Matos Fotografia
3 actividades perfeitas para acalmar durante a organização do casamento
Planear um casamento é como uma montanha russa. Por isso, a Zankyou sugere actividades para acalmar durante a organização do casamento que já se revelaram eficientes em inúmeros casos.
Foto Pureza Mello Breyner
Vestidos de sonho: 10 escolhas da Zankyou para o verão que se aproxima.
Namore-os com carinho e, muito como fez com a sua cara-metade, escolha o que o coração mandar.

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa na Zankyou?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação