Tem medo do casamento? Damos-lhe 6 dicas para se deixar disso!

O medo de compromisso não é um fenómeno irracional, muito menos raro. Em especial, quando ouvimos tantas histórias de amor que tinham tudo para dar certo, mas afinal…

Esqueça o que ouve e foque-se no amor que sente, lembrando-se sempre das coisas boas que já passou com o seu noivo e imaginando que vai viver ainda mais. Atire para trás das costas as más energias e deixe-se de dúvidas. Nós pensámos em seis formas de contornar o medo do matrimónio. Fique para ler este artigo. Depois, será mais fácil construir um lar feliz com o seu amor.

Faraway StudioSolicite informação sobre “Faraway Studio”
Foto Faraway Studio

1. Foque-se nos seus desejos e lembre-se por que os tem

Quando os seus desejos são claros, honestos e fundamentados no amor, é fácil livrar-se do medo do futuro. Lembre-se por que ama o seu noivo e recorde-se de todos os momentos que a levaram ao ponto em que está agora: prestes a casar e a construir família.

Leia ainda: Engravidar? Agora não, obrigada! Saibam quando está na hora!

2. Aceite o que a espera

Primeiro lembre-se que viveu bons momentos, mas que também houve situações angustiantes. E assim vai ser o seu caminho: com altos e baixos. O seu amor tem virtudes, mas é natural que, com o tempo, venha a detectar algumas características não tão admiráveis. Tem de aprender a viver com isso. E sabe o que mais? Vai ser fácil, porque o ama. Tem de ter consciência que casamento não é sobre ser perfeito o tempo todo. Na fase do namoro, quando tudo é uma explosão de sentimentos e experiências, a tendência é para o fascínio. Tudo é lindo e maravilhoso. No casamento, surge a acalmia e o detectar de algumas imperfeições. Agora, se encontrar uma pessoa disposta a ficar consigo, mesmo depois de descobrir os seus pontos negativos, deixe-se de medos. Agarre-o com força e faça o mesmo. Aceite-o. Tem aí um amor para a vida! Nada de pendurar o seu vestido longe para ninguém o encontrar…

Faraway StudioSolicite informação sobre “Faraway Studio”
Foto Faraway Studio

3. Aprecie o momento

Muitas vezes, o conceito de “para sempre” pode ser esmagador e acabamo-nos por esquecer que o importante é viver o “agora”. Se vivermos bem o momento estamos a criar alicerces para um futuro melhor. A vida a dois constrói-se todos os dias. Todos os gestos contam. Um beijo, um sorriso e um abraço apertado fazem toda a diferença. Não deixe que os problemas profissionais e que as más línguas a influenciem negativamente. Dessas, sim, deve ter medo. Já agora, presenteie a sua cara-metade com um jantar romântico e saudável!

4. Evite fazer associações negativas

Está comprovado que a mente humana lembra-se melhor dos momentos negativos do que dos positivos. O seu receio de compromisso pode estar relacionado com algumas experiências menos boas que teve no passado, com outro homem. Deixe-se disso. Lá por uma relação não ter dado certo não quer dizer que outra também não dê. Afinal, nesta, já chegou ao ponto de marcar a data de casamento, não foi? Se ainda não, aqui vai mais um empurrãozinho: Como escolher a data do casamento: 5 critérios básicos para tomar a decisão!

Foto: Faraway StudioSolicite informação sobre “Foto: Faraway Studio”
Foto: Faraway Studio

5. Esqueça a sua idade… mesmo se já estiver “fora de prazo”

Para além de ter medo do matrimónio, ainda acha que já passou da altura de se casar? Bem, que confusão vai nessa cabeça. Esqueça as convenções e preconceitos sociais. Tem de o fazer, só se quiser e na altura que estiver preparada. Primeiro, precisa de fazer um reset mental, e se só aos 45 anos estiver bem formatada, não faz mal. Atire-se nessa altura para os braços do seu amor. Mas já que essa dúvida persiste, saiba que parece que afinal até Existe uma idade ideal para casar. Sabe qual é?

6. Diga tudo o que pensa… Sem rodeios

A honestidade é muito importante numa relação. Pode-se mesmo dizer que é a chave para um relacionamento forte e duradoiro. Por isso, se ao chegar a esta sexta dica ainda tiver receio de casar, diga-o ao seu noivo. Sabe-se lá se ele não sente o mesmo. Converse, puxe por ele e vai ver que vão ajudar-se mutuamente. A relação ficará ainda mais forte e o medo (dos dois) acaba por se desvanecer.

Foto: About EventsSolicite informação sobre “Foto: About Events”
Foto: About Events

Mantenha sempre o seu poder de sedução. Nem vai ter tempo para pensar em medos. Não perca Some like it hot: 4 jogos eróticos para manter a chama acesa.

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Foto Diana Nobre
Crise aos 30? Deixe-se disso! Os 30 e as mudanças que eles verdadeiramente trazem.
A ideia é que saiba gerir as suas expetativas dos 30. É a idade perfeita para fazer o que a faz feliz. Assim como são os 20, os 40, os 50 e tantas outras. As diferenças que existem entre os 20 e os 30 (as efetivas) fazem parte do ciclo. Conheça-as, viva bem com elas. E não confunda mudanças que acontecem mesmo com aquelas que “deveriam acontecer”. O plano não é igual para todos.
Como evitar o medo no dia de casamento? 4 Dicas que a ajudarão a superar as ansiedades e inseguranças
Como evitar o medo no dia de casamento? 4 Dicas que a ajudarão a superar as ansiedades e inseguranças
A pressão, a tensão e as inseguranças são três pontos negativos que advêm antes de qualquer evento - seja ele qual for. Aprenda a superá-los e disfrute do dia do seu casamento ao máximo!
135 milímetros
Do's & Dont's! 6 coisas que tem mesmo de fazer no seu casamento. E 6 coisas que tem mesmo de evitar!
Já diz a sabedoria popular que o seguro morreu de velho e que mais vale prevenir do que remediar.

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa na Zankyou?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação