É sapiosexual? Descubra tudo... aqui!

É sapiosexual? Descubra tudo... aqui!

Não sabe o que é ser sapiosexual? Não se preocupe! Nós contamos-lhe tudo ao detalhe e assim irá descobrir se é ou não é...

É sapiosexual? Descubra tudo... aqui!
Photo by Omid Armin on Unsplash
  • Vida a Dois
  • International
  • Felicidade
  • Romântico
  • Casal

Há muitos tipos de atração. A atração física é a mais evidente, mas considerando todos os fetiches e demais qualidades das pessoas, que são tão diferentes como água e o vinho, o amor e o sexo podem ser determinados por múltiplas variáveis, que não estão diretamente relacionadas com o físico. E é precisamente aqui que entra o conceito de sapiosexual.

Do ponto de vista etimológico, a palavra “sapiência” vem de sapientia, um vocábulo em latim que significa “qualidade do saber”. Assim um sapiosexual é uma pessoa que sente atração pela inteligência do outro ou por aquelas pessoas que a estimulam a nível intelectual. É-lhe familiar? Sim, o rótulo é novo, mas engloba um comportamento que sempre existiu.

Como são os sapiosexuais

Há pessoas que se deixam atrair pelo físico, mas há outras que preferem ir mais além, tendo em conta o que está na cabeça de cada um. De facto, muitas pessoas são de opinião que, após algum tempo, o mais importante numa relação é a pessoa em si, sendo o físico relegado para segundo plano. Quando se conquista o terreno do amor, dificilmente o físico, inicialmente importante para a atração sexual, determina a própria relação. Já o filósofo Platão, no seu diálogo O Banquetefalava dos graus do amor, defendendo que o que começa pela beleza do corpo, acaba no mundo das ideias e pelo amar as pessoas pela sua intelectualidade. Assim tudo começa por uma atração física, mas o fator interno acaba por se impor, apesar de também não se desprezar o externo.

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

Segundo a psicóloga e sexóloga Emma Ribas, os sapiosexuais vibram com a novidade. Gostam das experiências que saem da rotina, de tudo o que sirva para alimentar o seu cérebro: “procuram novas experiências e estímulos, fugindo da superficialidade”Assim, e apesar destas pessoas também valorizarem outras qualidades, dão especial importância à inteligência. Em contraposição, não sentem nenhum tipo de atração pelo quotidiano, nomeadamente por tudo aquilo que se repete e que se distancia da estimulação intelectual.

Leia também: Sexting: ajuda ou não a fortalecer as relações do casal?

guardar
Photo by David Lezcano on Unsplash

A estimulação de um sapiosexual

Este fenómeno é muito mais comum entre as mulheres do que entre os homens, pois elas deixam-se guiar mais por estímulos e sentidos do que eles, no que diz respeito à atração. Para além disso, segundo a doutora, com a evolução dos tempos, inclusivamente com a importância do género feminino no mundo laboral, as mulheres tendem a “procurar outros estímulos, como a inteligência”.

Para agradarmos a um sapiosexual, é importante que as conversas não sejam triviais, nem se debrucem sobre temas demasiado comuns. Se assim for, eles acabam por lhes dar a volta e oferecer uma nova perspetiva. Também é importante cultivar hobbies que permitam crescer ao nível intelectual e cultural. As visitas a museus, as viagens, as experiências emocionantes e a leitura são atividades que os sapiosexuais praticam e que geralmente valorizam em eventuais parceiros ou parceiras. Em geral, manter um espírito curioso e uma filosofia de vida baseada no “saber mais” é a chave para conquistar estas pessoas.

Leia também: Os traços de personalidade que deve procurar no sexo oposto

guardar
Créditos: Monkey Business Images

Sapiosexuais e o sexo

Os sapiosexuais não sentem apenas uma mera atração pelas pessoas que lhes estimulam a nível intelectual: a conexão é normalmente muito forte, chegando ao plano erótico. Desta forma, o psíquico acaba por ter uma grande relevância ao nível físico e serve como base para os encontros sexuais. O psiquiatra Lister Rossel afirma que “o cérebro é o principal órgão sexual, mais do que a pele e do que os órgãos genitais”. Por isso, a inteligência pode preparar melhor o terreno sexual e conseguir novos níveis de desejo e prazer, graças à influência do intelecto na parte física.

Leia também: 6 atitudes que revelam maior intimidade num casal que o sexo: venham conhecê-las!

guardar
Photo by Daniil Lobachev on Unsplash

Inconvenientes em ser sapiosexual

A atração e o amor pela inteligência podem assegurar um futuro muito emocionante em matéria sentimental, mas também pode ser um problema para determinados perfis de pessoas. As pessoas inseguras e com baixa autoestima são geralmente mais débeis ao nível emocional e, por consequência, mais facilmente manipuláveis. Uma pessoa com extraordinária oratória e capacidade de sedução a partir do plano intelectual pode influenciar e condicionar seja a quem for, mais ainda às pessoas com desconfianças, medos e inseguranças.

Leia também: Como cuidar da auto-estima em casal: 7 passos para o conseguir

guardarJacob Lund
Foto Shutterstock

E então, é sapiosexual? Para o amor e o sexo, o mundo é um mistério. No entanto, a atracão pela inteligência é um fenómeno mais habitual do que parece. Embora saibamos que o físico é importante, é bonito pensar que, em última análise, o que importa é o que temos dentro de nós mesmos.

Talvez também lhe interesse: