Comprar ou alugar casa? As dicas para escolherem a vossa primeira casa em comum

Com ou sem casamento pelo meio, quando duas pessoas decidem viver juntas há um aspecto fundamental que terá de ser abordado em primeiro lugar: onde? Por seu turno, quer tenhamos vivido com os nossos pais até ao último momento ou tivermos passado pela experiência de partilhar casa com amigos, mudar de ambiente é sempre um passo difícil, por diversas razões, sobretudo do ponto de vista económico. Neste sentido, há sempre uma dúvida que acaba por surgir: ‘vamos comprar ou alugar?’ Para vos ajudar a encontrar a resposta a esta questão, recorremos à opinião de especialistas, que nos elucidaram sobre os prós e os contras de ambas as opções. Ora leiam!

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
It’s all about…

Vantagens em alugar casa

Vocês são jovens e a vossa vida pode mudar a qualquer momento. O vosso trabalho ainda não é muito estável e as vossas preocupações estão ainda em plena efervescência. Por isso, se estão apaixonados por aquele bonito apartamento que visitaram há duas semanas no centro de Lisboa, pensem que a qualquer altura podem estar a ver outro ainda melhor em Bruxelas, Boston ou Tóquio. Nesta perspectiva, este poderá não ser o melhor momento para se hipotecarem em todos os sentidos da vida. Vão ter tempo de criar raízes num determinado lugar durante muito tempo! Tendo em conta a personalidade dos millennials, que mudam de vida (e gostos, aspirações…) como quem muda de camisa, quem sabe não seja realmente melhor alugar e ter na manga um plano de fuga com vista a possíveis mudanças.

It's all about...Solicite informação sobre It's all about e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

Para além disso, a ausência de certas despesas (condomínio, seguro…) acaba tornar esta opção um pouco mais rentável nestes primeiros anos. Por seu turno, em caso de crise financeira, quer ao nível pessoal como em geral, as dívidas são limitadas aos meses que não foram pagos, pelo que não se têm de preocupar com outros extras. Também será mais fácil mudar de habitação, isto é, deixar a casa e procurar outras alternativas mais económicas (embora dependa do contrato de arrendamento assinado). Por fim, em caso de problemas, um aluguer implica maiores facilidades na hora de negociar o preço, pois é muito mais fácil chegar a acordo com o senhorio do que com o banco!

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

Desvantagens de alugar casa

O dinheiro que gastam durante vários meses (ou anos!) não é aplicado em nenhum investimento. Ou seja, perdem simplesmente os vossos pagamentos de renda mensais, que já não vão servir para o futuro. Para além disso, o valor das rendas acaba por ser igual ou até superior à mensalidade que é necessária pagar ao banco pelo empréstimo. Por isso, quem prefere comprar casa em vez de alugar considera que vale a pena apostar numa hipoteca para obter um bem a longo prazo, algo que pertença verdadeiramente ao casal no futuro. Isto sem falar que um aluguer não é invariável e com o passar dos anos também está sujeito a actualizações. Desta forma, todos os cálculos pensados podem sofrer variações importantes.

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

Vantagens em comprar

O sector imobiliário tem vindo a regressar à normalidade e isso motiva a compra de casa. Segundo dados do Instituto Nacional de Estatísticas (INE), no segundo trimestre de 2016 transaccionaram-se 31 768 casas, o que representa um aumento de 29,6% face ao mesmo período do ano anterior. E o mercado imobiliário vai crescer este ano, apesar do previsível aumento das taxas de juro. Com efeito, o presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP), Luís Lima, antecipa um crescimento de 30% no mercado imobiliário para 2017.

 It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

A aquisição de casa acontece, por vezes, para alugar a terceiros para alcançar alguma rentabilidade. Noutros casos, e na maioria deles, o casal quer simplesmente assegurar o futuro, pois o gasto mensal supõe um investimento a longo prazo que, em certa forma, fortalecerá a relação na qual se encontram. Tendo em vista a formação de uma família, sempre e quando se conta com uma certa estabilidade sem pretensões de mudar de ares, esta opção é uma boa solução e cimenta a relação. Segundo os especialistas, este é o momento para comprar, apesar de dever ser um acto realizado com sensatez e ponderação, para não se cair em erros do passado.

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

Desvantagens em comprar

Para além das aspirações e da exploração de novas fronteiras que abordámos no primeiro ponto, comprar uma casa tem alguns inconvenientes de um ponto de vista mais prático. Por exemplo, a possibilidade de uma nova crise imobiliária como a que aconteceu nos últimos anos, independentemente do que se prevê para o futuro. Aliás, e de acordo com um estudo da Universidade do Minho publicado em livro no passado mês de Março, após a crise financeira que abalou Portugal e o mundo nos últimos anos, os portugueses ficaram mais desconfiados e com receio de pedir empréstimos aos bancos para comprar casa, sobretudo os jovens, pelo que se prevê que até 2025 o número de créditos a indivíduos com menos de 30 anos vá diminuir mais do que 50%. Isto porque “a realidade laboral que os mais jovens enfrentam também não favorece a compra de habitação própria”, para além da mudança cultural que a crise acabou por fazer surgir, que teve como consequência os jovens passarem a encarar a residência fixa de outra forma.

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…
It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

Assim, este medo gerado pela crise, que se junta ao receio de que as taxas de juro aumentem, são bons motivos para conter o desejo de comprar casa. Para além disso, os custos envolvidos nesta operação também contribuem para uma maior ponderação sobre o assunto. Com efeito, a juntar ao preço da casa – e no caso da compra de um imóvel com recurso a financiamento – será necessário contar com as comissões bancárias, o IMT, o imposto de selo sobre a compra e o financiamento, o registo em escritura e os seguros de vida e multirisco, para além dos gastos mais gerais, como o condomínio. 

Se, por seu turno, começaram agora uma vida em comum, quem sabe não será mais positivo cimentar a relação neste novo cenário e deixar tanta papelada e assuntos tão complexos lá mais para  a frente, quando tiverem a vida mais organizada e estável. E é preciso lembrar que vocês são jovens, mais adeptos das mudanças, pelo que devem esperar estar a viver num local há mais de cinco anos para comprar casa. Antes disso, não é aconselhável.

It's all about...Solicite informação sobre It's all about... e reserve a sua data
Foto: It’s all about…

E vocês, o que preferem? Comprar ou alugar? A decisão será vossa, mas nunca é demais analisar a situação e ter em conta os interesses comuns e de cada um. É bom que os casais estejam em sintonia neste tipo de decisões, pois elas determinam a conexão entre eles… muito mais do que parece!

Se querem mais conselhos sobre a vida que vai começar em comum, fiquem atentos ao primeiro carro que deveriam comprar enquanto casal, aos 8 maus hábitos que tem de largar se decidirem “viver juntos” e o que (não) fazer no vosso primeiro jantar com convidados.

Dê-nos a sua opinião

Nelson Marques Photography
23 canções alternativas para a vossa primeira dança de recém-casados
Se querem sair do padrão dos clássico, estejam atentos a estes temas alternativos para a primeira dança de casados de fresco!!
Diana Nobre Fotografia
Amar é fácil, o difícil é conviver com a pessoa que amamos: dicas para que a vossa vida depois do casamento seja um sucesso!
Como viver cada segundo, na mesma casa, com a pessoa que amamos? Como fazer com que a vida a dois, depois do casamento, seja um sucesso? Bem, hoje, respondemos às vossas preces e a essas perguntas: venham espreitar!
Profoto
As dicas que faltam à mãe da noiva: a vossa menina vai casar-se!
Hoje, aqui, na Zankyou Magazine, dedicamo-nos a elas, às mulheres das nossas vidas... Fiquem, mães da noiva, com as dicas que vos faltam: a vossa menina vai casar-se!

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa na Zankyou?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação