Estamos casados! E agora?!

Estamos casados! E agora?!

Há pequenos "dramas" relacionados com o conceito de casamento que devem ser esquecidos. Truque: focar-se em ser feliz ao lado da pessoa que escolheu!

Estamos casados! E agora?!
Foto: Irisbyphoto
  • Pós-Casamento
  • Conselhos
  • International
  • Msn
  • Casados de fresco

Esta questão é mais frequente do que parece e do que imaginamos. Depois do casamento, com os ânimos e emoções mais calmas e controladas, os noivos ficam sem saber o que fazer… pelo menos nos primeiros dias. Consegue imaginar um casal sentado na cama a olhar para o infinito? É um cenário que pode acontecer algumas noites depois da noite de núpcias, surgindo devido a todas as expectativas e ideias negativas que tendemos, inconscientemente, a associar ao casamento.

Assim, hoje partilhamos consigo, um guia prático e emocional para que a vossa vida não mude depois do “Sim, aceito” e tenham o célebre “… e viveram felizes para sempre”. 

Desfrutem da lua-de-mel 

Depois do excesso de emoções do grande dia, coloquem todo o stress do casamento de lado para se centrarem unicamente em vocês. Esta viagem de sonho serve para não entrarem automaticamente na rotina de casados e para começarem a viver esta vida em conjunto gradualmente e num cenário idílico. Aproveitem ao máximo a lua-de-mel para que se conectem a novos e diferentes níveis, para descansarem e vislumbrarem o futuro com um sorriso na cara.

E se ainda estão indecisos, veja como escolher o destino ideal para a vossa lua-de-mel.

guardarEstamos casados! E agora?!
Foto: Irisbyphoto

Mantenham-se jovens

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

Depois de trocarem os votos de casamento, terem dito o “Sim, aceito” e de assinarem os papéis, muitos noivos tornam-se, instantaneamente, “velhos”. Mas porquê? Casar é importante numa perspetiva legal, mas é também uma constatação e expressão do vosso amor. Portanto, não é necessário tornarem-me drasticamente muito mais maduros após o grande dia. Não mudaram de um dia para o outro. São jovens e devem comportar-se como tal, mesmo que possuam uma aliança na vossa mão a dar um toque especial à vossa vida. Por esta razão, estão “autorizados” a fazerem viagens com mochilas às costas e ir a festas até às tantas da manhã. Também os jantares em restaurantes de fast-food, os parques de atração e os festivais de música são muito bem-vindos à vida do casal.

Leia também: As 5 coisas que sempre fez e não pode deixar de fazer depois de casar!

guardarEstamos casados! E agora?!
Foto: Nuno Lima Fotografia

Sejam fiéis a vocês mesmos 

Depois do dia de casamento, muitos casais convertem-se em “marido e mulher” e esquecem-se de ser eles mesmos, aniquilando, desta forma, a sua personalidade. Por esta razão, não é necessário adotar alcunhas excessivamente sérias e renunciar a individualidade ou, até mesmo, adquirir os hábitos que fazem parte de tantos outros casais. O monovolume não é obrigatório… O carro desportivo que sempre desenhou também deve ser considerado como uma alternativa e uma vantagem associada: também tem espaço para uma cadeirinha de bebé.

Apesar disto, queremos alertar para o facto de que tornarem-se mais maduros não tem que ser uma coisa necessariamente negativa, mas é bem melhor fazê-lo de forma consciente, sem renunciar à sua personalidade!

Leia também: No seu casamento e na sua vida: para ter sucesso seja você mesma!

guardarEstamos casados! E agora?!
Foto: Feel Creations – Wedding Photo & Film

Não discutam por qualquer coisa

Os estereótipos nem sempre são bons e, às vezes, são interpretados como leis, mesmo que não nos demos conta de tal. Muitos casais casam-se e começam a ter conflitos frequentes. E mais uma vez a pergunta: mas porquê? Deixem que as good vibes sejam uma das características da vossa relação e do vosso lar. Se são um casal, é porque assim o desejaram, mesmo que por vezes se deparem com altos e baixos. As discussões e pequenos conflitos são normais, mas a realidade pode ser diferente: o amor trabalha-se dia após dia e devem enfrentar qualquer “mal-entendido” com paciência e serenidade.

Veja quais são as 10 coisas que NUNCA deve dizer numa discussão!

guardarEstamos casados! E agora?!
Foto: Feel Creations – Wedding Photo & Film

Não entre em stress

O stress não é positivo em nenhum aspeto da nossa vida. De facto, este comportamento não é sinónimo do ato de pensar racionalmente e de forma clara. Vocês estão casados e é isso que querem, portanto não é necessário complicar ou dramatizar as situações. O casamento é importante, mas não tem de ser percecionado como uma jaula. Se está a desfrutar ao máximo do seu casamento, no qual existem momentos para tudo e onde esteja incluída alguma independência, este estereótipo que rege a sociedade irá tornar-se num acontecimento igualmente especial, ou pelo menos, não tão dramático. Não é caso para tanto!

Aproveite cada momento sem pensar que estar casado significa dar tiro no escuro ou um salto para um vazio infinito. O matrimónio é o melhor “para-quedas” para os maus momentos que se atrevessem ao longo do caminho. Por isso, desfrute das suas vantagens inacreditáveis.

Leia também: 8 dicas para que a rotina não durma com o vosso casamento: venha conhecê-las!

guardarEstamos casados! E agora?!
Foto: Bruno Bragança Photography

Tendo em conta “o drama” que pode pairar em torno do conceito do casamento, é imprescindível que o casal saiba como agir e aprender a aceitar a realidade. Os rumores, os mitos e as opiniões de terceiros não estão sempre corretos. Não se deixe enganar!

Para continuar a lutar contra as eventuais desventuras do seu casamento, talvez também lhe interesse:

 

 

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Bruno Bragança Photography Fotógrafos e vídeo
Nuno Lima Fotografia Fotógrafos e vídeo
Irisbyphoto Fotógrafos e vídeo