Aos 20, aos 30 ou aos 40: o que é que muda na celebração do casamento com a idade?

Aos 20, aos 30 ou aos 40: o que é que muda na celebração do casamento com a idade?

De facto, pouco importa se se decidem casar aos 20, aos 30 ou aos 40 anos! O amor é maravilhoso... E não tem hora marcada! Mas, quer saber o que é que muda na celebração do casamento com a idade?

Aos 20, aos 30 ou aos 40: o que é que muda na celebração do casamento com a idade?
Foto: MarcoClaro Wedding Photographer
  • Planear o Casamento
  • Conselhos
  • Msn
  • Compromisso
  • Noivos
  • Casal

Odiamos comparações. E, de facto, pouco importa se decide casar aos 20, aos 30 ou aos 40 anos! O segredo é sempre aproveitarmos tudo o que a vida nos traz de singular a cada instante, bebermos o máximo da alegria do dia-a-dia… O amor é maravilhoso… E não tem hora marcada!

Mas, ainda assim, há diferenças nos enlaces, dependendo das faixas etárias, claro… Coisas boas e… Coisas menos boas! Quer saber o que é que muda na celebração do casamento com a idade? Então, vamos a isso!

Aos 20 anos

guardar
Foto: Louder Than Fire

O bom

Tudo é vivido com a excitação e com a alegria dos 20 anos – e em nenhuma outra fase da sua vida viverá o dia do vosso casamento como nesta! Aos 30 ou aos 40 anos, os dias inesquecíveis, vividos, são já inúmeros, especialmente, se já tiverem filhos… O caminho, que iniciareis, juntos, será maravilhoso… Partilharão todos os sucessos, todos os fracassos… Partilharão o melhor e o pior…

A lista de casamento, para ambos, será verdadeiramente útil… Muito mais do que estarem a construir o vosso amor, estão a dar forma a outros aspetos das vossas vidas… A vossa casa, o vosso lar, por exemplo! Quando mais velhos, a palavra de ordem é aprimorar e não criar… (A Zankyou Portugal, a propósito, tem à vossa disposição, a sua fantástica lista de casamento… Dê uma vista de olhos!)

Serão, acima de qualquer outra coisa, companheiros de vida!

O menos bom

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

A celebração, o grande dia… Não são tudo! Mas, só se se esforçar, conseguirá ver além dela… Entre empréstimos, imprevistos, bebés… Arrepender-se-á, só mais tarde, de ter despendido tanto, financeiramente, naquelas peónias, que, na altura, eram estritamente essenciais!

Como essenciais são todas e cada uma das 300 pessoas que constam da vossa lista de convidados… Mas a verdade é que, a partir dos 30 anos, muitas delas deixam de o parecer – porque ser, verdadeiramente, nunca foram! O círculo de amigos torna-se mais pequenino… Mas, mais íntimo!

Aos 30 anos

guardar
Foto: Power On Photography

O bom

Aos 30 anos, a liberdade económica é, normalmente, maior… A carreira está assente, consolidada e assim, o futuro afigura-se risonho…

Muitos amigos se casaram, outros tantos se divorciaram… Alguns deles têm filhos, que vos chamam de tios e que correm para o vosso colo… Aos 30, o tempo é de amadurecimento – e de ver amadurecer, também a vida… Os minutos que partilha com o seu par, fluem, de forma serena… Será muitíssimo mais fácil, do que aos 20 anos, entenderem-se em cada um dos detalhes para o vosso casamento.

Também a probabilidade de se separarem, num futuro, desce. Conheceram-se para caminhar juntos… E caminharão!

O menos bom

E porque já viveram tanto, juntos, a lua-de-mel, por exemplo, não terá o mesmo peso que imaginam… Já viajaram, para outros destinos incríveis! Não será a viagem das vossas vidas… Mas antes mais uma das viagens das vossas vidas!

Aos 40 anos

guardar
Foto: SLcasamentos

O bom

Na quarta década de vida, a ambos não vos faltam histórias para contar… Relações passadas, erros cometidos, experiências memoráveis, ideias e projetos de arromba… Cada decisão, para o casamento, será tão fácil e natural de tomar, quanto respirar.

Permitir-se-ão às maiores loucuras… Aos 40 anos, as regras caem por terra, porque nenhum dos dois se preocupa com as opiniões ou com as expectativas dos demais…

Mas, loucuras à parte, a palavra “compromisso” é a que vos une… E terá, nesta fase, como em nenhuma outra, um significado muito mais forte. Ambos viveram o muito bom da vida, ambos sucumbiram ao muito mau da vida… E o laço que querem para o resto do vosso tempo… Querem-no para todo o sempre, a todos os níveis.

O menos bom

É possível que, infelizmente, algumas pessoas não possam estar presentes... Porque a vida as levou por outros caminhos, porque partiram, entretanto… A trama adensa-se, a vida complica-se…

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Power On Photography Fotógrafos e vídeo
SLcasamentos Fotógrafos e vídeo
MarcoClaro Wedding Photographer Fotógrafos e vídeo
Louder Than Fire Fotógrafos e vídeo