Tradições machistas no seu casamento: saiba quais são!

Tradições machistas no seu casamento: saiba quais são!

O casamento está marcado e é hora de começar a pensar em todos os pormenores, fazer a lista de convidados, escolher o tema do casamento e tratar dos preparativos para o grande dia. E quando falamos em tradição?

Tradições machistas no seu casamento: saiba quais são!
  • Protocolo
  • Conselhos
  • Noivos
  • Original

O casamento está marcado e é hora de começar a pensar em todos os pormenores, fazer a lista de convidados, escolher o tema do casamento e tratar dos preparativos para o grande dia. E quando falamos em tradição? Tudo o que envolve o seu casamento vai ter um cunho tradicional? Neste artigo, fazemos uma reflexão sobre algumas tradições que, ainda que tenham feito sentido no passado, já não fazem qualquer sentido nos dias de hoje.

guardar
Foto: 1Love4Ever Photography

Despedida de solteiro vs chá de bonecas

Para o noivo, uma festa animada, com bebidas, amigos, striptease, talvez… Para a noiva, um evento com as mulheres da família, esposas dos amigos e amigas íntimas com o intuito de falar do grande dia e partilhar os medos e anseios com a aproximação do momento da união com o casal. Mesmo antes do casamento já se notam as diferenças de género. Que tal inovar e marcar uma despedida de solteiro em conjunto? Podem sempre receber os amigos num local agradável ou organizar eventos similares em separado.

guardar
Foto: Maria Papoila

Mensagens desnecessárias

Muitas vezes, os elementos de decoração contemplam frases machistas como: “Ainda dá para fugir” ou “Mulheres, eu ainda estou solteiro”, entre tantas outras mensagens que reforçam estereótipos de que os homens são obrigados a casar, de que as mulheres têm que ser bonitas para casar e que os homens são a prova viva de que as mulheres precisam deles, etc. Calma! Estamos no século XXI. Este é o momento de celebrar o amor e a realização do sonho de um jovem casal. Que tal trocar estas mensagens por algo mais romântico e alegre?

guardar
Foto: A Pajarita
guardar
Foto: A Pajarita

Os bonequinhos do bolo

Todos nós já fomos a algum casamento em que o topo do bolo tinha um noivo amarrado a ser puxado pela noiva… Mais uma vez, a metáfora do noivo que, coitado, é obrigado a casar quando na verdade ambos deveriam estar a celebrar o amor que os uniu. Com esta concorda, não?! E que tal fazer algo diferente?

guardar
Foto: Doces Sonhos by Mafalda Rios
guardar
Foto: Doces Sonhos by Mafalda Rios
guardar
Foto: Doces Sonhos by Mafalda Rios

A hora do bouquet

Não quer perder as últimas novidades para o seu casamento?

Subscreva a nossa newsletter

No auge da festa, é hora de atirar o bouquet. A tradição é divertida e pode parecer inofensiva, mas incentivar as mulheres a lutarem para serem a próxima a casar não é representativo da realidade. Há mulheres que podem, eventualmente, nem pensar em casar para breve e uma vez mais a solteira que agarra o bouquet é vista como a próxima a ter que “conseguir um marido” O casamento é uma escolha do casal e que deve ser comemorado e não lamentado, nem por pura brincadeira. Escolha as flores do seu casamento em 5 passos.

guardar
Foto: Gonçalo Feyo Fotografia

Responsabilidades da família da noiva

Para alguns, ainda faz parte da responsabilidade da família da noiva assumir os custos da cerimónia e da festa de casamento. O pai da noiva também fica com a responsabilidade de levar a filha ao altar e entregá-la ao marido. Não faz sentido celebrar o seu casamento com base em estereótipos que colocam as mulheres em posições inferiores durante a cerimónia. A decisão de se casar, deve por amor, respeito e vontade de ambos. E sobre os custos do casamento, muitos casais conseguem pagar o seu próprio casamento sem depender de terceiros. Obviamente que não há mal nenhum ter a ajuda da família, mas não o encare como uma obrigação.

guardar
Foto: 1Love4Ever Photography

Adotar o apelido do marido

Muitos noivos e até as próprias famílias ficam aborrecidos se dissermos que não queremos adotar o apelido do nosso mais que tudo. No entanto, tal decisão acarreta uma corrente de pensamento ligada a uma tradição machista de noção de propriedade. Ninguém pertence a ninguém e ninguém é obrigado a adotar o apelido de outrem só para agradar a família ou o futuro marido. Saiba mais detalhes do porquê desta tradição.

guardar
Foto: 1Love4Ever Photography

A representatividade do vestido branco

Sabia que o vestido de noiva nem sempre foi branco? A cor era uma opção, mas a roupa da mulher na cerimónia poderia ser azul, verde, vermelha, ou outra que a noiva preferisse! Foi em 1840 que a moda do branco pegou entre os casamentos, depois da Rainha Victoria se ter casado com o Príncipe Albert por amor e ter escolhido o branco para fugir à tradição das outras cores. E foi aí que se criou um novo padrão. Sabemos que o branco é uma cor que fica sempre bem nas noivas, mas se prefere outras cores, escolha a sua! A cor rosa, por exemplo, pode ser uma boa opção, no caso de preferir uma diferenciação mais discreta.

guardar
Maxima Bridal

E agora que despertámos a sua mente para todas estas questões, partilhe connosco se alguma das que mencionámos neste artigo farão parte da sua cerimónia, e porquê.

Certamente irá gostar de ler:

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

a pajarita Convites
Maxima Bridal Estilistas noiva
Gonçalo Feyo Fotografia Fotógrafos e vídeo