Antes de dar O grande passo: 10 coisas imprescindíveis a fazer com a sua cara-metade!

O amor é um salto de fé! Acreditamos que vamos amar aquela pessoa para sempre, apesar de tudo e de todos. Isso é o mais importante. Mas podemos sempre ter as probabilidades a nosso favor. E pensar a nossa relação com um espírito práctico. Viver a dois nem sempre e fácil e se quiser aumentar as probabilidades de uma união mais feliz, há algumas coisas que convém já ter feito com a sua cara-metade antes de assumir o compromisso de uma vida em comum. Porque as pessoas reagem de forma diferente a vários contextos diferentes e é importante que você conheça o melhor possível (e melhor que ninguém) a pessoa com quem se quer comprometer a passar o resto da sua vida.

It's all AboutSolicite informação sobre “It's all About”
Foto It’s all About
João Almeida FotografiaSolicite informação sobre “João Almeida Fotografia”
Foto João Almeida Fotografia

As surpresas são inimigas da prevenção. Antes que seja confrontada com algumas questões pós casamento, é boa ideia antecipa-las. A Zankyou preparou uma checklist das 10 coisas que convém que já tenha feito com a sua cara-metade antes de dizer O sim! Se já tiver feito todas ou mais de 7 desta lista e tudo tiver corrido lindamente, então pode começar a pensar já no próximo passo, o casamento.

1. Viajar juntos

Estar com uma pessoa de vez em quando, para passear e namorar, é tão fácil. Difícil é conviver com ela 24 horas sobre 24 horas. Uma viagem é uma boa forma de testar compatibilidades, de perceber se as pessoas são capazes de cedências e de compromissos. Começando pela escolha do destino e acabando nos planos para o que fazer em viagem, vai ser um bom exercício para ver se você e a sua cara-metade são mesmo capazes de acertar as agulhas!

Efeito EspontâneoSolicite informação sobre “Efeito Espontâneo”
Foto Efeito Espontâneo

2. Sexo

Contrariando tudo aquilo que as nossas avós nos ensinaram (as as avós das nossas avós também), o ideal é saber se é “compatível” com a sua cara-metade neste campo da sua vida também. E não desanime, se não tiver sido o melhor sexo da sua vida logo à primeira ou à segunda. Como em tudo o resto na vida, estas coisas trabalham-se. Havendo atracção e amor, tudo se resolve!

Efeito EspontâneoSolicite informação sobre “Efeito Espontâneo”
Foto Efeito Espontâneo

3. Conhecer e conviver com as famílias

Ao dizer Sim a alguém, não está apenas a aceitar essa pessoa na sua vida. Está a aceitar a sua família e tudo aquilo que lhe é querido.

Efeito EspontâneoSolicite informação sobre “Efeito Espontâneo”
Foto Efeito Espontâneo

4. Com os amigos também

E quem diz família diz os amigos também. Haverá alguns de quem gostará menos? Claro que sim. Pois bem, é bom que aprenda a lidar com isso antes do casamento. E lembre-se, também há-de haver amigos seus que a sua cara-metade poderá gostar menos e ele ou ela também terão de aprender a lidar com isso.

João Almeida FotografiaSolicite informação sobre “João Almeida Fotografia”
Foto João Almeida Fotografia

5. Compras

Leu o ponto 5 e achou que tinha finalmente um motivo válido para arrastar a sua cara-metade para uma tarde de compras. Já se imaginou na Zara, na Area, no Ikea… Não! Estamos aqui a falar daquelas compras mais chatas de se fazer (e mais necessárias também)! Ir ao supermercado diz muito sobre aquilo que comemos, o que gostamos e que estilo de vida queremos levar. Vai querer saber antes do casamento, se a sua melhor metade prefere carnes e legumes frescos ou congelados, se sabe como estufar um naco de vitela ou se apenas sabe furar a película de uma embalagem de lasanha antes de a colocar no micro-ondas, se tem o hábito de comer fruta ou passa recto na secção de frescos do supermercado. O amor é lindo, o sentimento que a une ao seu amor mais bonito ainda mas é nas questões mais prácticas que as relações tendem a incomodar.

João Almeida FotografiaSolicite informação sobre “João Almeida Fotografia”
Foto João Almeida Fotografia

6. Conhecer e aceitar aquelas peculiaridades que todos temos

Seja dormir de luz acesa ou ficar horas na casa de banho a tirar pontos negros, todos temos pequenos hábitos que nos definem e que não estamos a pensar deixar de ter. Por isso, era uma boa ideia saber de antemão como são as rotinas da pessoa com que vai casar. Claro que terão tempo de se ajustar um ao outro ao longo do tempo, mas conhecimento é poder. Depois, quando acordar uma hora antes da sua hora de entrada no trabalho e perceber que o seu marido ou a sua mulher ocupam a casa de banho por mais de 45 minutos e só lhe restarem 15 para tomar banho, maquilhar-se, vestir-se e pôr-se no trabalho, não diga que não avisamos.

JL Fotografia
Foto JL Fotografia
João Almeida FotografiaSolicite informação sobre “João Almeida Fotografia”
Foto João Almeida Fotografia

7. Perceber se há (ou pode haver) hobbies

Casados ou não, todos temos direito aos nossos hobbies. E à medida que os compromissos aumentam e o tempo livre escasseia, vemos-nos muitas vezes obrigados a abrir mão de passatempos que tínhamos como pequenos prazeres. Isso é meio caminho andado para uma vida de frustração. Perfeito, perfeito, seria saberem de antemão que hobbies têm e quais os que podem fazer juntos. Assim se matam dois coelhos com uma cajadada só: mantém-se os hobbies e passam tempo juntos!

João Almeida FotografiaSolicite informação sobre “João Almeida Fotografia”
Foto João Almeida Fotografia

8. Ir a um casamento

Que melhor forma de saber o que o outro gosta e não gosta num casamento e o que o outro quer e não quer na sua festa de casamento do que irem a um casamento juntos?

It's all About
Foto It’s all About
Papermoons by Diana NobreSolicite informação sobre “Papermoons by Diana Nobre”
Foto Papermoons by Diana Nobre

9. Embebedar-se (ficar alegres, vá)

Ao casar com alguém, aceita essa pessoa no seu melhor e no seu pior! Quer ver o seu pior antes de se comprometer com isso? Embebede-o! Pode ter sorte e acabar por ver o melhor dele ou dela também. E divertir-se à brava no processo.

Papermoons by Diana NobreSolicite informação sobre “Papermoons by Diana Nobre”
Foto Papermoons by Diana Nobre

10. Se possível, viver juntos

Seria ideal. Somos gente moderna e acreditamos no viver juntos antes do casamento. Pode ser apenas durante uns meses, mas esse exercício ajuda muitos os casais a saber exactamente em que consiste uma vida de casados. Já dizemos antes, mas repetimos com todo o gosto: saber é poder!

Papermoons by Diana NobreSolicite informação sobre “Papermoons by Diana Nobre”
Foto Papermoons by Diana Nobre

Coloque as probabilidades a seu favor. Faça isto e muito mais com a sua cara-metade, não só porque vai enriquecer a vossa relação mas sobretudo porque você vai querer conhecer melhor a pessoa a quem quer entregar o resto da sua vida e com quem quer começar uma família.

Contacte com as empresas mencionadas neste artigo

Mais informação sobre

Dê-nos a sua opinião

Faça gratuitamente e em 2 clicks um site magnífico para o seu casamento.

100% personalizável e com centenas de layouts para escolher Ver mais layouts >

Quer divulgar a sua empresa na Zankyou?
Se tem uma empresa de casamentos ou é um profissional do sector, Zankyou oferece-lhe a oportunidade de divulgar os seus serviços a milhares de casais que nos escolhem para organizar o seu casamento em 23 países. Mais informação